um site cristão por Cristo e pelo Evangelho

[Finalmente Vivos] Parte II: Por que devemos nascer de novo? (1)

Veja todas as postagens e o sorteio deste especial.

John Piper – 10 motivos porque você precisa nascer de novo

1. Estamos mortos em delitos e pecados (Ef 2.1-2).

Estamos mortos no sentido de que não podemos ver a glória de Cristo e experimentá-la. Estamos espiritualmente mortos.

2. Somos, por natureza, filhos da ira (Ef 2.3).

Não são as minhas ações, nem as circunstâncias, nem as pessoas em minha vida. A minha natureza é o meu problema pessoal mais profundo. A verdade não é que no começo eu tinha uma boa natureza, depois fiz coisas ruins e consegui uma natureza má. “Eu nasci na iniqüidade, e em pecado me concebeu minha mãe” (Sl 51.5). Nossa natureza é tão rebelde, tão egoísta e tão insensível à majestade de Deus, que a sua santa ira é uma reação natural e correta para nós.

3. Amamos as trevas e odiamos a luz (Jo 3.19-20).

Não somos neutros quando a luz espiritual se aproxima. Nós lhe resistimos. E não somos neutros quando as trevas espirituais nos envolvem. Nós as abraçamos.

4. Nosso coração é duro como pedra (Ez 36.26; Ef 4.18).

Nossa ignorância é uma ignorância culpada, não é uma ignorância inocente. Está arraigada em corações endurecidos e resistentes.

5. Somos incapazes de nos submeter a Deus ou de agradar-Lhe (Rm 8.7-8).

Nossa mente é tão resistente à autoridade de Deus, que não nos submetemos, nem podemos nos submeter a Ele. E, se não podemos nos submeter a Ele, não podemos agradar-Lhe.

6. Somos incapazes de aceitar o evangelho (Ef 4.18; 1 Co 2.14).

O problema não é que as coisas de Deus estão acima da compreensão do homem natural. O problema é que ele as vê como loucura. Perceba que esse “não pode” é moral, e não físico. A pessoa não-regenerada não pode porque não quer. Sua preferência pelo pecado é tão forte, que ela não pode escolher o bem. É uma escravidão verdadeira e terrível, mas não inocente.

7. Somos incapazes de buscar a Cristo ou de aceitá-lo como Senhor (Jo 6.44, 65; 1 Co 12.3).

É moralmente impossível ao coração morto, obscurecido, mau e resistente celebrar o domínio de Jesus sobre sua vida sem que tenha nascido de novo.

8. Sem o novo nascimento, somos escravos do pecado. (Rm. 6.17)

Amávamos tanto o pecado que não podíamos abandoná-lo ou mortificá-lo.

9. Sem o novo nascimento, somos escravos de Satanás. (Ef. 2.1-2; 2 Tm. 2.24-26)

A característica peculiar de pessoas não-regeneradas é que seus desejos e escolhas estão em harmonia com o príncipe da potestade do ar.

10. Sem o novo nascimento, não habita bem nenhum em nós. (Rm. 7.18)

Quando as pessoas usam tudo que Deus fez sem confiar em sua graça e sem o objetivo de glorificá-Lo, elas desonram a criação de Deus. Fazem da criação um instrumento de incredulidade e destroem-na.

Essas são as dez características de nossa condição sem o novo nascimento. Essa é a razão por que temos de ser nascidos de novo. Sem o novo nascimento, nossa condição é desesperadora, e não podemos mudá-la com melhoria moral. Pessoas mortas não melhoram. Antes de acontecer-lhes qualquer outra coisa, pessoas mortas precisam receber vida, precisam nascer de novo.

Por John Piper © Desiring God. Website: desiringGod.org

Resumo extraído da Parte 2 (capítulos 3 e 4) do livro Finalmente Vivos, com trechos do mesmo.

Disponibilizado por: Editora Fiel

Leia o capítulo 3 e 4 Gratuitamente

A Editora Fiel disponibilizou os 4 primeiros capítulos do livro para leitura online (conselho de quem está lendo: compensa!). Clique abaixo para ler em Tela Inteira.

John Piper – O que significa estar espiritualmente morto

Por John Piper. © Desiring God. Website: desiringgod.org

Tradução e Edição: JvDaP

Permissões: Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir este material em qualquer formato, desde que adicione as informações supracitadas, não altere o conteúdo original e não o utilize para fins comerciais.

2 Comentários
  1. beto Diz

    amigo do mundo inimigo de deus tg.4.4 jhon piper amigo de Deus

  2. JP Diz

    Um novo nascimento é necessário, o que pega é quando entramos na ‘adolescência espiritual’ e começamos a resistir de tudo o que Deus fez por nós.

Comentários estão fechados.