um site cristão por Cristo e pelo Evangelho

[Aconselhamento Bíblico] Devo sair da minha igreja ou lutar por uma reforma?

Pergunta

Queridos irmãos do VE!

Deus começou um processo em minha vida de se revelar por meio de Cristo numa igreja _____. Porém, durante esse tempo, essa instituição começou a crescer e temos visto a liderança, manifestamente se desviar da centralidade da palavra de Deus.

Um dos motivos desse aumento de membros ocorreu em decorrência de uma teologia humanista que se infiltrou, sorrateiramente, atraindo muitas pessoas, pois os “cultos”, as músicas e as pregações tinham o objetivo de “consolar”, agradar e beneficiar as pessoas nas suas carnalidades e dificuldades. Ou seja, estávamos seguindo uma linha de cantar e pregar coisas que as pessoas queriam ouvir e isso atraiu muitas pessoas.

Por conta desse aumento da membresia, muitas pessoas vieram de outras denominações, principalmente neopentecostais, sendo que, sem nenhuma cautela por parte da liderança, essas pessoas começaram a liderar ministérios bases da igreja, como: culto, casais e jovens. Assim, percebemos uma enorme e intensa transformação dessa instituição. Algumas pessoas que perceberam esse desvio da palavra já saíram, outras simplesmente não congregam mais e, ainda, outras, como nós, estamos sem saber o que fazer.

Nossa situação é complicada, pois essa instituição _____ é contra essa gritante distorção do evangelho, como a prosperidade. Mas, não percebe que o humanismo, liberalismo e essa linha mesclada neopentecostal estão destruindo a imagem de Deus e a obra de Cristo aos poucos. Já passamos cultos inteiros, sem qualquer menção ao sacrifício de Cristo na Cruz., tanto nas músicas que possuem temas como: “eu quero, eu vou, eu posso, eu sou”. Como na pregação que usa textos apenas para ensinar uma moralidade, como ser igual a Davi e segundo o coração de Deus!

A impressão que temos é que somos uma salada de frutas, sem doutrina, nem orientação teológica definida, pois muitos são os objetivos. Às vezes sinto que temos reuniões ecumênicas!

No entanto, Deus (tenho minha fé nisso também) começou a despertar algumas pessoas –  minoria é verdade – para o retorno ao verdadeiro evangelho e a centralidade da palavra de Deus por meio de pregação expositiva e cânticos teológicos com coerência bíblica. Deus começou a nos disciplinar e nos direcionar para as doutrinas da graça, para a pregação acerca da depravação humana e também para a doutrina da eleição. Estamos buscando materiais, como no blog de vocês e em outros lugares, exclusivamente reformados, para nos sustentarmos nessa congregação. Temos chorado e nos angustiado por ver essas distorções e, ao mesmo tempo, nos sentindo incapazes de nos levantar, uma vez que começamos a buscar e entender poucas coisas dessa reforma bíblica que precisa ser feita.

Assim, gostaria de solicitar, se for possível, uma opinião do que fazer!

Temos dúvida se continuamos nessa instituição, debaixo dessa liderança humanista e que tem aberto portas para neopentecostais, lutando por uma reforma, sendo que algumas discussões já ocorreram, ou, saímos em direção de outra liderança e congregação que possam nos ajudar e nos alimentar devidamente!

Resposta

Graça e Paz.

“Conjuro-te, perante Deus e Cristo Jesus, que há de julgar vivos e mortos, pela sua manifestação e pelo seu reino: prega a palavra, insta, quer seja oportuno, quer não, corrige, repreende, exorta com toda a longanimidade e doutrina. Pois haverá tempo em que não suportarão a sã doutrina; pelo contrário, cercar-se-ão de mestres segundo as suas próprias cobiças, como que sentindo coceira nos ouvidos; e se recusarão a dar ouvidos à verdade, entregando-se às fábulas. Tu, porém, sê sóbrio em todas as coisas, suporta as aflições, faze o trabalho de um evangelista, cumpre cabalmente o teu ministério.” II Timóteo 4.1-5

O seu testemunho é por um lado um tanto animador, pois Deus lhe concedeu graça para buscar a verdade da Cruz, por outro lado, um pouco angustiante, pois pessoas da sua congregação estão abraçando estas doutrinas destituídas das Cruz de Cristo.

O primeiro é passo é cuidar de seu crescimento que está acontecendo agora, este despertar para as verdades da graça de Deus. Tal como Paulo aconselhou Timóteo “Tem cuidado de ti mesmo e da doutrina.” I Tm 4.16ª,assim também cuide de ti mesmo neste momento, de seu amadurecimento e aperfeiçoamento na fé. Por mais que você possa estar angustiado com a situação da igreja local, tu só serás de alguma serventia a Deus se estiver andando no Espírito, manifestando os seus frutos (Gl 5.22-25).

Como lidar com pessoas que se opõem às verdades da Cruz?

“Ora, é necessário que o servo do Senhor não viva a contender, e sim deve ser brando para com todos, apto para instruir, paciente, disciplinando com mansidão os que se opõem, na expectativa de que Deus lhes conceda não só o arrependimento para conhecerem plenamente a verdade, mas também o retorno à sensatez, livrando-se eles dos laços do diabo, tendo sido feitos cativos por ele para cumprirem a sua vontade.” II Timóteo 2.24-26

Fuja da contenda.

Como disseste no teu e-mail, já ocorreram algumas discussões, e uma coisa que deve ser evitada ao máximo é discutir.

Seja amável.

A brandura ou amabilidade se faz necessária nesta situação. E tenha sempre em mente que a reação de tais pessoas, é motivada por falta de conformidade com o caráter de Cristo, e nesta hora é necessário ganha-los para Cristo, e você pela graça de Deus deve manifestar o caráter de Cristo neste momento, eles precisam ver Cristo em você (Mt 5.9; Rm 12.9-21).

Mergulhe nas Escrituras.

Toda questão deve ser norteada pelas Escrituras, qualquer coisa que lhe perguntarem, sempre, sempre e sempre comece com a Palavra e não com os seus argumentos. Deixe claro que tudo o que você faz e fala é baseado nas Escrituras. A paciência e mansidão vão ser suas ferramentas de instrução.

Por que eles fazem o que fazem?

Clique na imagem para aconselhar-se

Se alguém se opõe à pregação da Cruz, esta pessoa pode ser classificada como um inimigo da Cruz de Cristo tal como Paulo fala em Filipenses 3.18, ou como Paulo diz em II Timóteo 2.26 “mas também o retorno à sensatez, livrando-se eles dos laços do diabo, tendo sido feitos cativos por ele, para cumprirem a sua vontade.”.

A insensatez destes de se oporem à pregação da Cruz de Cristo se dá pelo fato que estão cativos pelo diabo, para cumprirem a sua vontade. E isso só a Palavra e a oração para resolver. Ore, interceda por eles diante de Deus, rogando que Deus lhes conceda o arrependimento e o retorno à sensatez.

Não digo para você sair, porque isso é algo muito particular entre você e Deus, mas o que posso dizer é ame a cada um deles, não suas práticas, mas simplesmente os ame. Quando você não sentir mais paz em ficar com eles, então saía.

São em situações assim, que Deus nos concede mais fé nele – passamos a orar mais e depender mais dele. Isso está servindo apenas para moldá-lo e levá-lo a uma maior semelhança de Cristo. Peça sabedoria a Deus (Tg 1.5).

Que o Senhor seja Glorificado através de você.

Por João Vitor © Voltemos ao Evangelho.

Permissões: Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir este material em qualquer formato, desde que informe o autor, seu ministério e o tradutor, não altere o conteúdo original e não o utilize para fins comerciais.

Veja também

85 Comentários
  1. Spurgeonista Diz

    rapaz, os profetas, Jesus, os apóstolos, lutero, calvino, savonarola, joão huss. Todos eles foram perseguidos, inclusive Jesus. Por que ? Por pregar a verdade , como Paulo diz”sem linguagem de bajulação…LUTE POR UMA REFORMA…você só deve sair se te expulsarem Por que ?

    Bem-aventurados sois vós, quando vos injuriarem e perseguirem e, mentindo, disserem todo o mal contra vós por minha causa.Exultai e alegrai-vos, porque é grande o vosso galardão nos céus; porque assim perseguiram os profetas que foram antes de vós. Mateus 5:11-12 

    Os servos de Deus sempre serão odiados e rejeitados pelo mundo, mas se você ler sobre os reformadores, puritanos e grandes homens de Deus , eles sempre enfrentaram oposição dos da sua própria casa 
    Exemplos:
    1) Miriã e Arão contra Moíses
    2)Cam zombou da nudez de seu pai, Noé
    3)José foi vendido por seus irmãos
    4) John Wesley foi perseguido pelos Anglicanos, papistas entre outros
    5) Spurgeon, foi perseguido pelos próprios batistas, que faziam parte da sua denominação

    Mateus 5:14 ” Mas aquele, porém , que perseverar até o fim, esse será salvo”

    1. Carlos Vega Diz

      Se o problema em pauta fosse esse exposto pelo irmão seria até mais saudável essa perseguição; mas o assunto é sobre as igrejas que de repente abraçam doutrinas ou comportamentos inconvenientes aos padrões bíblicos e com total apoio de seus líderes (pastores).  

  2. Rayannesuzan Diz

    Deus é infinitamente bom. Eu também estou passando pelo mesmo em minha igreja local e tenho estado muito cansada e sobrecarregada por não saber como agir. Aliás estava até conversando com uma pessoa ontem a cerca destas coisas e pedi que Deus me guiasse pois não quero simplismente sair ou desonrar meus pastores e líderes. A princípio Deus mandou que eu entregasse tudo a Ele, mas como somos falhos, eu continuei angustiada e hoje tenho essa maravilhosa resposta de Deus.

    Obrigada a todos os irmãos aqui que permitem que Deus os use como canal para a pregação do Verdadeiro Evangelho.

  3. Razoável Diz

    Graça e paz… vivi isso recentemente na igreja que congrego, porém o pivô de todo o desvio doutrinário foi o próprio pastor, que com falta de foco e pouco conhecimento bíblico, começou a buscar “novidades” que não condizem com a ética batista e principalmente com a doutrina bíblica. Portanto, como professor de jovens na EBD, resolvi iniciar um movimento de subversão espiritual através da busca pelo conhecimento da verdade e, assim, tentar influenciar alguns jovens para que essa atitude de zelo com as escrituras se espalhasse. Ou seja, tentei iniciar a reforma.

    Porém o pastor de jovens, começou uma reforma também, mas fundada sobre acusações, mentiras e intrigas. Inclusive entregando uma carta anônima na comissão de ética da Ordem dos Pastores apontando todos os desvios do pastor titular.Em resumo, após três anos de jugo, mentiras e desvios da palavra, o Pastor de Jovens foi convidado a se retirar devido seu mau comportamento e também uma solicitação feita por mim e outros irmãos à comissão de ética. O Pastor titular fez um “racha” na igreja, deixando-a em uma situação crítica, pois até os dízimos ele andou desviando.Já se passaram 3 meses, e nós, os remanescentes temos voltado ao primeiro amor. De 300 membros que éramos, agora somos menos de 100. Mais unidos, mais focados na palavra e no evangelismo, agindo realmente como igreja de Cristo. Certos problemas vêm e nos abalam, mas Deus não permite que sua obra seja interrompida. Assim, a reforma é muitas vezes dolorosa, mas necessária para o bem de todos. Ame a seu irmão, respeite seus líderes, porém, acima de tudo isso lute pela verdade do evangelho. Sola scriptura, sola gratia, sola fidi, solus Christus, soli Deo gloria.  

    1. João E Dayse Almeida Diz

      Obrigado por compartilhar a sua experiência. Certamente o Bom Pastor sempre guiará as suas ovelhas.

  4. Pedro Diz

    Esse aconselhamento me edificou muito! Glória a Deus pelo trabalho de vocês do VE! 

