[Os Meios da Graça] Leitura Bíblica (3)

Formas erradas e corretas de ler as Escrituras

No artigo “Transformando sua Leitura da Bíblia”, Dane Ortlund aponta 6 formas incorretas de se ler a Bíblia e o resultado de cada uma:

A Abordagem Mina de Ouro – ler a Bíblia como uma mina vasta, cavernosa e sombria, onde ocasionalmente tropeça-se em uma pedra de inspiração. Resultado: leitura confusa.

A Abordagem Heróica – ler a Bíblia como um hall da fama moral que dá um exemplo após outro de gigantes espirituais que devem ser imitados. Resultado: leitura desesperadora.

A Abordagem das Regras – ler a Bíblia procurando mandamentos para obedecer a fim de sutilmente reforçar um sentimento de superioridade pessoal. Resultado: leitura farisaica.

A Abordagem Artefato – ler a Bíblia como um documento antigo sobre eventos no Oriente Médio há algumas centenas de anos que são irrelevantes para minha vida hoje. Resultado: leitura chata.

A Abordagem Manual de Instruções – ler a Bíblia como um mapa que me diz onde trabalhar, com quem casar e que xampu usar. Resultado: leitura ansiosa.

A Abordagem Doutrinária – ler a Bíblia como um repositório teológico para sacar munição para meu próximo debate teológico na Starbucks. Resultado: leitura fria.

Apesar de haver algo de verdade em cada abordagem acima, sozinhas elas são insuficientes. Contudo, provavelmente, a abordagem mais comum em nossos dias é a abordagem autoajuda. J.I. Packer em “Lendo a Bíblia Corretamente” nos alerta:

A verdade é que muitos de nós têm perdido a capacidade de ler a Bíblia. […] Quando você toma qualquer outro livro, trata-o como uma unidade. Você procura o enredo ou a linha principal do argumento e o segue até o fim. […] Mas, quando se trata das Escrituras Sagradas, nosso comportamento é diferente. Em primeiro lugar não estamos habituados a tratá-las como um livro, uma unidade, de modo algum, mas simplesmente como uma coleção de provérbios e histórias separadas. Nós supomos, antes de olhar para os textos, que o conteúdo deles (ou, pelo menos, dos que nos afetam) é uma advertência moral ou conforto para os que estão em tribulação.

Portanto os lemos (quando lemos) em pequenas doses, só alguns versículos de cada vez. Não atravessamos um livro todo, muito menos os dois Testamentos como um todo… O resultado é que nunca conseguimos ler a Bíblia. Presumimos que estamos manejando as Escrituras Sagradas de maneira verdadeiramente religiosa; mas na verdade nosso uso delas é bastante supersticioso…

Packer nos mostra que a consequência de não entender a Bíblia como um todo é uma leitura supersticiosa. Logo, parte da forma de ler a Bíblia corretamente está em lê-la como uma unidade apontando para Cristo. Ortlund comenta:

Em um debate teológico com os PhDs religiosos de sua época, Jesus afirmou àqueles que alegavam ter Moisés como patriarca: “Se vocês cressem em Moisés, creriam em mim, pois ele escreveu a meu respeito” (João 5.46). É assim que você lê o Antigo Testamento?

A teologia bíblica molda nossa leitura da Bíblia ao alinhá-la à leitura do próprio Jesus – a saber, a leitura da Palavra de Deus como boas novas historicamente fundamentadas a respeito da graça de Deus através do Filho de Deus para o povo de Deus, para a glória de Deus.

[…] A Bíblia é o relato autobiográfico de Deus da sua missão pessoal de resgate para restaurar um mundo perdido por meio de seu Filho. Cada verso contribui com essa mensagem. A Bíblia não é discurso motivacional. É Boa Notícia.

Sendo assim, precisamos destruir o ídolo do ego para podermos contemplar a glória de Deus nas Escrituras. David Wells em “A Bíblia não é Autoajuda” falando sobre o assunto, diz:

[…] qual é a atitude certa? É dizer a si mesmo que você está ali para ouvir de Deus, não para ouvir a si mesmo. Você está ali para ser tratado, desafiado, e, sim, mesmo repreendido por Deus, através da verdade de sua Palavra.

[…] Deus, portanto, não está lá para nosso uso quando precisamos dele; estamos aqui na Terra para que ele nos use. Ele não está lá para nosso benefício como se ele fosse um produto; nós estamos aqui para seu serviço.

