um site cristão por Cristo e pelo Evangelho

8 de Setembro – Como retribuir a Deus

Como retribuir a Deus

Versículo do dia: Que darei ao SENHOR por todos os seus benefícios para comigo? Tomarei o cálice da salvação e invocarei o nome do SENHOR. Cumprirei os meus votos ao SENHOR. (Salmo 116.12-14)

O que protege o pagamento dos votos voluntários do risco de ser tratado como um pagamento de dívida é que o “pagamento” não é, na realidade, um mero pagamento, mas outro ato de receber que magnifica a graça de Deus em curso. Ele não magnifica os nossos recursos. Podemos ver isso no Salmo 116, versículos 12 a 14.

A resposta do salmista à sua própria pergunta: “Que darei ao SENHOR por todos os seus benefícios para comigo?”, é, em essência, que ele continuará recebendo do Senhor, de modo que a inesgotável bondade do Senhor seja magnificada.

Primeiramente, tomar o cálice da salvação significa se apossar da salvação do Senhor que satisfaz, bebê-la e esperar por mais. É por isso que eu digo que “pagar” a Deus ou “cumprir” nesses contextos não é um pagamento comum. É um ato de receber.

Em segundo lugar, esse também é o significado da frase seguinte: “invocarei o nome do SENHOR”. O que darei a Deus por responder graciosamente ao meu clamor? Resposta: Invocarei novamente. Eu renderei a Deus o louvor e o tributo por ele jamais necessitar de mim, mas estar sempre transbordando de benefícios quando eu necessito dele (o que sempre acontece comigo).

Depois, o salmista diz, em terceiro lugar: “Cumprirei os meus votos ao SENHOR”. Mas como eles serão pagos? Serão pagos ao se tomar o cálice da salvação e ao se invocar o Senhor. Ou seja, eles serão pagos pela fé na graça futura.

Por: John Piper. © Desiring God – Solid Joys

Original: 8 de Setembro – Como retribuir a Deus. © 2017 Ministério Fiel. Todos os direitos reservados. Website: MinisterioFiel.com.br. Tradução: Camila Rebeca Almeida. Revisão: Vinicius Musselman. Narração: Emílio Garofalo Neto.

Permissões: Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir este material em qualquer formato ou canal, desde que adicione um link para esta postagem, não altere o conteúdo original e não venda o material ou acesso ao material.

Promova a Alegria Inabalável em seu blog/site. Clique aqui e pegue o código.

Comentários estão fechados.