    1. Spurgeonista Diz

      Irmão como eu vos aconselhei. A estratégia de Satanás é a seguinte. Fazer cada um de Nós ficar pulando de IGREJA em IGREJA devido a erros doutrinários. Assim nos tornaremos crentes sem maturidade, pois não conseguimos perseverar.
      LEIAM ATOS 2:42-47 Mt 5:14- O segredo é a perseverança dos Santos. Mas podem dizer , “estou fraco, não aguento mais” . Assim Deus agirá , pois o poder de Deus se aperfeiçoa na nossa fraqueza. LUTEM POR UMA REFORMA E UMA VISÃO CRISTOCÊNTRICA em suas IGREJAS. Deus vos escolheu como ATALAIA, avise o impio ou o descrente da sua impiedade.
      ISAÍAS PREGOU 40 ANOS SEM NINGUÉM SE CONVERTER EM ISRAEL
      Ele foi tentado a desistir ? Sim, é claro. Mas a graça de Deus o sustentou.
      FIQUEM FIRME em nome de JESUS !

    2. Sirleidedarocha Diz

      O escritor da carta aos Hebreus (Paulo?), admoesta a que não abandonemos
      a nossa congregação. Mas o que ele quis dizer? Primeiro precisamos saber o que
      significa congregar:  Congregar

      1. Convocar.

      2. Juntar (gente em lugar determinado).

      v. pron.

      3. Reunir-se, juntar-se (em congregação).

      4. Concorrer, existir simultaneamente.

       

      congregação

      s. f.

      1. Acto de congregar.

      2. Reunião, assembleia.

      3. Companhia de religiosos da mesma Ordem.

      4. Reunião de pessoas seculares ou religiosas, submetidas à mesma regra.

      5. Assembleia de prelados, reunidos para examinar certos assuntos na
      Cúria Romana.

      a congregação dos fiéis: a Igreja.

       

       Como podemos perceber, congregar
      e congregação acaba dando tudo na mesma. (Outros dicionários foram consultados
      também). Ou seja, o termo é usado tanto no latim como no grego para definir uma
      reunião, ou assembleia por meio de convocação. Vejamos agora o que o Senhor
      Jesus disse sobre isto: Ora, se teu irmão pecar contra ti, vai, e repreende-o
      entre ti e ele só; se te ouvir, ganhaste a teu irmão; mas, se não te ouvir,
      leva ainda contigo um ou dois, para que pela boca de duas ou três testemunhas
      toda a palavra seja confirmada. E, se não as escutar, dize-o à igreja; e, se
      também não escutar a igreja, considera-o como um gentio e publicano. Em verdade
      vos digo que tudo o que ligardes na terra será ligado no céu, e tudo o que
      desligardes na terra será desligado no céu. Também vos digo que, se dois de vós
      concordarem na terra acerca de qualquer coisa que pedirem, isso lhes será feito
      por meu Pai, que está nos céus. Porque, onde estiverem dois ou três reunidos em
      meu nome, aí estou eu no meio deles. Mateus 18:15-20. Pelo contexto vemos que o
      Senhor Jesus concedeu autoridade para seu povo, para que em seu nome fossem
      tomadas deliberações em conselho com a reunião dos irmãos, decidindo casos de
      pecado e rebelião. Seguindo sua fala, ele afirma que por causa disto o que dois
      de nós pedirmos sobre a Terra, será concedido pelo Pai nos céus, ainda
      continuando dentro do contexto, ele afirma como garantia, que onde estiverem
      dois de nós reunidos, ele mesmo estará ali em nosso meio. E isto tudo em
      concordância com o que foi dito por ele mesmo (o cristo) em João 14:23: Jesus
      respondeu, e disse-lhe: Se alguém me ama, guardará a minha palavra, e meu Pai o
      amará, e viremos para ele, e faremos nele morada. E ainda em Efésios 4:6 e Mat
      28:20. Creio que deu para entender o que é a igreja, ou a congregação de um
      povo separado para um determinado fim, que no caso é testemunhar do cristo.
      Esta é a congregação que o autor de Hebreus assevera que não devemos deixar ou
      abandonar. Em contra partida, apostasia no Apocalipse é definida pelo termo
      Babilônia, que é sinônimo de confusão religiosa, ou um termo bastante usado em
      nossos dias que é “sincretismo religioso”, que nada mais é do que
      miscigenação ou mistura de crenças e práticas religiosas. Diferente da sã
      doutrina apregoada por Paulo a Timóteo. Não devemos nos esquecer que Babilônia
      se tornou símbolo, mesmo para os primeiros discípulos, de profanação da
      verdadeira religião. Assim sendo, temos no livro da Revelação escrito por João
      na ilha de Patmos no mar Egeu, no tempo do seu exílio, o célebre anúncio:
      “Sai dela meu povo, para que não sejais cúmplices em seus pecados e nem
      participeis de seus castigos.” Apoc 18:4. Mas vale lembrar que segundo
      certos conselhos aqui enunciados, que os discípulos continuaram se reunindo no
      templo diariamente, não para adoração, mas para o testemunho do cumprimento das
      profecias referentes ao messias, através dos serviços realizados no templo
      repassados à memória do povo como ensinamento vivo acerca do verdadeiro
      sacrifício: o do filho de Deus. Estavam lá para cumprir com sua missão:
      testemunhar. Com certeza isto sempre causou, causa e causará, polêmicas e
      discussões,  não no sentido de debates,
      que é o que Paulo condena, mas no sentido de que levantará oposição. Sirleide
      da Rocha.

    3. magnum Diz

      temos q esta com o cordeiro quando fazer qualquer coisa mais gente.
      olha so minha missionaria fala no pulpeto. assim olha pro seu irmao fala com ele nem jesus agradou tudo mundo nao sou eu q vou agradar.. olha so maria teve dor de parto mais quem tem q apresenta jesus é eu e vc evangelico, nao é gente de deus

  5. Sandyelle Barros Diz

    Esse aconselhamento também serviu muito para mim, pois tudo o que esses irmãos estão passando é o que está ocorrendo onde me congrego, e eu e outros da congregação temos sentido essas mesmas dificuldades. Orei ao Senhor e a direção que Ele me deu também foi essa do aconselhamento. Oro para que a cada dia nós estejamos sempre firme, sendo sal e luz, em qualquer lugar. Um abraço aos meus amados irmãos e que Jesus, na sua infinita bondade, nos conceda da sua graça dia a dia. E não esqueçamos de orar uns pelos outros.

  6. VALDINÉIA MONTEIRO Diz

    EU LOUVO A DEUS POR EXISTIREM IRMÃOS EM CRISTO QUE DEFENDEM  O VERDADEIRO EVANGELHO,LOUVO A DEUS MERECEDOR DE TODA GLÓRIA.
    MAS INFELIZMENTE AS PESSOAS TEM PROCURADO O QUE AS SATISFAZEM,E NÃO A VERDADE QUE É A PALAVRA DE DEUS.E ESSAS IGREJAS TEM OFERECIDO O QUE O POVO QUER PROSPERIDADE A  QUALQUER PREÇO.QUE DEUS TENHA MISERICÓRDIA.OREMOS IRMÃOS PARA UM ARREPENDIMENTO GENUÍNO E UM DESPERTAR DA IGREJA NESSE TEMPO.AMÉM!

  7. Carlos Vega Diz

    Graça e paz meus amados irmãos em Cristo,

    Entendo muito bem desse assunto, pois passei por ele algumas vezes. Creio que existem muitos irmãos passando por essa situação sem saber que atitude tomar; fiquei assim por mais de 5 anos em uma igreja histórica que entrou nessa “onda” emergente atual. Graças a Deus saí; não suportava mais ir para o culto com uma tristeza antecipada, por prever o que aconteceria. Era uma tortura quando chegava o domingo.  Hoje, voltei a sentir alegria de ir no domingo ao culto louvar a Deus e aprender da sua Palavra. Segue um trecho de um livro de David Wilkerson “Exorta a Igreja”, onde ele trata desse assunto. 

    “Se você está numa comunhão ou
    numa igreja que ouviu a verdade e a rejeitou, “eis aí a resposta,
    deixe-a!” Saia, ou seus filhos podem apostatar! Esqueça essa história de
    dizer: “Bem, meus filhos têm amigos lá.” Sim, e todos eles podem
    crescer sem nenhuma convicção de pecado, devido à falta do poder ou da presença
    de Deus. Você não vai mudar nada — de maneira alguma! Mas eles podem mudar
    você. Que comunhão há da luz com as trevas? “Saia do meio deles,
    separe-se, e fique limpo – ENTÃO EU O RECEBEREI.”

    Espero poder ter ajudado.

    Carlos Vega

  8. Cesar Diz

    Puxa… faz tempo que estou nesta dúvida. E confesso que ela me tem feito não estar em comunhão com eles, e viver visitando outras igrejas. Essa situação tem me angustiado mais ainda. Esse aconselhamento foi ótimo, e foi a mesma que um amigo de trabalho me deu. Glorifico a Deus por este aconselhamento, e que em nossas ações possa ser encontrado o caráter de Cristo.
    abçs

  9. Vinícius Santos Albuquerque Diz

    Glória a Deus João… Não acrescentaria nem retiraria nada… É exatamente o que todos que passam por essa situação precisam ouvir. Já eu, tive que aprender sozinho… rs

  10. Bryan Monteiro Diz

    Passo por situação semelhante ao rapaz da carta. As vezes você fica parecendo até um doido ao entrar em controvérsias complicadas.

    Claramente meu irmão de sangue é mais tranquilo para com estes tipos de situações. Ele procura logo sair pela tangente. Se me perguntam alguma coisa dou razão daquilo possivelmente bíblico.

    Hj penso o seguinte: Felizmente e Ifelizmente muitas pessoas vão se converter a Cristo em igrejas como essas. Felizmente porque estão convertendo e Infelizmente porque poderiam estar experimentando o melhor de Deus.

    A paz.

  11. Marcelo Lima Diz

    Marcelo, servo do Senhor Jesus Cristo e de Deus Pai, pela Graça que habita e provém somente dEle, a todos os irmãos em Cristo Jesus.

    A vocês, que foram vivificados por Deus através de Cristo, eleitos antes da fundação do mundo de ocordo com o Seu imutável propósito, graça e paz dAquele que enche todas as coisas [Efésios 4:10]

    Tenho visto quão comum esse tipo de situação tem se tornado. E creio que assim o é para que Deus seja glorificado e todo homem esteja calado perante Ele.

    Digo isto a vocês porquê de igual modo sofri muitas perseguições por causa das Escrituras, pois além de ser um servo na minha congregação, também fazia parte do conselho diretivo e partilhava das decisões tomadas sejam quais fossem os aspectos.

    Não sei se chegaram a tal ponto, mas ser chamado de herege e de endemoninhado já foi uma experiência vivenciada por mim. E ouvi isto da boca do meu pastor à época.  Mas como disse o Mestre: “Basta ao discípulo ser como o seu mestre, e ao servo, como o seu senhor. Se o dono da casa foi chamado Belzebu, quanto mais os membros da sua família!” [Mateus 10:25].

    Por isso o Espírito Santo não deixou que estas coisas se tornassem razão de ódio ou contendas em meu coração, pelo que me guiou a tão somente batalhar pela fé entregue aos santos [Judas 1:3].

    O Senhor me mostrou que o que vem ocorrendo de forma generalizada é um afastamento das Escrituras Sagradas [2 Timóteo 4] e um descrédito dEla como sendo suficiente por si mesma para nos guiar em todo o ensino de Deus:

    “Porque desde criança você conhece as sagradas letras, que são capazes de torná-lo sábio para a salvação mediante a fé em Cristo Jesus. Toda a Escritura é inspirada por Deus e útil para o ensino, para a repreensão, para a correção e para a instrução na justiça, para que o homem de Deus seja apto e plenamente preparado para toda boa obra. ” [2 Timóteo 3:15-17]

    O que aconteceu na época de Martinho Lutero novamente está acontecendo no que diz respeito às denominações, sejam elas quais forem. E portanto, assim como tem ocorrido durante toda a história desde à época nos nossos irmãos da igreja primitiva, novamente o Senhor preservará os escolhidos. 

