Aviva a tua obra, ó Senhor

Nesta 31ª conferência, estamos estudando nas Escrituras o tema “Vivifica-nos! e invocaremos o teu nome”.

No avivamento, pedimos a Deus que, enquanto ele derrama seu juízo contra o pecado, aja em misericórdia

Aprenda mais com Conrad Mbewe:

Resumo

Habacuque 3

No avivamento, pedimos a Deus que, enquanto ele derrama seu juízo contra o pecado, aja em misericórdia (v. 2).

No começo do livro, Habacuque reclama da corrupção de Judá. Deus responde ao profeta dizendo que trará os caldeus para julgar seu povo. Habacuque afirma que isso não fazia sentido, pois os caldeus eram um povo mais ímpio. Deus responde novamente dizendo que haverá um tempo em que ele também julgará os caldeus.

Essa resposta de Deus mostra que é a vontade soberana de Deus que importa e não a nossa percepção da situação. “O SENHOR, porém, está no seu santo templo; cale-se diante dele toda a terra” (2.20). Ou seja, ele continua em seu trono e continua trabalhando para sua glória (2.14). Deus está conduzindo a história para um fim no qual todo universo se prostrará diante dele; e toda situação que possamos enfrentar está de acordo com o plano divino.

No capítulo 3, Habacuque traz sua resposta diante dessa realidade majestosa da soberania de Deus em forma de uma oração cantada. No verso 2, vemos a oração por avivamento do profeta. Nisso aprendemos que nossa oração por avivamento deve nascer do conhecimento de Deus e de seus caminhos.

Devemos tremer diante dos caminhos de Deus. Ele tem o direito de punir a desobediência dos povos, e quem usará para isso é da prerrogativa da soberania dele. Ele está no trono! Precisamos saber disso, pois muitas vezes diante da calamidade nos perguntamos como “Deus permite que pessoas inocentes sofram”. Mas isso é uma teologia errada, pois todos pecaram e carecem da glória de Deus (Rm 3.23).

Essa visão gloriosa de Deus é essencial para um avivamento. Não há nada mais certo para trazer avivamento do que pregar sobre a soberania e divindade de Deus. Um dos motivos por que não vemos avivamento nesses dias são as pregações centradas no homem. Como é sua pregação? Sua pregação produz um senso de Deus na vida das pessoas ao ponto passarem a perceber quão pequenas são diante desse glorioso Ser?

Nossa oração por avivamento deve fluir de um desejo de vê-lo glorificado. E desse desejo vem o clamor para que Deus rasgue os céus e avive sua obra.

Habacuque declara tremer diante da manifestação de Deus, a qual inclui inclusive a disciplina do seu povo. Só que ele também pede para que o Senhor faça conhecida, no decurso dos anos, sua obra de vivificação da verdadeira religião. Você sente a mesma angústia de Habacuque enquanto as pessoas tornam a casa do Senhor em uma cova de ladrões? enquanto as pessoas orgulhosamente se rebelam contra os mandamentos do Senhor? Isso mexe com você? Há piedade no seu coração para clamar “Senhor, desce! Basta! Vem! Dá-me o privilégio de ver antes de eu morrer a verdadeira religião na sua igreja.” É quando essa paixão existe no seu coração que você desejará que Deus seja glorificado. É de tal alma, que deseja ver a Deus glorificado, que flui o avivamento.

Nosso anseio por avivamento deve fluir de um conhecimento de Deus como santo e como amoroso. Que jamais tenhamos uma visão que roube a Deus de sua santidade, que pune o pecado. Porém, na ira, devemos nos lembrar da misericórdia divina. Ele é um Deus que busca o bem de seu povo. Não devemos reduzir Deus a um vovô bonachão ou um monstro destruidor. Que o conhecimento do amor e da justiça de Deus sustente suas orações por avivamento.

[dt_call_to_action content_size=”normal” text_align=”left” background=”fancy” line=”true” style=”2″ animation=”right”]

Assista às outras reprises

Tenha acesso a todas as outras mensagens da Conferência Fiel Pastores e Líderes 2015.

Clique aqui e assista às outras mensagens[/dt_call_to_action]

12118833_10153786044984406_4614902219285761952_nLeve as mensagens da Conferência Fiel 2015 em DVD!

Coleção completa Conferência Fiel 2015 – BOX C/ 10 DVDs.

» IMPORTANTE: ENTREGAS A PARTIR DO DIA 15/10/2015.

Clique aqui para conhecer o DVD

Por: Conrad Mbewe. © 2015 Ministério Fiel. Original: Aviva a tua obra, ó Senhor.