Um blog do Ministério Fiel  Um blog do Ministério Fiel

Guy Davies – Pregação: Guia para Iniciantes (1/3)

Nesta série de 3 artigos Guy Davies fornece algumas instruções básicas para quem deseja aprender mais sobre pregação – um guia para iniciantes. Ressalta-se que tomamos a liberdade de adaptar o texto com os recursos brasileiros.

| parte 1 | parte 2 | parte 3 |

1. O que é a pregação?

Talvez seja mais fácil dizer o que a pregação não é do que o que ela é. Não é um compartilhar de alguns pensamentos de ouro sobre um texto bíblico. Pregar não é um estudo bíblico. Não é uma palestra. Pregação não é um show de comédia. O que é então? De uma maneira bem simples, apregação é a proclamação da palavra de Deus por homens para os outros seres humanos. Portanto, a pregação tem quatro componentes principais: O Homem devidamente dotado e chamado. A Mensagem, a palavra de Deus. O Meio, a proclamação falada. A Motivação: para beneficiar outros seres humanos (Colossenses1:28). Mas talvez a minha definição seja um pouco prosaica. De acordo com D. Martyn Lloyd-Jones, pregação é a “teologia em chamas”.

2. O kit de iniciante de um pregador

1) Oração

Um homem não deve aventurar-se a falar por Deus a menos que primeiro tenha falado com Deus (Atos 6:4).

2) Uma boa tradução da Bíblia

A pregação envolve a explicação precisa das Escrituras. Uma paráfrase como a NTLH ou A Mensagem não irão ajudar. Use uma tradução adequada e confiável, tais como: ACF, ARA, ARC, Almeida Século XXI, NVI, KJA. Os sites BibliaOnline.com.br e BibliaOnline.net.br são totalmente pesquisáveis e dão acesso a uma ampla gama de traduções.

3) Comentários Bíblicos

C. H. Spurgeon sobre a utilização de comentários,

“Parece estranho, que certos homens, que falam muito do que o Espírito Santo lhes revela, pensem tão pouco sobre o que ele revelou para outros… Foi a moda nos últimos anos falar contra o uso de comentários… Uma respeitável familiarização com as opiniões dos gigantes do passado poderia ter poupado muito um pensador errático de interpretações selvagens e inferências ultrajantes.”

Velhos mestres como João Calvino e Matthew Henry estão disponíveis gratuitamente on-line [em inglês - em português estão disponíveis para compra na Editora Fiel e na CPAD, respectivamente]. Volumes da série Cultura Bíblia – Introdução e Comentário (Edições Vida Nova – Antigo Testamento e Novo Testamento) são geralmente dignos de consulta. [Outro bom comentário seria o Comentário Bíblico Vida Nova. Online você pode encontrar alguns comentários pontuais no monergismo.net.br]

O pacote ‘Logos Bible Software‘ vem completo com uma série de comentários e tem um recurso útil de tradução da Bíblia interlinear. [Em português algo perto disto seria a Biblioteca Digital da Bíblia, disponível para o Logos também.]

4) Teologia Bíblica

A teologia bíblica é o estudo da revelação progressiva, incutindo uma consciência do enredo básico da Bíblia, da criação à nova criação. Ela também tenta traçar o desenvolvimento e principais temas bíblicos, como a vinda da “semente” prometida, aliança, herança, a pessoa e a obra do Messias, etc. Esta disciplina irá ajudar o pregador a entender onde seu texto está no fluxo histórico-redentor da revelação bíblica.

5) Teologia Sistemática

A teologia sistemática tem por objetivo dar-nos uma compreensão de todo o conselho de Deus. A sistemática define a revelação bíblica em um arranjo lógico de tópicos desde Deus até as últimas coisas. Isso possibilita ao pregador  compreender a interrelação entre as várias doutrinas da Bíblia. Ela também fornece uma proteção contra interpretar um texto de tal forma que o que é dito acabe em contradição com o que está escrito em outro lugar nas Escrituras. A Segunda Confissão de Fé Batista de Londres, de 1689, é como uma mini-teologia sistemática. Familiaridade com a confissão vai ajudar a garantir que sua pregação seja doutrinariamente ortodoxa.

Livros recomendados sobre Teologia Bíblica

O blog O Tempora! O Mores! (Augustus Nicodemus Lopes, Mauro Meister, Solano Portela) recomenda:

Já o site monergismo recomenda as seguintes:

Ademais, há a Teologia Sistemática escrita por Franklin  Ferreira (em conjunto com  Alan Myatt) e seu livro Teologia cristã. Se você nunca leu uma teologia sistemática, recomendamos começar com a do Grudem que possui uma linguagem bem acessível. Quanto as Confissões de Fé, você pode ler várias no monergismo.net.br.

6) Livros sobre a pregação

Pregação e Pregadores, D. Martyn Lloyd-Jones (Ed. Fiel)

Pregação: Pura e Simples por Stuart Olyott (Ed. Fiel) [a Editora Fiel também disponibilizou o eBook para download]

Observação: todos os livros recomendados são bons, mas isso não significa que concordamos com tudo. 

Por Guy Davies. exiledpreacher.blogspot.com

Tradução e Adaptação: voltemosaoevangelho.com

Permissões: Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir este material em qualquer formato, desde que adicione as informações supracitadas, não altere o conteúdo original e não o utilize para fins comerciais.





  • Franklin de Almeida Salles

    Saudações cordiais na Paz do Senhor Jesus Cristo!

    Como estam todos do voltemos ao evangelho? Espero que estejam bem.

    Gostaria de solicitar mais informações sobre a “paráfrase” NTLH, pois, como até salientado nesta bíblia, ela é uma tradução que atende as demandas de hoje no quesito entendimento bíblico.