    A Igreja não são pedras e tijolos, nem tão pouco uma instituição humana registrada sob um CNPJ, com placas e ensinos paralelos às Escrituras. Ela é a extensão de Cristo (a Cabeça), sendo Seu Corpo. Foi estabelecida pelo próprio Senhor e é UMA SÓ com Ele:

    “Minha oração não é apenas por eles. Rogo também por aqueles que crerão em mim, por meio da mensagem deles, para que todos sejam um, Pai, como tu estás em mim e eu em ti. Que eles também estejam em nós, para que o mundo creia que tu me enviaste.
    Dei-lhes a glória que me deste, para que eles sejam um, assim como nós somos um: eu neles e tu em mim. Que eles sejam levados à plena unidade, para que o mundo saiba que tu me enviaste, e os amaste como igualmente me amaste. ” [João 17:20-23].

    A questão com que me deparei foi que se as Escrituras Sagradas não forem tidas como suficientes para nos dar todas as orientações quanto ao Evangelho, então todo o tipo de ensinamento pode ser acrescentado no objetivo de “complementar” a Escritura. E toda vez que isso acontece, Satanás se usa da mesma velha estratégia usada no jardim do Éden, que é colocar em dúvida aquilo que Deus diz em Sua Palavra: “Foi assim que Deus disse?…[Gênesis 3:1]” e querer complementá-la, como se Ela por si só não fosse suficiente em tudo. É como se Satanás dissesse: “As palavras de Deus são muito confusas e por isso vocês não entenderam direito. Deixem-me explicar a vocês. Deixem-me complementar o que Deus disse.” 

    “Disse a serpente à mulher: “Certamente não morrerão! Deus sabe que, no dia em que dele comerem, seus olhos se abrirão, e vocês serão como Deus, conhecedores do bem e do mal”. [Gênesis 3:4-5]

    Por outro lado, confiar nas Escrituras como a imutável Palavra de Deus e portanto suficiente em Si mesma, nos impõe o maior desafio: A Fé. 

    Acreditar nela significa abraçá-la e defendê-la e ao mesmo tempo rejeitar tudo o que não tem fundamento nEla. Foi o que disse Paulo a Timóteo:

    “Rejeite, porém, as fábulas profanas de velhas e exercite-se na piedade.” [1 Timóteo 4:7]
    “Eles se recusarão a dar ouvidos à verdade, voltando-se para os mitos.” [2 Timóteo 4:4]

    Foi o que Lutero defendeu:

    “Portanto, a menos que eu seja convencido pelo testemunho das Escrituras ou pelo mais claro raciocínio; a menos que eu seja persuadido por meio das passagens que citei; a menos que assim submetam minha consciência pela Palavra de Deus, não posso retratar-me e não me retratarei, pois é perigoso a um cristão falar contra a consciência. Aqui permaneço, não posso fazer outra coisa; Deus queira ajudar-me. Amém.”

    Diante de tudo que vivi, me deparei com a exata questão deste tópico: Se existe um afastamento generalizado das Escrituras quanto ao ensino do Evangelho o que um cristão que tem sido esclarecido por Deus deve fazer? Lutar por uma reforma ou sair?

    Amados irmãos em Cristo, digo a vocês que muitos conflitos me vieram à alma. Pois, posso dizer isto em sinceridade de coração com Deus como testemunha, que lutei incansavelmente combatendo o bom combate para que se abrissem os olhos dos líderes que comigo estavam, assim como de muitos devotos. Meu primeio pensamento foi: “Deus me abriu os olhos para a simplicidade do Evangelho e para a suficiência da sua Palavra para que eu influencie minha denominação e ela seja reformada para voltar-se a Deus”. Gostaria de ter poder contar todas as experiências que tive nesse propósito, mas isso cansaria por demais aos leitores.

    O resumo de tudo é que não consegui que ouvissem a Deus. As suas tradições centenárias e suas práticas antigas sempre se mostravam mais importantes que a verdade das Escrituras. Eles eram incapazes de abrir mão da forma como faziam muitas coisas para seguir a Cristo. Preferiram muitas vezes os sacrifícios do que a misericórdia, amaram as tradições e desprezaram as Escrituras, preferiram o crescimento de um reino humano (nossa igreja, nosso ministério) em detrimento do Reino de Deus e do Cordeiro. 

    Digo a vocês que muito sofri, pois amava e amo por demais os irmãos na fé que congregavam comigo, mas minha consciência não me deixava dormir sob a pressão que a verdade me impunha. O Espírito bradava em meu coração: “Se as Escrituras são suficientes então creia nElas e esteja disposto a sofrer todas as consequências dessa fé”.

    Sobre isto deram testemunho nossos irmãos apóstolos:

    “Mas Pedro e João responderam: “Julguem os senhores mesmos se é justo aos olhos de Deus obedecer aos senhores e não a Deus.” [Atos 4:19]
    “Acaso busco eu agora a aprovação dos homens ou a de Deus? Ou estou tentando agradar a homens? Se eu ainda estivesse procurando agradar a homens, não seria servo de Cristo.” [Gálatas 1:10]

    Irmãos, muito questionei ao Espírito sobre o porquê de aquele povo ser tão duro de coração quanto à fé e se eu deveria continuar insistindo num processo de reforma.

    Pasmem vocês diante das coisas a que o Espírito me levou nas Escrituras. Certa vez em oração questionei ao Senhor quanto àquela situação. Disse eu: “Senhor o que eu devo fazer para que a minha denominação volte às Escrituras, volte ao Evangelho, volte a Ti mesmo? Atende-me Senhor e traga uma reforma como nos dias passados.” 

    A resposta do Senhor a mim foi: “MARCELO, EU NÃO TENHO INTERESSE EM REFORMAR AQUILO QUE OS HOMENS CRIARAM. MEU COMPROMISSO É COM A MINHA IGREJA.”. Eu disse: “Como assim Senhor?É da igreja mesmo que estou falando!”. Ele me disse: “A IGREJA NÃO PRECISA DE REFORMA. ELA SEMPRE SE MANTEVE PURA E FIRME NAS ESCRITURAS AO LONGO DAS GERAÇÕES. ELA É A MINHA NOIVA, SANTIFICADA POR MIM MESMO. ELA ESCUTA MINHA VOZ. OS MEUS CONHECEM A MINHA VOZ E ME SEGUEM, POIS SÃO MINHAS OVELHAS. ACONTECE QUE VOCÊ ESTÁ CHAMANDO DE IGREJA AQUILO QUE NÃO É IGREJA E ESTÁ PEDINDO PRA REFORMAR UMA COISA COM A QUAL NUNCA TIVE COMPROMISSO. TODA PLANTA QUE MEU PAI CELESTIAL NÃO PLANTOU SERÁ ARRANCADA”.

    Não preciso nem dizer que estas palavras foram como uma marretada em tudo o que eu conhecia e acreditava, pois vinha sendo ensinado dessa forma há anos.

    Todavia o Senhor teve misericórdia e me esclareceu. Tudo o que me disse se tornou claro à luz das Escrituras e entendi que era o Senhor, pois jamais de mim mesmo teria ido contra minhas próprias concepções. Mas procurei examinar todas as coisas segundo às Escrituras.

    “NÃO TENHO INTERESSE EM REFORMAR AQUILO QUE OS HOMENS CRIARAM. MEU COMPROMISSO É COM A MINHA IGREJA” 

    Irmãos, o que vou dizer pode ser um pouco conflitante para alguns, mas peço que examinem segundo as Escrituras e com a ajuda do Espírito de Deus para que recebam com alegria estes esclarecimentos. Eu estava pedindo a Deus para que minha denominação fosse reformada segundo o Evangelho, segundo as Escrituras. A grande questão é que as denominações, sejam quais forem, não foram criadas pelo Mestre, mas pelos homens. 
    O Senhor me fez entender que Ele exerga os santos e que as denominações surgiram por questões humanas. Assim, partindo do princípio de que as Escrituras são suficientes, isto me faz aceitar a todos os irmãos em Cristo como sendo a Igreja, e rejeitar o conceito de que as “denominações” são de Deus. Nós entramos em muitos conflitos em tentar defender algo que não tem fundamentação nas Escrituras.

    Quando olhamos e vemos todas as coisas se desviando das Escrituras é exatamente porque o que é do homem tende a se encher de ensinos e tradições humanas. Assim também, quando vemos tantos escândalos envolvendo o meio evangélico. Eu pergunto a vocês: É contra a Igreja que satanás tem prevalecido nestes aspectos?? Afirmo que não. ele tem prevalecido contra aquilo que os homens criaram, mas não contra a Igreja, pois Ela não pode ser vencida [Mateus 16:18]. Portanto meus amados irmãos, as Escrituras sagradas nos chamam de Igreja, Santos, Fiéis, Irmãos. E crendo nas Escritudas não me chamarei de evangélico, batista, presbiteriano, assembleiano, metodista, ou qualquer outro título criado pelos homens, que mesmo sem a intenção, promovem a divisão no Corpo para que os que são se Cristo estejam uns contrários aos outros.

    Portanto, meus amados em Cristo Jesus, me dirijo a vocês em humildade e como alguém que já passou pelo muitos tem passado, para vos dizer que não façam questão de reformar uma denominação, placa, ministério ou movimento. Vamos defender a Igreja, una, dirigida pelo Senhor Jesus, unida, firme nos ensinamentos da Escrituras Sagradas e rejeitando tudo o que não é pelas Escrituras, e confiando que o Senhor Jesus é a Cabeça do Seu Corpo e, portanto, Ele sabe como regê-la, como guiá-la e como distribuir seus dons pelo Espírito Santo para edificação dos santos.

    Partindo disto, parei de insistir. Abri mão dos cargos, das atividades, da denominação. Como não me intitulava mais pela denominação, parei de fazer acepção entre os irmãos em Cristo de outras denominações e passei a me unir a eles na Obra do Mestre. Não preciso nem dizer que isto foi visto como uma afronta pela minha denominação.

    O discurso de todos é que não existe desunião, que as denominações e as placas não tem importância alguma, mas não é o que tenho visto na prática. Já vi diversas denominações abrindo templos numa mesma rua, mesmo já havendo 10 templos. Mas nenhuma delas porfia por levantar o Nome do Senhor nos lugares desertos onde a Palavra ainda não chegou. Dizem que as placas não tem importância nenhuma, mas sugira a eles que as retirem, eles lhe mandarão ir orar. Dizem que as tradições ajudam a manter bons costumes, e com isso mostram que desacreditam completamente das Escrituras que dizem:

    “Se alguém está em Cristo, nova criatura é” [2 Corintios 5:17]
    “Aquele que em vós começou a boa obra a aperfeiçoará até ao dia de Jesus Cristo” [Filipenses 1:6]
    “Assim, toda a árvore boa produz bons frutos, e toda a árvore má produz frutos maus.” [Mateus 7:17]
    “Quem é de Deus escuta as palavras de Deus; por isso vós não as escutais, porque não sois de Deus.” [João 8:47]
    “As minhas ovelhas ouvem a minha voz, e eu conheço-as, e elas me seguem;” [João 10:27]
    “Mas vós não credes porque não sois das minhas ovelhas, como já vo-lo tenho dito.” [João 10:26]

    Contudo, tentaram me constranger a abandonar os irmãos por serem de outras denominações pois diziam “estes outros não seguem a doutrina do senhor”. O pastor me disse que se continuasse a ensinar estas coisas, teria que abrir uma igreja para mim longe da “igreja dele”. Minha resposta foi que não precisava “abrir” qualquer igreja. A Igreja já foi aberta. Ela foi edificada pelo Senhor Jesus, antes da fundação do mundo, e que fui feito membro dEla juntamente com todos os que foram resgatados do pecado por Cristo, cujos nomes figuram não de um rol de membros, mas do livro da vida, em cujos corações o Espírito Santo tem trabalhado continuamente em sua obra regeneradora até que todos cheguemos à unidade da fé [Efésios 4:13].

    Assim, busquei de Deus nas Escrituras como deveria congregar. E o Senhor me mostrou pela Sua Palavra como faziam os irmãos no princípio. Passamos então a nos reunir muitos irmãos no Senhor, de casa em casa (Atos 2:2, Atos 12:12, Atos 16:40, Atos 20:20, Romanos 16:3-5, 1 Coríntios 16:19, Colossenses 4:15, Filemon 1:2), prezando pela simplicidade, sempre compartilhando as refeições em comunhão, estudando as Escrituras, orando e adorando ao Senhor, suprindo as necessidades aos necessitados e pregando o evangelho na nossa cidade e cidades circunvizinhas. 

