Essencial : Piper | A Soberania de Deus

Semana passada, para dar início a uma série de posts sobre as verdades que têm sido mais centrais no ministério de John Piper, nós demos uma olhada no Hedonismo Cristão. Esta semana estamos destacando os ensinos de Piper sobre a Soberania de Deus, tanto na obra da salvação como nos acontecimentos diários de nossas vidas.

Nós não promovemos o novo nascimento. Deus promove o novo nascimento. Qualquer coisa espiritualmente boa que fazemos é um resultado do novo nascimento, não uma causa do novo nascimento. Isso significa que o novo nascimento é tirado das nossas mãos. Não está sob nosso controle. Então isso nos confronta com nosso desamparo e nossa absoluta dependência de Alguém além de nós mesmos. (Finally Alive – Finalmente Vivos*)

As coisas dolorosas que chegam às nossas vidas não são descritas por Deus como acidentais ou como fora de Seu controle. Isto não seria conforto. Que Deus não pode parar um micróbio ou um carro ou uma bala ou um demônio não são boas novas; não são as boas novas da Bíblia. Deus pode. E dez mil vezes Ele faz. Mas quando Ele não faz, Ele tem Suas razões. E em Cristo Jesus elas são todas por amor. Somos ensinados desta soberania para que a bebamos até que ela sature nossos ossos. (A Sweet and Bitter Providence – Uma Providência Doce e Amarga*)

Por John Piper. © Desiring God. Website: desiringGod.org
Original:
Essential Piper. Website: desiringGod.org
Tradução:
voltemosaoevangelho.com
Permissões:
Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir este material em qualquer formato, desde que adicione as informações supracitadas, não altere o conteúdo original e não o utilize para fins comerciais.

*NDT: Tradução do título original. Livros não disponíveis em português.

6 Comentários
  1. Profeta Diz

    Voltemos Juntos ao Evangelho! De Volta a Jerusalem!

    http://ministeriojpv.blogspot.com/

  2. eric Diz

    Quero mais!!!!!!!!!!

  3. severino Diz

    Na soberania,de Deus,á,sua,vontade Perfeita[Romanos12.1,2]para o homem,que tem sua mente completamente transformada,pelo evangelho de Jesus Cristo.E á a vontade permiciva,que,é quando satanas,acusa diante do trono de Deus[Apoc.12.10]o homen,e,por aver legalidade,Deus permite,que o mal,aconteça.A calamidade,acontece,no mundo,por iniquidade[oque esta torcido da vontade de Deus]naõ confessada,pecados ocultos,naõ confesados,serto é que podemos,e seremos perseguidos,injuriados,maltrtados,odiados,e,ate mortos,por,amor a Cristo,mas infelismente,a,grande maioria dos homens[crentes,ou,não]sofren,por causa,de suas,proprias,açoes,nao porque Deus é soberano,e,quer que o homen sofra,ou como muitos dizem,é,prova de Deus,o homem sofre,porque,não,tem sua mente transformada em mente de Cristo[estou,incluido]se,não fosse assim,pra que recitar o salmos 91-23-e tantos outros?e oque,dizer,de izaias,53,o sacrificio,de nosso salvador,que,levou,toda maldiçao sobre si?levou,ou,naõ levou?se ele,levou porque,tantos crentes duentes,pobres sem sustento basico para familia,va,no,ospital e vera que,a maioria,é,crente,pastor,missionario etc…não falo com alegria mas com tristesa no coração,amados,porque,se Jeasus,conquistou tudo na cruz,porque,tanto sofrimento?e por não ter respostas,é mais facil dizer,Deus é soberano{serto que ele é naõ me entendaõ mal]ele sabe tudo,ou,é,prova de Deus.Vou resumir,muitos sofren,por,concequencia de seus proprios atos,ira,raiva,odio,rancor,amargura,recentimento,inveja,calunia,defamaçao,intriga ,discordia,briga,contenda,rebeldia,deuses no coraçao,blasfemia contra Deus,falar o nome do senhor em vao,roubo dever e não pagar pegar enprestado e não devolver votos não cumpridos com Deus e com o homem,injustiça poder fazer o bem e não fazer ,glutonaria,lasivia,pornografia,mornidaõ em buscar a Deus ,penssamentos impuros,penssamentos de violencia medo morte,orgulho,justiça propria,ambiçaõ pessual,falça humildade,RELIGIOSIDADEDE egoismo etc………..porque sofremos?porque Deus é soberaro e sabe tudo?porque é prova de de Deus?QUE DEUS TENHA MIZERICORDIA DE NOS,E NOS,REVELE PELO ESPIRITO A MALDADE DO NOSSO CORAÇAO,PARA CORRERMOS PARA CRUZ E EM PRANTOS TODOS OS DIAS NOS ARREPENDER-MOS DOS NOSSOS PECADOS E INIQUIDADES,PARA SER-MOS LAVADOS COM SEU SANGUE,E COMESSAR A VIVER SUA VONTADE PEFEITA PARA NOSSAS VIDAS,,APOC.12.11 E ELES O VENCERM PELO SANGUE DO CORDEIRO E PELA PALAVRA DO SEU TESTEMUNHO. [email protected]