    Para tanto, nostamos, em nossas aulas de teologia, que a NVI têm muitas partes que corroboram com a NTLH, sendo esta uma “paráfrase” e a outra uma tradução.

    Se constatado que a NTLH é uma “paráfrase”, torna-se necessário que enviemos solicitações a SBB que mude nota de tradução da NTLH.

    Grato pela compreensão e pela dúvida sobre a NTLH,

    Franklin A. Salles

  • Matheus ;)

    muito bom, não tem como postar os outros 02 antes da data estimada ?
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • Cado-Bauru

    Olá  queridos do VA, Graça e PAZ. Gostaria de que fosse disponibilizado o texto original para conhecer as referências do autor.
    Obrigado

    • http://voltemosaoevangelho.com/vinipimentel/ Vinícius Musselman Pimentel

      Opa, esqueci de colocar! Já arrumei.

  • Márcio

    Boas dicas, porém dentre tantas opções fico sem saber…

    Por exemplo: entre o comentário de Matthew Henry e o comentário Bíblico Vida Nova qual seria uma escolha eficaz, ou não se comparam e sim se complementam?

    Márcio

    • http://voltemosaoevangelho.com/vinipimentel/ Vinícius Musselman Pimentel

      Márcio,

      Não saberei informá-lo, pois não tenho nenhum. Minha sugestão é ver se tem um trecho para leitura no site das editoras. Daí você decide.

      Paz

      • Márcio

        Obrigado

    • Airmao

      olá Márcio, apenas uma sugestão… eu tenho o Henry, é fantástico… mas nesse momento o que mais pesa é o custo. o valor dos comentários são diferentes e pelo volume de cada um, a abordagem também… um outro que considero muito bom é o Warren W. Wiersbe. Mas, enfim, nunca pense como um gasto, e sim como um investimento… apdSJ

      • Márcio

        Valeu da dica !

    • Murilo

      Marcio indico o 
      Matthew Henry mas o vida nova tambem tem muita coisa interessante que as vezes nao aparece no Henry se puder comprar os dois acredito que nao vai se arrepender.E como voce falou eles se complementam.

  • Guttoamado

    muito enriquecedor!!! Deus permaneça abençoando a todos

  • http://www.facebook.com/csayeg Caio Sayeg

    Valeu Vini! Sensacional o material! Obrigado!

  • Jackson Junges

    Eu uso a RA, ultimamente tenho pensado em usar a Linguagem de hoje para pregar para não crentes! dai eu vi aqui no post que não seria interessante!  pq vcs acham a linguagem de hoje ruim? e o que vcs acham da NVI?

    • http://voltemosaoevangelho.com/vinipimentel/ Vinícius Musselman Pimentel

      A NTLH é boa dentro dos seus limites. Se o desejo é entender o que o texto original falava, essa é uma tradução que não irá ajudar muito, por parafrasear (e muitas vezes decidir uma interpretação) demais.

      Quanto a uma linguagem mais moderna, recomendo a NVI e a Almeida Século XXI.

      Iremos postar um vídeo em breve sobre o assunto.

      • Jackson Junges

        E se fosse vcs? Qual vcs usariam? A minha mãe por exemplo: ela é uma nova convertida, e passou a ter muito mais gosto pela leitura da bília quando comprou uma bíblia na tradução da linguagem de hoje. Eu prefiro a RA, mas creio que é por puro costume. Uma vez um teólogo me falou que a linguagem da bíblia no original era na linguagem do povo da época, pois segundo os rabinos a intenção era que até uma criança entendesse a bíblia se a lesse. Que indecisão! Ahhhhhhhh

        • http://voltemosaoevangelho.com/vinipimentel/ Vinícius Musselman Pimentel

          O problema não é ter uma linguagem moderna. O problema é parafrasear o texto, impondo interpretações! Daí você não tem a Bíblia em sua mão, mas a interpretação do tradutor da Bíblia.

          Para linguagem mais moderna recomendo a NVI e a Século XXI.

  • Flep_souza

    o que os irmãos acham desse COMENTÁRIO BÍBLICO EXPOSITIVO

    Warren W. Wiersbe recomendam

  • klauss

     ótima dica!

  • http://www.facebook.com/RoberlanCarvalho Roberlan Carvalho

    A paz do Senhor! 
    Doutor, para uma boa tradução da bíblia, poderia eu usar a Bíblia de Estudo Palavras-Chave (da CPAD) ?

  • http://www.facebook.com/RoberlanCarvalho Roberlan Carvalho

    A paz do Senhor! 
    Meu querido, para uma boa tradução da bíblia, poderia eu usar a Bíblia de Estudo Palavras-Chave (da CPAD) ?

    • http://voltemosaoevangelho.com/vinipimentel/ Vinícius Musselman Pimentel

      Depende qual tradução eles usam.

      • http://www.facebook.com/RoberlanCarvalho Roberlan Carvalho

        Pelo que me informei, eles usam “Dicionário de Strong Hebraico e Grego”.

        • http://voltemosaoevangelho.com/vinipimentel/ Vinícius Musselman Pimentel

          Essa não é a tradução. Tradução seria algo como NVI, Almeida. Strong é um dicionário hebraico/grego – português.

          • http://www.facebook.com/RoberlanCarvalho Roberlan Carvalho

            Ah ta. Pensei que tu tava falando do conteúdo em Hebraico e Grego… Valeu!!! Eu estava entendendo outra coisa!!! A minha tradução é Almeida RC.

          • http://www.facebook.com/RoberlanCarvalho Roberlan Carvalho

            Ah ta. Pensei que tu tava falando do conteúdo em Hebraico e Grego… Valeu!!! Eu estava entendendo outra coisa!!! A minha tradução é Almeida RC.