    Irmãos digo a vocês em verdade. O Senhor já tem esclarecido acerca destas coisas a muitos santos em todos os lugares. Ele os tem levado a retornar ao princípio das Escrituras com relação a todos os pontos: Seja quanto aos princípios fundamentais do Evangelho (basta ver as mensagens poderosas do Espírito Santo através dos nossos irmãos Paul Washer e Jonh Piper), seja com relação à compreensão da Igreja como Corpo de Cristo e Templo do Espírito Santo, a despeito de visões denominacionais ou religiosas.

    Espero que a vossa fé seja edificada e creio plenamente que Senhor anda no meio dos castiçais (Apocalipse 1:20) e portanto Ele mesmo levará a Igreja ao princípio em todos os aspectos e se manifestará glorioso no meio dEla, para que o mundo creia como diz a Escritura:

    “Para que todos sejam um, Pai, como tu estás em mim e eu em ti. Que eles também estejam em nós, para que o mundo creia que tu me enviaste.” [João 17:21]

    Graça e Paz dAquele que nos tornou sua Igreja por sua própria Graça e Misericórdia. 

    Marcelo Lima

    1. Frederico Fiuza Diz

      Marcelo, como gostei e me identifiquei com o texto!
      O que me causava estranheza era que quanto mais eu conheço de Deus mais insignificante eu me sinto, oposto daquilo que vejo onde congrego(ava).
      Vou aguardar, orar, esperar, vou tentar ir a igreja, mesmo sendo um peso pra mim, vou separar alguns dias na semana para ir ver no que dá. Realmente como alguém aqui comentou o plano do Diabo e nos fazer pular de igreja em igreja até perder a fé, então vou aguardar para ver o que o Senhor fala comigo, mas de antemão vou seguindo o que ele falou com você.

    2. Marcelo Lima Diz

      Amém irmão! No que precisar estamos aqui, pois somos UM!

      Graças a Deus que atendeu ao pedido do FILHO!!!

    3. Analia Diz

      Nossa como eu concordo com tudo que você escreveu Marcelo!
      Eu também abandonei cargos e sei que muitos acharam que eu estava “em pecado”,mas eu me sentí tão aliviada,tão leve…Eu fui disciplinada por não concordar com certos atos da direção,falei educadamente,em particular sobre o que eu pensava ,então descobri que naquela igreja a tão falada democracia era ilusão,os líderes eram autoritários na verdade e só valia o que eles pensavam e queriam,foi como uma bofetada no meu rosto.A partir daí fui excluída gradativamente de tudo,mas sinceramente não me importei,o que me doía era o fato de saber que tudo aquilo não era vontade de Deus e sim de homens intransigentes,muito triste ver isso acontecendo!Meu pensamento hoje é:não me envolver com nada.somente fazer a minha parte ou seja,evangelizar todos que cruzarem meu caminho,pregar para aqueles que queiram ouvir!Não quero pregar algo que a igreja não vive,não quero dizer que a igreja ama vc e por trás perceber que ha acepção!Nunca mais quero saber de um púlpito  na minha vida!
      Graça e Paz!

    4. Mauricio Carvalho Diz

      Analia, o problema é que o Povo escolhido não tem sido o que Deus escolheu para que Eles fossem, que é senão, ser Baluarte, ser Rocha Viva, ser Sal e Luz do Mundo. As pessoas de hoje, que deveriam ser IGREJAS, edifícios vivos, onde e por meio destes Deus possa habitar no mundo, tem se transformado em pedra de tropeço a muitos.

      E assim o que chamamos de “IGREJA”, atualmente, não é mais que um consultório psicológico, onde as pessoas podem saciar a fome de tudo o que é mundano e o que tem lhes faltado por viverem longe da Shalom, da Paz que Deus quer lhes dar.

      Como Karl Marx disse: “A religião é o ópio da sociedade”, pois dá ao homem o prazer temporal para esquecer de seus problemas. Enquanto a IGREJA for moldada por panos quentes e regida por uma doutrina de AGRADAR O PRÓXIMO, ao invés de AMAR O  PRÓXIMO, e permanecer pregando o legalismo, e as vãs sutilezas e rudimentos do mundo (Colossensses 2.20), o mundo não será salgado e Satanás terá ainda mais autoridade sobre a Embaixada de Cristo.

    5. Sandra Diz

      Paz meu irmão Marcelo, queria além de desabafar uma orientação. Sou tesoureira de uma igreja e tenho um filho de onze anos e uma bebê de 5 meses. Quando engravidei o meu pensamento era sair do emprego, cuidar da casa e dos filhos e da tesouraria. Assim como citei o fiz, estou em casa cuidando dos filhos, mas é muito dificil neste momento para eu está conciliando tudo isto.Porque tesouraria o senhor saber que requer tempo para não cometer um erro de esquecer um valor para protocolar. Meu pastor chegou para mim e falou que estava orando pela minha vida para que a benção ( minha filha 5 meses) não se tornasse maldição em minha vida. Fiquei e ainda estou muito triste com esta palavra pesada, tento esquecer, mas não consigo. Eu fico pensando…o Senhor me conhece…mesmo eu dizendo que iria cuidar mais ainda da tesouraria mas o Senhor já sabia que eu não iria dá conta, se tive minha filha foi porque o senhor me deu e filhos são bençãos do Senhor e o Senhor não nos dá uma maldição, então dentro de mim eu repreendi em nome de Jesus aquelas palavras que ainda machucam meu coração. Fale algo para mim. Deus te abençoe.

    6. Marcelo Lima Diz

      Irmã Sandra, graça e paz do bom Pastor pra vc!
      Que triste ouvir as palavras que você ouviu, mas deixe-me dizer algo de Deus pra que você tenha paz!
      Muitas vezes nos envolvemos em atividades, agendas, festividades, ensaios e muitas outros compromissos porque somos ensinados que essas coisas são “a obra de Deus”.
      Quando olhamos para a vida de Jesus, vemos Ele conversando com a mulher samaritana no poço de Jacó. Os seus discípulos tinham ido comprar comida e quando viram aquela cena quiseram interromper Jesus dizendo-lhe: Come!
      Mas qual foi a resposta de Jesus? “Eu tenho uma comida para comer que é fazer a vontade do meu Pai, e realizar a sua Obra!”.
      Jesus estava nos mostrando que a obra de Deus não tinha nada a ver com agendas, tarefas e liturgias, mas em dedicar tempo com pessoas para que o Reino de Deus fosse manifestado nelas.
      Assim, meu conselho pra vc sem nenhum receio é que deixe o cargo de tesouraria e invista tempo nos seus filhos, ensinando-os

  12. Marcelo Lima Diz

    Marcelo, servo do Senhor Jesus Cristo e de Deus Pai, pela Graça que habita e provém somente dEle, a todos os irmãos em Cristo Jesus.

    A vocês, que foram vivificados por Deus através de Cristo, eleitos antes da fundação do mundo de ocordo com o Seu imutável propósito, graça e paz dAquele que enche todas as coisas [Efésios 4:10]

    Tenho visto quão comum esse tipo de situação tem se tornado. E creio que assim o é para que Deus seja glorificado e todo homem esteja calado perante Ele.

    Digo isto a vocês porquê de igual modo sofri muitas perseguições por causa das Escrituras, pois além de ser um servo na minha congregação, também fazia parte do conselho diretivo e partilhava das decisões tomadas sejam quais fossem os aspectos.

    Não sei se chegaram a tal ponto, mas ser chamado de herege e de endemoninhado já foi uma experiência vivenciada por mim. E ouvi isto da boca do meu pastor à época.  Mas como disse o Mestre: “Basta ao discípulo ser como o seu mestre, e ao servo, como o seu senhor. Se o dono da casa foi chamado Belzebu, quanto mais os membros da sua família!” [Mateus 10:25].

    Por isso o Espírito Santo não deixou que estas coisas se tornassem razão de ódio ou contendas em meu coração, pelo que me guiou a tão somente batalhar pela fé entregue aos santos [Judas 1:3].

    O Senhor me mostrou que o que vem ocorrendo de forma generalizada é um afastamento das Escrituras Sagradas [2 Timóteo 4] e um descrédito dEla como sendo suficiente por si mesma para nos guiar em todo o ensino de Deus:

    “Porque desde criança você conhece as sagradas letras, que são capazes de torná-lo sábio para a salvação mediante a fé em Cristo Jesus. Toda a Escritura é inspirada por Deus e útil para o ensino, para a repreensão, para a correção e para a instrução na justiça, para que o homem de Deus seja apto e plenamente preparado para toda boa obra. ” [2 Timóteo 3:15-17]

    O que aconteceu na época de Martinho Lutero novamente está acontecendo no que diz respeito às denominações, sejam elas quais forem. E portanto, assim como tem ocorrido durante toda a história desde à época nos nossos irmãos da igreja primitiva, novamente o Senhor preservará os escolhidos. 

    A Igreja não são pedras e tijolos, nem tão pouco uma instituição humana registrada sob um CNPJ, com placas e ensinos paralelos às Escrituras. Ela é a extensão de Cristo (a Cabeça), sendo Seu Corpo. Foi estabelecida pelo próprio Senhor e é UMA SÓ com Ele:

    “Minha oração não é apenas por eles. Rogo também por aqueles que crerão em mim, por meio da mensagem deles, para que todos sejam um, Pai, como tu estás em mim e eu em ti. Que eles também estejam em nós, para que o mundo creia que tu me enviaste.
    Dei-lhes a glória que me deste, para que eles sejam um, assim como nós somos um: eu neles e tu em mim. Que eles sejam levados à plena unidade, para que o mundo saiba que tu me enviaste, e os amaste como igualmente me amaste. ” [João 17:20-23].

    A questão com que me deparei foi que se as Escrituras Sagradas não forem tidas como suficientes para nos dar todas as orientações quanto ao Evangelho, então todo o tipo de ensinamento pode ser acrescentado no objetivo de “complementar” a Escritura. E toda vez que isso acontece, Satanás se usa da mesma velha estratégia usada no jardim do Éden, que é colocar em dúvida aquilo que Deus diz em Sua Palavra: “Foi assim que Deus disse?…[Gênesis 3:1]” e querer complementá-la, como se Ela por si só não fosse suficiente em tudo. É como se Satanás dissesse: “As palavras de Deus são muito confusas e por isso vocês não entenderam direito. Deixem-me explicar a vocês. Deixem-me complementar o que Deus disse.” 

    “Disse a serpente à mulher: “Certamente não morrerão! Deus sabe que, no dia em que dele comerem, seus olhos se abrirão, e vocês serão como Deus, conhecedores do bem e do mal”. [Gênesis 3:4-5]

    Por outro lado, confiar nas Escrituras como a imutável Palavra de Deus e portanto suficiente em Si mesma, nos impõe o maior desafio: A Fé. 

    Acreditar nela significa abraçá-la e defendê-la e ao mesmo tempo rejeitar tudo o que não tem fundamento nEla. Foi o que disse Paulo a Timóteo:

    “Rejeite, porém, as fábulas profanas de velhas e exercite-se na piedade.” [1 Timóteo 4:7]
    “Eles se recusarão a dar ouvidos à verdade, voltando-se para os mitos.” [2 Timóteo 4:4]

    Foi o que Lutero defendeu:

    “Portanto, a menos que eu seja convencido pelo testemunho das Escrituras ou pelo mais claro raciocínio; a menos que eu seja persuadido por meio das passagens que citei; a menos que assim submetam minha consciência pela Palavra de Deus, não posso retratar-me e não me retratarei, pois é perigoso a um cristão falar contra a consciência. Aqui permaneço, não posso fazer outra coisa; Deus queira ajudar-me. Amém.”

    Diante de tudo que vivi, me deparei com a exata questão deste tópico: Se existe um afastamento generalizado das Escrituras quanto ao ensino do Evangelho o que um cristão que tem sido esclarecido por Deus deve fazer? Lutar por uma reforma ou sair?