E você já percebeu que aqueles na Escritura que mais o serviram, mais sofreram fielmente, foram mais atribulados, e foram mortos? Querer conhecer a Deus é um negócio arriscado, portanto esqueça a leitura da Escrita de maneira que você possa se sentir melhor sobre si mesmo. Cristo, como aprendemos em As Crônicas de Nárnia, não é um leão domesticado. No entanto, ele é bom.

Resumindo, não devemos ler a Bíblia de forma supersticiosa, como uma caixinha de bênção e promessas separadas do contexto geral. Sim, Deus nos dá muitas promessas e devemos prestar atenção a elas; mas se não colocarmos Deus como Deus, poderemos estar tentando usá-Lo para nosso benefício, no lugar de nos colocarmos como servos humildes.

Para fixar e exemplificar este entendimento veja os dois vídeos abaixo. No primeiro, Tim Keller responde sobre quem a Bíblia fala, e, no segundo, um garoto de 11 anos faz uma apresentação sobre Cristo em cada livro da Bíblia.

Por Tim Keller © Redeemer Presbyterian Church | Vídeo poryoutube.com/GraphicChristology Original aqui.

Legenda e Tradução: Filipe Schulz | iprodigo.com

Legenda e Tradução: Beatriz Rustiguel da Silva | hermeneuticaparticular.com

 

Dúvidas?

– Quer dizer que não podemos nos inspirar nos heróis da Fé? Receber sabedoria de Provérbios? A Bíblia não se aplica na minha vida?

Esperamos que você não tenha ficado com essas dúvidas, porque não é isso que falamos. Para entendermos corretamente a Bíblia devemos lê-la sob uma lente cristocêntrica. Entender que tudo é primeiramente para a Glória de Deus em Cristo Jesus. Após isso e ainda dentro disso, precisamos saber que somos chamados para nos tornarmos como Cristo. Então, Provérbios se torna mais do que um conjunto de regras para ter uma boa vida, onde Cristo é só mais uma peça. Provérbios se torna conselhos inspirados para discípulos de Cristo viverem de forma sábia na terra. Os consolos propostos nas Escrituras, são consolos através de Cristo. Todas as promessas são “sim” em Cristo. Porque dele, por Ele e para Ele são todas as coisas.

27 Comentários
  1. Pablo Guilherme Diz

    Graça e Paz, meus irmão do voltemos ao evangelho, sou muito grato a Deus pela vida de vocês, quero dizer que estou sendo muito edificado com este blog. Em relação este tema supracitado acima, é muito importante, pois nos mostara como realmente devemos ler a biblia e como devemos aplicar os principios nelas contidos.

  2. Diego Ferreira Diz

    Veio em boa hora. Grato.

  3. Abraão Diz

    Bem, tenho acompanhado os artigos de leitura e gostei muito, principalmente do Thomas Watson porém não concordei muito com este, pois devemos sim ler a bíblia como um manual de regras também (não farisaica) mas por exemplo que me diz com quem casar, pois a recomendação de Paulo é pra que eu não me prenda em Julgo desigual com o não crente, logo devo escolher uma parceira biblicamente, e muitas outras coisas que devo fazer biblicamente (não como obras pra a salvação, mas como obras da fé genuína)

    parabéns ao blog, graça e paz.

    1. Vini Diz

      Abraão, veja novamente o que a postagem diz:

      A Abordagem das Regras – ler a Bíblia procurando mandamentos para obedecer a fim de sutilmente reforçar um sentimento de superioridade pessoal. Resultado: leitura farisaica.

      É isso que é condenado. Você em seu comentário pareceu concordar que isso é errado.

      Certamente a Bíblia nos guia a sermos como Cristo, para glória e pela graça de Cristo.

      Aliás, eu estou escrevendo um FAQ, pois meu temor se mostrou certeiro.

    2. Abraão Diz

      Sim concordo, não devemos ler farisicamente, porém, ela é sim um manual de regras, pois assim organizamos igrejas, assim observamos as ordenanças, e assim devemos obedecer como citei sobre o casamento, e sobre varias coisas que são MANDAMENTOS para os crentes, acaso não é isso que você postou em uma das acusações do Paul Washer quando condena a sociologia?

    3. Vini Diz

      Abraão,

      A postagem não nega isso. Aliás, diz que há verdade em cada abordagem, mas tomadas por si só não são a forma correta de ler as Escrituras.

      Concorda?

    4. Abraão Diz

      Sim concordo…

  4. fernando Diz

    Só mesmo crentes cegos, frios e mergulhados em filosofia mundana não veem que essas Crônicas de Nárnia tem forte apelo ecumênico, misturando mitologia grega e feitiçaria com as coisas de Deus.