  4. jotapê Diz

    Apesar de muitos saberem que tudo o que Deus faz é da vontade dEle e tem um propósito, não compreendem e acabam se afastando de Deus. Nisso devemos estar sempre alerta, por mais difícil que seja, a fé tem que permanecer viva. A soberania de Deus é complicada de ser entendida e aceita porque somos humanos e pecadores, é da nossa natureza ignorar algo que não compreendemos. Esse é o desafio: obedecer e reconhecer cegamente a soberania do Pai.

  5. Marcilia Diz

    Concordo com o comentário do irmão Severino e não vejo nenhuma contradição com o entendimento bíblico da Soberania de Deus.
    A grandeza de Deus abarca todas as circunstancias e vicissitudes desta vida; obediência e desobediência são sementes que, no devido tempo, brotarão e os frutos são `segundo a espécie`. Não podemos nos esquecer do capítulo 12 de Hebreus que fala da disciplina do Pai aos filhos rebeldes, desobedientes. Ao buscar de Deus as causas de sua dor, na agrura do sofrimento, aquele que é verdadeiramente filho, acaba se despertando para o processo corretivo de que é foco e, humilde, sujeita-se ao tratamento, certo agora de que, ao final, tornar-se-á 'participante de Sua santidade' e de que comerá do 'fruto pacífico de justiça!' Aleluia!

  6. (-V-) Diz

    Sererino,

    Irmão, não sei se entendi direito, mas você parece afirmar que o mal natural (calamidas e situações desfavoráveis) só é devido a permissão divina. Concordo que só há mal natural porque há pecado, contudo esse é um dos pontos.

    Com a vida de Jó observamos que as calamidades na vida dele não foram punitivas, mas para prová-lo. Vemos isso no Novo Testamento também:

    Porque a nossa leve e momentânea tribulação produz para nós um peso eterno de glória mui excelente; 2 Coríntios 4:17

    E não somente isto, mas também nos gloriamos nas tribulações; sabendo que a tribulação produz a paciência, Romanos 5:3

    E também todos os que piamente querem viver em Cristo Jesus padecerão perseguições. 2 Timóteo 3:12

    Sendo assim vemos que Deus usa as provações que vem através do mal natural para santificar seu povo.

    Vemos também que o sofrimento como consequência de boas coisas e não só do pecado:

    E eu lhe mostrarei quanto deve padecer pelo meu nome. Atos 9:16

    Mas, se padece como cristão, não se envergonhe, antes glorifique a Deus nesta parte. 1 Pedro 4:16

    Por fim, a Bíblia declara que Deus é soberano sobre o mal natural e o mal moral. E ele predestinou ações que são em si más:

    Levantaram-se os reis da terra, E os príncipes se ajuntaram à uma, Contra o Senhor e contra o seu Ungido. Porque verdadeiramente contra o teu santo Filho Jesus, que tu ungiste, se ajuntaram, não só Herodes, mas Pôncio Pilatos, com os gentios e os povos de Israel; para fazerem tudo o que a tua mão e o teu conselho tinham anteriormente determinado que se havia de fazer. (Atos 4:26-28)

    Portanto, declaremos o homem responsável pelo mal e Deus soberano sobre o mesmo.

    Em Cristo,
    Vini

Comentários estão fechados.