    Amados irmãos em Cristo, digo a vocês que muitos conflitos me vieram à alma. Pois, posso dizer isto em sinceridade de coração com Deus como testemunha, que lutei incansavelmente combatendo o bom combate para que se abrissem os olhos dos líderes que comigo estavam, assim como de muitos devotos. Meu primeio pensamento foi: “Deus me abriu os olhos para a simplicidade do Evangelho e para a suficiência da sua Palavra para que eu influencie minha denominação e ela seja reformada para voltar-se a Deus”. Gostaria de ter poder contar todas as experiências que tive nesse propósito, mas isso cansaria por demais aos leitores.

    O resumo de tudo é que não consegui que ouvissem a Deus. As suas tradições centenárias e suas práticas antigas sempre se mostravam mais importantes que a verdade das Escrituras. Eles eram incapazes de abrir mão da forma como faziam muitas coisas para seguir a Cristo. Preferiram muitas vezes os sacrifícios do que a misericórdia, amaram as tradições e desprezaram as Escrituras, preferiram o crescimento de um reino humano (nossa igreja, nosso ministério) em detrimento do Reino de Deus e do Cordeiro. 

    Digo a vocês que muito sofri, pois amava e amo por demais os irmãos na fé que congregavam comigo, mas minha consciência não me deixava dormir sob a pressão que a verdade me impunha. O Espírito bradava em meu coração: “Se as Escrituras são suficientes então creia nElas e esteja disposto a sofrer todas as consequências dessa fé”.

    Sobre isto deram testemunho nossos irmãos apóstolos:

    “Mas Pedro e João responderam: “Julguem os senhores mesmos se é justo aos olhos de Deus obedecer aos senhores e não a Deus.” [Atos 4:19]
    “Acaso busco eu agora a aprovação dos homens ou a de Deus? Ou estou tentando agradar a homens? Se eu ainda estivesse procurando agradar a homens, não seria servo de Cristo.” [Gálatas 1:10]

    Irmãos, muito questionei ao Espírito sobre o porquê de aquele povo ser tão duro de coração quanto à fé e se eu deveria continuar insistindo num processo de reforma.

    Pasmem vocês diante das coisas a que o Espírito me levou nas Escrituras. Certa vez em oração questionei ao Senhor quanto àquela situação. Disse eu: “Senhor o que eu devo fazer para que a minha denominação volte às Escrituras, volte ao Evangelho, volte a Ti mesmo? Atende-me Senhor e traga uma reforma como nos dias passados.” 

    A resposta do Senhor a mim foi: “MARCELO, EU NÃO TENHO INTERESSE EM REFORMAR AQUILO QUE OS HOMENS CRIARAM. MEU COMPROMISSO É COM A MINHA IGREJA.”. Eu disse: “Como assim Senhor?É da igreja mesmo que estou falando!”. Ele me disse: “A IGREJA NÃO PRECISA DE REFORMA. ELA SEMPRE SE MANTEVE PURA E FIRME NAS ESCRITURAS AO LONGO DAS GERAÇÕES. ELA É A MINHA NOIVA, SANTIFICADA POR MIM MESMO. ELA ESCUTA MINHA VOZ. OS MEUS CONHECEM A MINHA VOZ E ME SEGUEM, POIS SÃO MINHAS OVELHAS. ACONTECE QUE VOCÊ ESTÁ CHAMANDO DE IGREJA AQUILO QUE NÃO É IGREJA E ESTÁ PEDINDO PRA REFORMAR UMA COISA COM A QUAL NUNCA TIVE COMPROMISSO. TODA PLANTA QUE MEU PAI CELESTIAL NÃO PLANTOU SERÁ ARRANCADA”.

    Não preciso nem dizer que estas palavras foram como uma marretada em tudo o que eu conhecia e acreditava, pois vinha sendo ensinado dessa forma há anos.

    Todavia o Senhor teve misericórdia e me esclareceu. Tudo o que me disse se tornou claro à luz das Escrituras e entendi que era o Senhor, pois jamais de mim mesmo teria ido contra minhas próprias concepções. Mas procurei examinar todas as coisas segundo às Escrituras.

    “NÃO TENHO INTERESSE EM REFORMAR AQUILO QUE OS HOMENS CRIARAM. MEU COMPROMISSO É COM A MINHA IGREJA” 

    Irmãos, o que vou dizer pode ser um pouco conflitante para alguns, mas peço que examinem segundo as Escrituras e com a ajuda do Espírito de Deus para que recebam com alegria estes esclarecimentos. Eu estava pedindo a Deus para que minha denominação fosse reformada segundo o Evangelho, segundo as Escrituras. A grande questão é que as denominações, sejam quais forem, não foram criadas pelo Mestre, mas pelos homens. 
    O Senhor me fez entender que Ele exerga os santos e que as denominações surgiram por questões humanas. Assim, partindo do princípio de que as Escrituras são suficientes, isto me faz aceitar a todos os irmãos em Cristo como sendo a Igreja, e rejeitar o conceito de que as “denominações” são de Deus. Nós entramos em muitos conflitos em tentar defender algo que não tem fundamentação nas Escrituras.

    Quando olhamos e vemos todas as coisas se desviando das Escrituras é exatamente porque o que é do homem tende a se encher de ensinos e tradições humanas. Assim também, quando vemos tantos escândalos envolvendo o meio evangélico. Eu pergunto a vocês: É contra a Igreja que satanás tem prevalecido nestes aspectos?? Afirmo que não. ele tem prevalecido contra aquilo que os homens criaram, mas não contra a Igreja, pois Ela não pode ser vencida [Mateus 16:18]. Portanto meus amados irmãos, as Escrituras sagradas nos chamam de Igreja, Santos, Fiéis, Irmãos. E crendo nas Escritudas não me chamarei de evangélico, batista, presbiteriano, assembleiano, metodista, ou qualquer outro título criado pelos homens, que mesmo sem a intenção, promovem a divisão no Corpo para que os que são se Cristo estejam uns contrários aos outros.

    Portanto, meus amados em Cristo Jesus, me dirijo a vocês em humildade e como alguém que já passou pelo muitos tem passado, para vos dizer que não façam questão de reformar uma denominação, placa, ministério ou movimento. Vamos defender a Igreja, una, dirigida pelo Senhor Jesus, unida, firme nos ensinamentos da Escrituras Sagradas e rejeitando tudo o que não é pelas Escrituras, e confiando que o Senhor Jesus é a Cabeça do Seu Corpo e, portanto, Ele sabe como regê-la, como guiá-la e como distribuir seus dons pelo Espírito Santo para edificação dos santos.

    Partindo disto, parei de insistir. Abri mão dos cargos, das atividades, da denominação. Como não me intitulava mais pela denominação, parei de fazer acepção entre os irmãos em Cristo de outras denominações e passei a me unir a eles na Obra do Mestre. Não preciso nem dizer que isto foi visto como uma afronta pela minha denominação.

    O discurso de todos é que não existe desunião, que as denominações e as placas não tem importância alguma, mas não é o que tenho visto na prática. Já vi diversas denominações abrindo templos numa mesma rua, mesmo já havendo 10 templos. Mas nenhuma delas porfia por levantar o Nome do Senhor nos lugares desertos onde a Palavra ainda não chegou. Dizem que as placas não tem importância nenhuma, mas sugira a eles que as retirem, eles lhe mandarão ir orar. Dizem que as tradições ajudam a manter bons costumes, e com isso mostram que desacreditam completamente das Escrituras que dizem:

    “Se alguém está em Cristo, nova criatura é” [2 Corintios 5:17]
    “Aquele que em vós começou a boa obra a aperfeiçoará até ao dia de Jesus Cristo” [Filipenses 1:6]
    “Assim, toda a árvore boa produz bons frutos, e toda a árvore má produz frutos maus.” [Mateus 7:17]
    “Quem é de Deus escuta as palavras de Deus; por isso vós não as escutais, porque não sois de Deus.” [João 8:47]
    “As minhas ovelhas ouvem a minha voz, e eu conheço-as, e elas me seguem;” [João 10:27]
    “Mas vós não credes porque não sois das minhas ovelhas, como já vo-lo tenho dito.” [João 10:26]

    Contudo, tentaram me constranger a abandonar os irmãos por serem de outras denominações pois diziam “estes outros não seguem a doutrina do senhor”. O pastor me disse que se continuasse a ensinar estas coisas, teria que abrir uma igreja para mim longe da “igreja dele”. Minha resposta foi que não precisava “abrir” qualquer igreja. A Igreja já foi aberta. Ela foi edificada pelo Senhor Jesus, antes da fundação do mundo, e que fui feito membro dEla juntamente com todos os que foram resgatados do pecado por Cristo, cujos nomes figuram não de um rol de membros, mas do livro da vida, em cujos corações o Espírito Santo tem trabalhado continuamente em sua obra regeneradora até que todos cheguemos à unidade da fé [Efésios 4:13].

    Assim, busquei de Deus nas Escrituras como deveria congregar. E o Senhor me mostrou pela Sua Palavra como faziam os irmãos no princípio. Passamos então a nos reunir muitos irmãos no Senhor, de casa em casa (Atos 2:2, Atos 12:12, Atos 16:40, Atos 20:20, Romanos 16:3-5, 1 Coríntios 16:19, Colossenses 4:15, Filemon 1:2), prezando pela simplicidade, sempre compartilhando as refeições em comunhão, estudando as Escrituras, orando e adorando ao Senhor, suprindo as necessidades aos necessitados e pregando o evangelho na nossa cidade e cidades circunvizinhas. 

    Irmãos digo a vocês em verdade. O Senhor já tem esclarecido acerca destas coisas a muitos santos em todos os lugares. Ele os tem levado a retornar ao princípio das Escrituras com relação a todos os pontos: Seja quanto aos princípios fundamentais do Evangelho (basta ver as mensagens poderosas do Espírito Santo através dos nossos irmãos Paul Washer e Jonh Piper), seja com relação à compreensão da Igreja como Corpo de Cristo e Templo do Espírito Santo, a despeito de visões denominacionais ou religiosas.

    Espero que a vossa fé seja edificada e creio plenamente que Senhor anda no meio dos castiçais (Apocalipse 1:20) e portanto Ele mesmo levará a Igreja ao princípio em todos os aspectos e se manifestará glorioso no meio dEla, para que o mundo creia como diz a Escritura:

    “Para que todos sejam um, Pai, como tu estás em mim e eu em ti. Que eles também estejam em nós, para que o mundo creia que tu me enviaste.” [João 17:21]

    Graça e Paz dAquele que nos tornou sua Igreja por sua própria Graça e Misericórdia. 

    Marcelo Lima

  13. servo inútil Diz

    Não costumo fazer comentários (tenho certa aversão), apenas
    leio os textos e pronto! Mas, fiquei incomodado com este, pois é exatamente o
    que tenho passado há alguns anos (exatamente mesmo!). Tenho orado e chorado
    pela Igreja, não é fácil estar em um ambiente onde as pessoas estão ali por barganha,
    ou dizendo que o melhor de Deus ainda está por vir! Sendo que o melhor de Deus
    já veio, é Cristo Jesus! Irmão, se eu puder dar um conselho, de um servo inútil
    salvo pela graça é: Seja testemunha de Cristo Jesus dentro da igreja. Não estou
    falando de debates ou coisas do tipo, mas de realmente mostrar que você crê em
    Jesus, acima de tudo, Ele é o cordeiro de Deus, nosso bode expiatório. Em
    Cristo estamos salvos da ira de Deus. Mostre que tem algo diferente em você!
    Mostre que você é do seu amado. Ame a palavra de Deus, com todas as suas
    forças. Chore diante de Deus pelas almas daqueles que estão perdidos na igreja.
    Deixe claro, mas com amor, que o que você acredita é bíblico, não é uma nova heresia,
    é apostólico, é o que a igreja acreditava. Não, não é fácil, é com lágrimas nos
    olhos que escrevo pensando em minha igreja. Só quem esta passando por isso sabe
    o desejo de estar entre verdadeiros adoradores. Creio que enquanto for possível estar na igreja e
    influenciá-la com o suave aroma de Cristo, não tem porque deixá-la (graças a
    Deus não estou mais sozinho na igreja). De coração espero ter ajudado. Seu
    irmão em Cristo.