    Não sei o que é pior: os neopentecas e suas loucuras judaizantes ou vcs, “doutores em filosofia”, respeitados bacharéis de “teologia reformada”, com “aparência de piedade, mas negando a eficácia dela”.

    A bílbia deve sim ser lida como livro de consolo e alívio!

    Que isso de dizer pra esquecer essa forma de ler a bíblia!

    Temos que buscar sim consolo em suas linhas, assim como confronto de pecados e direção para nossas vidas.

    Tá tudo errado mesmo.

    Uns s agarram somente às experiências com Deus enquanto os outros se agarram aos seus seminários de filosofia e teologia reformada ecumênica.

    É o fim dos tempos mesmo, falência da instiuição igreja.

    1. Vini Diz

      E outros esbravejam sem entender verdadeiramente o que diz a postagem. =)

    2. David Barros Diz

      Pessoas q não sabem o significado de ter a biblia e como entendela em oração…
      sim, podemos nos ver no lugar de jó, e outros mas o principal é Cristo. Ele sim é a palavra revelada em cada letra das sagradas escrituras e não nós…

      Graças a DEUS por esta postagem…

      Vinicius, me edificou muito!

    3. Jonatas Diz

      Ai ai…fico um pouco cansado vendo que os crentes de hoje em dia estão tão perdidos né? Veem demônio em tudo, acreditam em qualquer coisa suave, desprezam a boa e velha Palavra, e ainda querem se denominar mais espirituais, e ainda apologistas…mas enfim, nós precisamos continuar nosso trabalho certo? Ótimo post como sempre, e muito edificante! O VE pelo que vejo em outros blogs reformados é o mais conhecido e acessado rsrs, que Deus continue abençoando segundo Sua graça e vontade.

      Abraços =]

    4. Moisés Ruviaro Diz

      É Fernando, sem querer dizer nada mas esse post é pra pessoas como você. Bom proveito.

  5. Matheus Diz

    Será que esse menino sabe tabuada ?
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Muito Bom, Parabens !

  6. Saulo Diniz Ferreira Diz

    Queridos… Ótimas atualizações as últimas. Estou tirando 12 dias de férias e nesses dias estou lendo as cartas paulinas em uma Bíblia Almeida revista e atualizada e fazendo a mesma leitura na “A Mensagem” do E. Peterson. Ao mesmo tempo lendo o livro “Paulo” da MC. Irmãos, como é importante entender a necessidade da regeneração antes mesmo de qualquer outra espectativa do salvo.

    1. Moisés Ruviaro Diz

      Saulo,
      Bom ver que nasceu em ti um interesse pela Palavra de Deus, muito mais do que pela história da Igreja. Continue assim, ainda mais agora que fostes consagrado a Pastor.

      Só gostaria de pontuar que, tanto a regeneração, quanto a justificação, quanto a santificação, etc. Fazem parte de um processo que começou com a morte de Cristo na Cruz. É errado pegar uma parte desse processo e dizer que é mais importante do que a outra. Por ex: Sem ser regenerados não nos voltamos a Deus, mas sem a Justificação não temos o ‘”acesso” ao Trono. Por isso é um processo que não pode ser “esmiuçado” e dizer que uma parte é mais importante que a outra. É um processo e deve ser visto como um todo. É importante que entendas todo o processo, cada “fase” dele.

      Para facilitar, a Bíblia de Gênesis a Apocalipses é um Livro só. É a Palavra de Deus, mas está separada em Livros, mas não há como dizer que um livro é mais importante que o outro, já que todos Exaltam a Cristo, Exaltam a Deus. Entende?

      Que sua Igreja possa compreender e abraçar essas doutrinas que quanto mais entendemos e conhecemos, mais glorificamos a Deus.

      Esqueça a utopia, esqueça o pragmatismo, viva e pregue a Bíblia. Não importas se és de uma igreja emergente ou não, ao se interessar mais pela Bíblia, tu vai se dar conta de que Ele é mais importante do que tudo. E que Doutrinas são importantes sim (contrariando um de seus posts).

      Que possas se interessar mais por Cristo, Saulo, esse é o começo pra qualquer Igreja Cristã; o Glorificar a Deus acima de todas as coisas, através do conhecimento de Cristo.

  7. gaby Diz

    Eu acabei de ver que eu não lia a bíblia desta forma…Mto obrigada por se deixr usar por Deus e me mostrar como eu estava errada.