    1. simples serva do Senhor Diz

      Acho que minha situação é bem complicada, pois começei a me sentir incomodada, oprimida com tantas modificações que ocorreram dentro das 3 igrejas que já congreguei (visão g12, culto de campanha, festa gospel, avivamento baseado em moveres estranhos no qual dizem estar cheios do Espírito Santo). Por isso decidi sair, estou sem congregar! choro muito, pois não tenho mais vontade de ir em nenhuma dessas congregações, choro por as vezes achar que tem algo de errado em mim! peço perdão a Deus, pois não vou mais a igreja! e ainda não encontrei uma que não esteja indo neste embalo. Eu estava sempre nas atividades da igreja, no ministério, porém um dia desabafei que não concordava com o esse evangelho moderno, e por isso os pastores me repreenderam! na última congregação que estive (metodista wesleyana) fiquei por três anos muito sofridos, pois com muitas coisas não concordava, e sei que o pastor nem se quer me conhecia! me sentia um peixe fora d’agua, uma estranha, sozinha e desamparada! cheguei a ficar oprimida e doente por ver dentro da igreja coisas que vivenciava no mundo antes de minha conversão. Sei que devo congregar, mas para estas congregações não consigo! pois quero a palavra pura e genuína de Cristo. Por enquanto pregação pra pra mim tem sido pelo youtube com pastores como o Paul Washer, John Pipper, David wilkerson, Leonard Ravenhill e daqui do Brasil Juliano Son. Minha preocupação é! será que estou esfriando? estou indo por um caminho que não devo ir? Que o Senhor me direcione pois para onde irei! se só ele tem as palavras de vida eterna!
      Fiquem todos na paz do Senhor!

    2. Flávio Farias Diz

      Eu me sinto parecido com isso que vocÊ falou, mas ver se consigo lutar em oração para um avivamento na minha igreja… É dificil encontrar uma igreja saudável… eu tenho vontade de congregar em ALIANCA DO CALVARIO – FRANCA -SP, mas eu não moro lá..

      ἐκκλησία – A igreja do “eu mesmo”

      Eu não sou a igreja e você não é a igreja. Você é parte da igreja. A palavra ἐκκλησία ( ekklesia ) significa “assembléia”, e não, você não é realmente uma assembléia. Você é um cristão. De todos os 112 casos no Novo Testamento onde “ekklesia” se refere à instituição fundada por Cristo, em todos, exceto em cinco (por exemplo, se referindo a igreja – “ekklesia” – se referindo a uma assembléia futura Efe. 5:25-32 e Heb. 12:23) – refere-se a uma igreja particular, concreta, local, ou a uma pluralidade de igrejas semelhantes, como “a igreja que estava em Jerusalém” (Atos 8:1); “todas as igrejas dos gentios” (Rom. 16:4); “as igrejas da Macedônia” (2 Cor. 8:1); “a igreja em tua casa” (Filemon 2); e “as igrejas de Deus” (2 Tess. 1:4).

      A raiz do problema hoje não é falta de clareza bíblica, a raiz é um problema de autoridade. Não gostar de se sentar e escutar enquanto outra pessoa fala. Não gostar da ideia de liderança. Ânsia por ser um “rebelde revolucionário”. Não gostar do comprometimento, do compromisso, de ser responsável… Não há nada de bíblico nisso, mas exatamente o oposto do ensino bíblico.

      Nossa raça foi infectada por um a vírus anti-autoridade quando nossos pais ouviram no Jardim do éden: “Sereis como deuses”. Mas conversão, conversão verdadeira, trata e extermina este vírus.

      Arrependimento bíblico não é pedir desculpas a Deus e depois tentar “cristianizar” todos os seus gostos, desejos, tribo…

      O arrependimento bíblico consiste em uma transformação radical de pensamento, atitude, perspectivas e direção …. Arrependimento bíblico é uma mudança do pecado para Deus e seu serviço, Cristo o Senhor, eu o escravo. É a morte do Eu, do viver para mim – para tomar a cruz e negar a mim mesmo.

      Arrependimento é uma revolução no que é mais determinante na personalidade humana e é o reflexo na consciência de a mudança radical operada pelo Espírito Santo na Regeneração.

      Mas o homem natural é – Só você, só você… como você quer… exatamente por ser livre disso o homem regenerado se torna um membro do corpo de Cristo que é a igreja – Você prefere ficar em casa, ser cristão virtual, assistindo vídeos, quando quiser, onde quiser… nenhum povo “chato” no qual você tenha que exercer a paciência, longanimidade, amor… sem necessidade de se ajustar… Só você, você, você… Mas Jesus – O Senhor – ordena estar uma igreja local, juntar-se a igreja, participar da igreja, congregar ( em Corinto, Galácia, Éfeso, Colossos, Tessalônica, Laodicéia… Seu bairro, outro bairro…), ter uma liderança humana como ( Timóteo, Tiago, João, Silas, Barnabé… pastores, presbíteros…) – Esse é o problema, Cristo é o Senhor! A igreja lhe pertence, ele determina o que e o como da igreja… Ele é o Senhor em realidade ou teoria? Ele é apenas um colegar de debates? Ele é Senhor quando é conveniente, ou não? É o nosso Ego que controla os limites do Senhorio de Cristo.

      Eu posso falar com confiança, Deus não permita que alguém use o meu blog, os textos, os sermões postados em vídeo… como um substituto da ordem de Cristo, como um substituto para não obedecer a Cristo envolvendo-se na comunhão da igreja local de Cristo.

      (JOSEMAR BESSA)

    3. ray g3 Diz

      No contexto biblico ekklesia significa-Reuniões de pessoas.

    4. Rodrigo Diz

      Que animador ler vários relatos sobre alguma insatisfação do modelo de igreja. cabe algumas perguntas. qual modelo de igreja e nome Jesus estabeleceu? que tipo de evangelho Jesus ensinou? e qual era prática de Jesus e dos apóstolos. temos que investigar os evangelhos e as cartas. O verdadeiro evangelho nunca mudou continua mesmo a mais de 2 mil anos, foi o homem que entrou em uma confusão sem fim. compare o evangelho dito nos dias de hoje e o das escrituras. será que não tem algo errado? O Senhor abençoe a todos.

  14. Joane Fantin Diz

    Esse texto me ajudou ainda mais a sair de vez da igreja na qual eu era membra a 20 anos…hoje com 28 anos eu sei o que Deus separou para mim..,.. e qual o motivo de acordar todos os dias pela manhã…Agradeço a Deus por me dar a oportunidade de conhecer o verdadeiro evangelho…a verdadeira palavra que infelizmente hoje em dia as igrejas estão distorcendo, inventando modinhas…fazendo a cabeça das pessoas…isso é lamentável..mas também sabemos que isso tudo está acontecendo por cumprimento das escrituras…e nada além é para HONRA E GLORIA DE DEUS….

  15. Perdido... Diz

    Interessante ler os comentarios e ver que muita gente está passando pela mesma coisa. A minha briga na minha Igreja é que ela se tornou meio humanista, não prega a prosperidade mas perdeu uma base importante devido a uma liderança irresponsavel e um Pastor que saiu e fez um estrago tremendo. HOje eu não sei o que fazer, me sinto vivendo no meio de pessoas que pensam completamente diferente de mim, que não se importam com o que deveriam. Enquanto a maioria busca resposta das Igrejas atuais e modelos de empresas eu prefiro olhar para a reforma, olhar para o passado, para a Igreja primitiva…mas está dificil, é mais ou menos como se você pudesse pegar 8 acusações das 10 que o Paul Washer fez em sua pregação e enfiar na igreja que congrego, é assim que as coisas estão…
    enquanto isso caminho sem saber o que fazer, meio sem rumo… não consigo entender o que Deus quer no meio de tudo isso… cresci nessa igreja desde pequeno, tenho muitos amigos e irmãos que amo de verdade lá.. doi olhar para a maneira que eles estão levando as coisas, falar e as pessoas te ignorarem, meia duzia ouvem mas não mudam e ficam indiferentes…. falar que muita coisa do que ouvimos nos ultimos 10 anos estão erradas e as pessoas não entendem o pq…. desculpe o desabafo mas eu realmente tenho perdido as esperanças….

    1. Marcelo Lima Diz

      Irmão, há outros como você? ou apenas você foi esclarecido pelo SENHOR?

    2. Perdido... Diz

      Marcelo, existe um incomodo de mais pessoas quanto a Igreja, o problema é que elas não sabem aonde está o problema de verdade. Esses dias conversei com meus pais que também frequentam lá, e falei que o problema não era questão de estrategia para igreja crescer, o que deveriamos fazer ou não. A questão é que não estamos nos baseando em Biblia, ensinos fundamentais foram esquecidos com o tempo, ficamos com um Pastor que durante anos dizia o que era certo e errado, nunca tivemos a capacidade de questionar nada… quanto ele saiu por um pecado gravissimo no qual ele não quis saber de se reconciliar com a Igreja nos perdemos,  e percebemos que de certa forma tem algo errado. Como eu disse o problema é o que está errado, parece que só eu enxergo diferente de todos, todos se preocupam em buscar uma estrategia de crescimento para a Igreja, eu penso em orar e esquecer um pouco disso pois nos ultimos anos nos me disseram que a Igreja cresce com estrategia e não por causa do Espirito Santo e de Deus… sei lá a estrategia pode ter suas utilidades mas colocamos isso como prioridade. A Igreja insiste em olhar para Gurus do evangelho para ter o modelo de igreja ideal eu quero olhar para trás, para Igreja primitiva, para a Reforma….
      Esses são alguns dos exemplos, aos poucos tenho falado com algumas pessoas sobre tudo isso, elas entendem as vezes mas não tentam mudar… simplesmente parecem indiferentes… sei lá, pode ser que o errado seja eu tbm… não sei mais o que pensar..

    3. Marcelo Lima Diz

      Irmão Graça e paz do Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo!

      Embora seu nick se apresente como “Perdido” louvo a Deus, pois o que vc tem dito são palavras de quem foi “Achado” por Deus.

      As suas experiências são comuns a todos os que Deus tem chamado pelo Seu próprio poder e graça. E se Ele te chamou, Ele mesmo levará a diante o Seu propósito eterno e os homens não tem a menor idéia de como isto acontecerá! 

      Apenas permaneça na fé! Nunca negue o Evangelho mesmo que isso signifique lutar contra todo o sistema religioso que impera hoje. Não lute contra as pessoas, pois muitas não tem a revelação da verdade pelo Espírito!

      Mas lute sim contra os ensinamentos e tradições contrários às Escrituras.”sabendo que aqui me encontro para a defesa do evangelho”. [Filipenses 1:16]

      No que precisar, somos sua família na fé!Deus te abençoe e te faça progredir dia após dia na Fé!

      Marcelo Lima

    4. Roberto Diz

      Deixo aqui para ameditação de todos que foram sete cartas, para sete igrejas e não vi igreja perfeita.

      Apocalipse 3:4
      Mas também tens em Sardes algumas pessoas que não contaminaram suas vestes e comigo andarão de branco, porquanto são dignas disso.

    5. Pecador Justificado Diz

      Eu sou Moçambicano-Africano, estou na situacão de não Congregar tambem, na verdade não tem sido facil, varias criticas ja ouvi, varios nome tenho sido atribuido, mas, gracas ao Eterno Deus em Cristo Jesus nosso Senhor, ninguém me tira a conveccão de quão pecador eu sou, é a esperanca me concedida por Deus em Cristo Jesus pelo seu perfeito sacrifico, operado por Deus esmagando o seu Filho unico na altura para o louvor da gloria de sua graca, para me fazer um dos seus Filhos em Cristo. A minha Historia não é muito diferente da maioria dos amados de Deus em Cristo. Mas amados não temam, pois, Aqueles exatamente a quem Deus elegeu eatraiu a Sim mesmo através do Espírito Santo irão perseverar na fé.
      Nenhum dos que Deus escolheu serão perdidos; estão eternamente seguros
      (João 10:27-29, Romanos 8:29-30, Efésios 1:3-14).

  16. Ricardo Mitome Diz

    Por incrível que pareça esse é um dilema que ocorre até mesmo do outro lado do mundo no Japão, onde os evangelicos não passam de 3% da população. Glória a Deus por sua graça concedida em Cristo Jesus.

  17. Abel Diz

    Em todas as histórias sempre ha dois lados; no momento só estamos ouvindo o seu lado, mas com ceteza existe o outro lado da história, as vezes o pouco conhecimento da palavra de Deus do reclamante, que muitas vezes são conveniente, e nós que passamos julgar a outra parte conhecendo apenas um lado, nos tornamos levianos, quando na verdade as reclamações são simplesmente por não concordar com determinados ensinos simplesmente, por não lhenos ser conviniente, ou por não estar  na posição do seu pastor, que não tem o direito segundo a palavra de Deus separar o joio do trigo, pois quem pode fazer tal coi sa e o Senhor, pois se fizer poderá arrancar também o trigo. Veja bem querido, coloque -se por um momento no lugar de seu pastor, observe se em toda essa situação o mesmo (pastor) não esta precisando de ajuda! Dizer que ele está pregando eresias, depende muito do que você aprendeu, e toda mudança sempre causa desconfortos. Tome muito cuidado em julgar as perssoas, pois as vezes essa mudanças de atitude seja por outros motivos que você não percebeu, ou por não ser de seu conhecimento.

    Por exemplo : alguem que aprendeu que os dons expirituas eram só para o tempo dos apóstolos não irão aceitar que o pastor passe a pregar que os mesmos também são para os nossos dias, alguem que aprendeu que salvo uma vez salvo para sempre (pré-destinação), também não ira aceitar que é possivel alguem perder a salvação depois de ter aceitado a Cristo, e este sairá dizendo que o pastor esta pregando eresias, portanto meu querido, examine o seu conhecimentos segundo a bíblia e pergunte ao seu pastor porque toda essas mudanças, se o mesmo não tiver respaldo bíblico então daí é que voce deverá pensar se deve sair desta igreja. Seja prudente, caiuteloso para não vir  sofrer outros constrangimentos, e decepções.

    Tecer comentários sobre qualquer assunto sem conhecimento de causa é muito perigoso, pois poderemols comprometermos valores eternos. Não sejamos levianos.  
     

    1. João E Dayse Almeida Diz

      Bom o que foi passado, é que a liderança não está mais centrada na Cruz de Cristo, eu não sei o que se poderia ouvir do outro lado para justificar esta apostasia do evangelho. Por um outro lado de fato é Heresia a doutrina da perda de salvação, tanto agora como por toda a história da igreja.

      Não sei se o senhor, Pr Abel está querendo defender a “categoria” (pois eu sou pastor tbm), mas o que vi foi apenas um pedido de socorro, pois uma verdade é clara:

      “As minhas ovelhas ouvem a minha voz, eu as conheço, e elas me seguem.” João 10:26

      Certamente esta ovelha não tem mais ouvido o seu Bom Pastor e por isso está pedindo orientação.

      Problema doutrinário por parte do aconselhado, pensão não ser a questão:

      “No entanto, Deus (tenho minha fé nisso
      também) começou a despertar algumas pessoas –  minoria é verdade – PARA O
      RETORNO AO VERDADEIRO EVANGELHO E A CENTRALIDADE DA PALAVRA DE DEUS POR MEIO DE
      PREGAÇÃO EXPOSITIVA E CÂNTICOS TEOLÓGICOS COM COERÊNCIA BÍBLICA. DEUS COMEÇOU A
      NOS DISCIPLINAR E NOS DIRECIONAR PARA AS DOUTRINAS DA GRAÇA, PARA A PREGAÇÃO
      ACERCA DA DEPRAVAÇÃO HUMANA E TAMBÉM PARA A DOUTRINA DA ELEIÇÃO..” Que de fato possamos seguir o exemplo de Paulo:”Porque decidi nada saber entre vós, senão a Jesus Cristo, e este crucificado.” I Co 2:2Paz

  18. Valdir Damada Diz

    Paz!
    Muitos homens de Deus que começaram suas carreiras espirituais fiéis à palavra de Deus, num certo momento, desviaram-se da san doutrina, vislumbrando o poder que a igreja enquanto que instituição lhes concede, muitos se valem da sua posição na liderança e empregam a família na igreja entre outras coisas, com isso Deus deixa de se manifestar e entra o mundanismo, mas parece que isso tudo é característico da época em que estamos vivendo, mas creio que o mais importante é não nos conformarmos a eles e nos reabastecermos diariamente com palavra, Deus não vai perder para o diabo, e vai orientar a sua igreja verdadeira (que não está vinculada a nenhum cnpj) em que direção caminhar, só temos que descansar nas promessas de Deus. Jesus é o Senhor da igreja e lembremos do que Ele disse em Mt. 28:20 ” Eis que estou convosco todos os dias, 
    até a consumação dos séculos” 

    Valdir Damada
    29/03/2012

  19. Marcelo Lima Diz

    Irmão Abel e demais irmãos, a Graça e a Paz!
    Tenho visto que a grande questão é um afastamento das Escrituras. Não se pode negar que há sim, conforme o próprio ensino das Escrituras, aqueles que foram designados pelo Senhor “para serem apóstolos, outros para profetas, outros para evangelistas, e outros para pastores e mestres,com o fim de preparar os santos para a obra do ministério, para que o corpo de Cristo seja edificado” [Efésios 4:11-12].Portanto existem de fato pessoas chamadas no Deus que tem sustentado o ensinamento das Escrituras e das verdades fundamentais do Evangelho, mas também há aqueles que não foram chamados pelo Senhor, e temo que estejam em grande número, que a si mesmos se intitularam como chamados sem terem contudo a vocação celestial vinda de Deus para o exercício do ministério. “Pelos frutos os conhecereis”, nos ensinou o Mestre.Outro dia fiquei muito entristecido com um desses “líderes” pois do púlpito falava com grande veemência acerca dos dízimos e ofertas, e várias vezes chamava de ladrões os que estavam negligentes, lendo o texto de Malaquias 3.Ora irmãos, o grande problema que o Senhor Jesus tantas vezes enfatizou foi exatamente a leitura das Escrituras de forma legalista. Não lestes???… dizia Ele. Perguntar isso a um perito da Lei parecia zombaria, mas o Mestre estava dizendo: Vocês lêem tanto mas não compreendem!Não lestes??  Não lestes?? Não lestes?? (Marcos 12:10, Mateus 22:31, Mateus 21:16, Marcos 2:25, Mateus 12:5, Mateus 12:3, Mateus 21:42, Marcos 12:26, Mateus 19:4, Lucas 6:3)”O Senhor diz:  ‘Esse povo se aproxima de mim com a boca e me honra com os lábios, mas o seu coração está longe de mim. A adoração que me prestam só é feita de regras ensinadas por homens.’ “[Isaías 29:13, Marcos 7:6]Jesus disse que a lei e os profetas dependiam de 2 mandamentos:  “Ame o Senhor, o seu Deus de todo o seu coração, de toda a sua alma e de todo o seu entendimento” e “Ame o seu próximo como a si mesmo”. [Mateus 22:35-40].Partindo deste princípio, a qual dos mandamentos acima os dízimos e ofertas estão ligados??
    Se observarmos o texto de Deuteronômio 14:22-29, onde o Senhor ordena o dízimo e não somente o texto de Malaquias 3, veremos que o princípio dele é o amor ao próximo, e visava à comunhão do povo de Israel, os quais  deveriam “comer juntos” os dízimos (v. 26), incluindo no banquete os levitas, pois não possuíam herança (v. 29) e os estrangeiros, os órfãos e as viúvas (v. 29).É exatamente esta comunhão que o Senhor cobra de Israel em Malaquias 3, advertindo o povo que se não se arrependessem as janelas dos céus continuariam fechadas. (Deuteronômio 14:29, Malaquias 3:11).Essa mesma comunhão se mostrou na Igreja primitiva, conforme o relato de Atos 4.

    “Não havia, pois, entre eles necessitado algum; porque todos os que possuíam herdades ou casas, vendendo-as, traziam o preço do que fora vendido, e o depositavam aos pés dos apóstolos.E repartia-se a cada um, segundo a necessidade que cada um tinha. ” [Atos 4:34-35]

    Quando vi aquele “líder” exigindo do povo, perguntei a mim mesmo: “Porque alguém exige do povo usando textos das Escrituras e contra as Escrituras aplica tudo o que recebe deles?”.

    Porque se ele chamava de ladrões aos que não contribuíam segundo as Escrituras, então de que chamaremos aqueles desviam do propósito dos dízimos e ofertas aplicando o que recebem para tantos propósitos, menos para aquele para o qual o Senhor o instituiu, que é a comunhão entre os irmãos e o suprimento aos necessitados? 
    Isto foi apenas um exemplo irmãos, mas como bem falado pelos demais irmãos, a deturpação das Escrituras alcança doutrinas e ensinamentos muito mais profundos que este.
    Aos pastores, mestres, profetas que apesar de toda a corrupção ainda amam o Reino de Deus mais que sua denominação, que amam a Cristo mais que suas tradições e que tem zelado pelo Evangelho mesmo sob a perseguição de seus “colegas” ou líderes, deixo-vos o exemplo do nosso amado irmão Paulo:

    “Acaso busco eu agora a aprovação dos homens ou a de Deus? Ou estou tentando agradar a homens? Se eu ainda estivesse procurando agradar a homens, não seria servo de Cristo.” [Gálatas 1:10]
    Adoremos ao Pai em espírito e verdade [João 4:23], pois são estes que Ele procura para seus adoradores.A Graça e Paz do Senhor Jesus Cristo seja com vocês!

  20. Pedro Araujo Diz

    Passo por uma situação praticamente igual. Eu tentei procurar o pastor presidente numa boa há quase 6 meses, mas ele sempre desconversava, diziam que era coisa da minha cabeça, até o momento que não pude suportar as heresias e blasfêmias que começaram a ser pregadas explicitamente, tentei mas um acordo amigável, mas acabamos entrando em conflitos ferrenhos, até que trocamos acusações. Eu estou sem congregar, e a cada comentário ou encontro a reaproximação fica mais difícil, principalmente porque o pastor disse que não volta atrás no dispensacionalismo e arminianismo semi-pelagiano.

    1. Vinícius Musselman Pimentel Diz

      Pedro,

      Talvez em sua situação seja melhor procurar uma outra igreja. Ore a respeito.

      Paz

    2. Marcelo Lima Diz

      Irmão Pedro Graça e Paz!

      De acordo com minha experiência no Senhor e em conformidade com as Escrituras  posso te dizer que não é saudável estar sem congregar:”Não deixemos de reunir-nos como igreja, segundo o costume de alguns, mas encorajemo-nos uns aos outros, ainda mais quando vocês vêem que se aproxima o Dia. [Hebreus 10:25]O problema é que a cultura, a tradição, e não as Escrituras, ensinam que congregação é um lugar, uma denominação. Congregar biblicamente falando é reunir-se com outros irmãos na fé para edificá-los com os dons que vc recebeu do Senhor e para ser edificado por eles no que se refere aos dons deles. Jesus disse:

      “Onde dois ou três estiverem reunidos em meu nome, eu estarei no meio deles”. [Mt 18:20]. Isto é uma realidade e não apenas um texto de enfeite nas Escrituras.A igreja primitiva congregava assim. Não davam valor a templos e denominações como a nossa cultura impõe. Eles sabiam que podiam ter comunhão com cada santo que o Senhor havia salvo mediante Cristo, por meio do Evangelho.

      Atos
      2:2 – De repente veio do céu um som, como de um vento muito forte, e
      encheu toda a casa na qual estavam
      assentados.

      Atos
      12:12 – Percebendo isso, ele se dirigiu à casa
      de Maria, mãe de João, também chamado Marcos, onde muita gente se
      havia reunido e estava orando.

      Atos
      16:40 – Depois de saírem da prisão, Paulo e Silas foram à casa
      de Lídia, onde se encontraram com os irmãos e os encorajaram.
      E então partiram.