  8. gaby Diz

    Ah! E eu chorei com os vídeos…=D

  9. Kohelet Diz

    Shalon Adonai! eis o maior colirio cerebral, gotas de revelação, gotas de adoração, gostas de graça, então o efeito é sistêmico, você sente, você fica diferente, somos capazes de imaginar um JESUS de 25 de dezembro, não importa a data, nasceu o salvador da Humanidade, EIS O MESSIAS, anunciado e preparado ao longo da história da esperança e fé de um povo escolhido e rebatado.
    Felizes, os que seguem as regras,o final é a VITÓRIA. HALLELUJAH.

    1. Jhonata Reis Diz

      Contestando o que tu está sentindo, e o que todos os organizadores deste site, e de outros internacionais, e todos os líderes do mundo estão sentindo..

      Não vou pragmatizar isso, mas na minha visão (ISTO É PRA EDIFICAÇÃO DE TODOS AQUI).

      Eu vi:

      Primeiro vi nós santos, peregrinos, em nossas tendas sendo cercados por lobos, mas protegidos por uma graça nunca antes revelada. Alguns da tenda ainda estavam dormindo, mas eu senti que da maneira com que eu ia acordando e meus amigos próximos também, o Brasil todo também ia se levantando!

      Depois disso, tive uma VISÃO DO CRISTO RESSURRETO, ATRAINDO PARA SI TODAS AS COISAS! Os primeiros a sentir cristo vindo nas nuvens são os santos e conforme cristo ir descendo até as profundezas do inferno para COLOCAR A MORTE E O INFERNO POR ESCABELO DE SEUS PÉS, a Reação da noiva seria de convidar os pobres e humilhados para o banquete. OHHHH GLÓRIA!!!

      LEIAM AS PARÁBOLAS DE JESUS É LÁ QUE ESTÁ TODA GLÓRIA DE CRISTO NOS ÚLTIMOS TEMPOS!

      Levante-te e resplandece, porque a Glória do senhor já resplandece sobre Ti!

    2. Jhonata Reis Diz

      E o novo tabernáculo será reconstruído em questão de minutos! Para a Glória do Senhor dos Exércitos que brilhará intensamente até a consumação dos séculos!

  10. Saulo Diniz Ferreira Diz

    Queridos!

    Desculpem pelo meu comentário superficial e se vou fugir do assunto proposto pelo post. Só gostaria de sistematizar um pouco mais o meu comentário:

    Romanos 12:2 – Renovar a mente requer alteração dos padrões de condulta e opções de escolhas ja presentes na estrutura mental e emocional da pessoa.

    Acho massa a Teologia paulina, pois ela se concentra totalmente em “Aceite a Cristo, renegando sua vida e entregando-se a ele em adoração, ou seja, coloque sua vida no altar dele ao ser salvo” e não somente “aceite a Cristo para ser salvo das penas do inferno; e depois de ser salvo: pregue às outras pessoas para que sejam salvas” e assim sucessivamente. Leia IICO 5:15 e comprove.

    Unidos não somente à cruz (sacrificio), mas também na pedra que rolou no sepulcro de Cristo (ressureição).

    Saulo

  11. JUSSARA Diz

    Salmo 119:28 – A minha alma consome-se de tristeza, fortalece-me segundo tua palavra.

  12. samuel silva Diz

    Verdadeiramente a igreja precisa voltar as sagradas escrituras e entender por ela existe, todos os tesouros da sabedoria e da ciencia esta escondido em Cristo Jesus, sim ele é o cerne de tudo que precisamos, como disse paulo em Atos 17.28 Porque nele vivemos, movemos e existimos, jesus é o sentido da vida, ele é a propria VIDA.

    1. Saulo Diniz Ferreira Diz

      Amém irmão… Usando uma frasende Stott “Paulo era um homem intoxicado de Cristo”. Sendo assim, vamos seguir a orientação dada por ele em I CO 11:1 e também ficaremos cheios.

  13. Gaby Diz

    Aos poucos, o nosso ego vai crescendo e lemos a Bíblia centrados em nós, e não em Deus. É bom que a gente mude nosso modo de ler a Bíblia. Visitei o site e gostei muito!

  14. igor Diz

    muito bom

  15. Stefany Paiva Diz

    Vinícius, esse post foi um divisor de aguas pra mim. Percebi q leio a bíblia de 3 formas erradas. Agora tenho q ensinar meu cérebro a fazer leitura correta. Confesso q pra mim não vai ser fácil. Mas o espírito santo vai me auxiliar nessa nova reaprendizagem. Abraços.

Comentários estão fechados.