      Atos 20:20 –
      Vocês sabem que não deixei de pregar-lhes nada que fosse
      proveitoso, mas ensinei-lhes tudo publicamente e de
      casa em casa.

      Romanos 16:3
      – Saúdem Priscila e Áqüila, meus colaboradores em Cristo Jesus.

      Romanos 16:5
      – Saúdem também a igreja que se
      reúne na casa deles. Saúdem meu amado irmão Epêneto, que
      foi o primeiro convertido a Cristo na província da Ásia.

      1
      Coríntios 16:19 – As igrejas da província da Ásia enviam-lhes
      saudações. Áqüila e Priscila os saúdam afetuosamente no Senhor,
      e também a igreja que se reúne na
      casa deles.

      Colossenses
      4:15 – Saúdem os irmãos de Laodicéia, bem como Ninfa
      e a igreja que se reúne em sua casa.

      Filemon 1:2 –
      à irmã Áfia, a Arquipo, nosso companheiro de lutas, e
      à igreja que se reúne com você em sua casa.Portanto, te aconselho a não deixar de congregar para que não te ocorra de desfalecer na fé (Penso que o Senhor te sustentará quanto a isto). Mas também te aconselho a buscar o significado bíblico de congregar, pois isto me ajudou bastante.Hoje o Senhor me permite reunir-me com diversos irmãos esclarecidos nas Escrituras, e oramos juntos e estudamos as Escrituras, e Adoramos ao Senhor, e Pregamos o Evangelho e também compartilhamos as refeições (partindo o pão). Nas reuniões acontece exatamente como a Escritura diz: “Que fazer, pois, irmãos? Quando vos reunis, um tem salmo, outro, doutrina, este traz revelação, aquele, outra língua, e ainda outro, interpretação. Seja tudo feito para edificação.” [1 corintios 14:26]Experimente voltar ao princípio: “Lembra-te, pois, de onde caíste, arrepende-te e volta à prática das primeiras obras” [Apocalipse 2:5]Deus te abençoe meu irmão!Graça e Paz de Jesus Cristo!

    3. Sandra Maria de Jesus Pereira Diz

      Meu nome é irmã Maria, estou passando quase que pela mesma situação.Primeiro fui membra dessas “igrejas” que só visam prosperidade e cura. Ou seja o céu deles aqui mesmo A salvação fica em segundo plano. Agora estou em uma igreja em que a palavra não têm saciado as minhas necessidades expirituais pois a mesma visa mais a amizade dos irmãos nas casas com churrascos etc…Isto têm me incomodado muito pois fui para esta igreja por discordar da minha última denominação por não ter nenhum ensinamento. E na palavra de DEÚS está escrito que conhecereis a verdade e verdade vos libertará. Estou com muito medo de Jesus voltar para mim e eu não estar preparada. E também em uma igreja assim não me sinto de a vontade para convidar ninguém a conhece-la pois eu mesma estou me esfriando e perigando naufragar. Obs. A minha igreja é dessas que guardam o sábado. Por favor me ajudem! Eu gostaria que os irmãos me dessem uma direção pelo Espirito Santo de Deus. As portas lá são bem largas cada um se veste como quer etc… Eu sei que nós temos o livre arbitrio mas mas se não formos direcionados cada um faz o que quer e acaba achando que está certo . Por favor estou me sentindo como Jonas quando estava naquele navio e o mar ficou revolto.Que DEÚS abêncoe a todos vocês.

    4. MArco Diz

      Devemos ir aonde nos sentimos bem, o que não podemos e deixar de servir a Deus e congregar em um ambiente sadio nos fortalece nessa missão. Hoje faço parte de uma igreja cujo o pastor oferece um culto racional e inteligente, que induz o membro a pensar e não aquela coisa maçante de ir escutar, engolir tudo que é dito sem ter um senso crítico do que é posto à mesa. O cara é um gênio, não só como pastor, mas em tudo, passou em vários concursos, trabalha no ministério público e nunca deixou que isso subisse a cabeça, na verdade ele nem fala sobre essas coisas só sabe quem é próximo, está se aposentando e disse que quando isso acontecer vai sair pra fazer a obra por aí. Seus testemunhos são edificantes, suas ministrações e sermões são inteligentes, nada pensando em lotar igrejas, ele costuma dizer que a igreja tem que ser baseada na liberdade e que nenhum pastor é dono de membro, que Jesus libertou e a igreja hoje quer aprisionar para ficarem lotadas, que o mesmo Deus que está em uma igreja estará em qualquer lugar, se a pessoa não está se sentido bem ou a vontade não precisa orar para sair de uma igreja para outra, se ela estiver com Deus aqui Ele vai acompanha-la aonde for. A bíblia diz que não tem como fugir da presença de Deus, não existe local onde Deus não tenha acesso.
      Lá ele não tolera essa bagunça que acontece hoje por aí, não dá mole pra lobo em pele de cordeiro. Lembro-me de uma vez que um rapaz todo sujo e descalço passou na porta da igreja no final do culto e pediu dinheiro para ele, ele olhou para o rapaz e disse: sr. dinheiro eu não vou dar, mas se o sr. vier aqui amanha eu compro uma cesta básico e sempre que precisar poderá vir buscar, ele disse que viria, e nunca mais apareceu. Ele fez um sermão em cima disso, e falou sobre ajudar quem realmente quer ser ajudado, que ser cristão não é ser bobo, mas ser mais esperto que o mundo. Afinal a bíblia alerta que as trevas são mais prudentes que a luz.
      Antes dessa igreja que estou hoje, eu era de uma em que a pastora dava em cima dos músicos (eu sou um deles), e essa pastora é casada com meu “sogro”, ou seja ela dava em cima de mim (genro) que sou noivo da filha dela. Essa mulher fez um inferno na minha vida quase me separou da minha noiva, depois que sai ela começou se jogar para outro rapaz que tocava baixo. Ele também tinha uma namorada, saiu de lá. Resumindo a ópera: se você não se sente bem com atitudes erradas, não está em paz, as pessoas não vivem a verdadeira paz e o amor ao próximo, caia fora e tente novamente em outro ambiente, hoje as igrejas estão lotadas de pessoas sem caráter, invejosos, avarentos, adúlteros, pedófilos e de toda raça do inferno, mas sempre existirá os remanescentes. Aqueles lideres que não se deixaram corromper pelo sistema “goxpel” atual, esses é que devemos procurar e não os pastores do “dente de ouro”. E devemos sempre nos lembrar que a igreja verdadeira somos nós. Ande com pessoas do bem, procurem quem fala a verdade e tem bons costumes e moral ilibada. Quando alguém falar que é da igreja fique com os dois olhos abertos e se possível crie mais dois, as conhecidas pessoas “das igrejas” em sua esmagadora maioria não são verdadeiros cristãos, são os falsos religiosos e são as que mais devemos tomar cuidado, tomam coisas emprestadas e não devolvem, não pagam suas dividas em dia, gastam mais do do que ganham, e no fim das contas só estão atrás do que Deus pode dar e não do Deus vivo. SER DE UMA IGREJA NÃO É SINÔNIMO DE TER BOM CARÁTER!!! MAS NÃO DESISTAM ASSIM COMO EU ACHEI UM LUGAR LEGAL E SADIO VCS TAMBÉM VÃO! SERVIR A DEUS NÃO É ESSA TORMENTA QUE O POVO DIZ QUE TEMOS QUE ATURAR ISSO E AQUILO SEM NOS MOVER, ORA, NÃO SOMOS ÁRVORES, SERVIR A DEUS TEM QUE SER PRAZEROSO. TEMOS NOSSAS DIFERENÇAS E ALGUNS CONFLITOS, AFINAL, SOMOS SERES HUMANOS. MAS NADA QUE NOS SEPARE DO AMOR DE CRISTO!

  21. Sônia Luiza Diz

    Aconteceu comigo e minha familia só que fomos expulsos por não concordarmos com a doutrina da Igreja, no nosso caso, era por causa de heresias e distorções bíblicas de textos tirados de seu contexto. Minha mãe foi duramente criticada julgada e sentenciada a se retirar do corpo de membros  da igreja por não aceitar as heresias impostas. Disseram que minha mãe estava criando novas doutrinas e querendo erguer uma nova denominação. Tivemos que sair com toda a familia e Deus tomou nossos caminhos. Hoje congregamos numa Igreja pequenina e sentimos muita alegria.
    Se puder lutar Deus sempre estará ao lado daqueles que batalham em defesa do Evangelho, então lute e batalha sim, porém no nosso caso fomos expulsos e ameaçados de até sofrer danos físicos e morais se ao menos passássemos de frente a uma congregação de onde éramos membros.
    Deus seja contigo.

  22. Sonia Arantes Diz

    Pq estou manifetando palavras aqui, qual o real motivo? JESUS CRISTO, em crer q vc é meu irmão e q vivenciamos as msm aflições da carne neste mundo de trevas, mas q podemos ter os olhos abertos e entendimento para viver uma vida na plenitude do Espírito Santo, nas regiões espirituais com Jesus Crissto, no amor do Pai, buscando sempre agradá-lo.
    Não estou presa a igrejas mas unida a verdadeira igreja, corpo de Cristo, q está por toda a terra, neste gde campo,  buscando em td tempo, ser igreja, parte do corpo de Cristo, como filha de Deus, no real combate q me foi proposto, para vencer na carreira q me foi proposta e receber a vida eterna com Deus.
     Medite em Efésios 2:18, 3:1 a 13. Hoje nós cristãos, na maioria da vezes, agimos como os judeus que se convertiam a Jesus Cristo, que gastavam tempo reivindicando a sua superioridade pelo seu relacionamento com Deus, apoiando-se no q o AT dizia. Na verdade nosso relacionamento com Deus se fundamenta na nossa confiança com Cristo e não na nossa história pessoal ou posição na sociedade, pelas circunstâncias da vida, mas em vivero pela fé e não por vista, sob a graça q o poder do Espírito Santo nos proporciona.

    Gálatas 6:15 “Pq em Cristo Jesus nem a circuncisão, nem a incircuncisão tem virtude alguma, mas sim o ser uma nova criatura.” II Coríntios 5:17 “Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passara; eis q td se fez novo.”  Em Gal Paulo adverte para a igreja do Sr q nem a circuncisão, nem a incircucisão tem vlr algum, ou seja, estava uma disputa entre os irmãos, pois mtos queriam andar na antiga aliança, carregando consigo ainda as tradições judaícas. Mas em Cristo, é diferente, o q importa é ser uma nova criatura. Será q nascemos de novo? Somos nova criatura? Sepultamos realmente o velho homem? João 3: 3 a 15 (princípio básico – arrependimento)
     Temos q abrir o coração para Deus habitar nele, através do poder do Espírito Santo, com a mente cativa a Jesus Cristo, para q possamos ter pensamentos altos, produzindo frutos de arrependimento, na manifestação no viver diário, de uma vida transformada. Se fosse possível, Ele nos tiraria do mundo. Viver neste mundo em Cristo, é segundo o conselho de Sua vontade ,  para sermos o louvor de Sua glória. Efésios 1: 1 a 23

    ACREDITO Q FOMOS LIVRES  DO PECADO, DAS DORES E ENFERMIDADES PELO SACRIFÍCIO DE JESUS CRISTO NA CRUZ, RECEBEMOS O PODER DO ESPÍRITO SANTO, QUE TRABALHA CONSTANTEMENTE EM NÓS, PELA TRANSFORMAÇÃO QUE NOS CAPACITA A IR DE ENCONTRO COM O PAI. O MUNDO É A GDE SEARA, O CAMPO ONDE DEUS ESTÁ REUNINDO SUA IGREJA, CORPO DE JESUS CRISTO.
    O Q IMPORTA É CRER NA VERDADE DO EVANGELHO DE JESUS CRISTO.

    Na sintonia do Pai, com certeza é o q estamos vivenciando, veja q Atos 28:17 Paulo convoca os principais dentre os judeus, os quais os chama de varões irmãos, alegando nada ter feito contra os costumes dos antepassados. No vers 19 cita seus opositores, os judeus, msm alegando não ter nenhuma acusação conra o seu próprio povo (judeus). No vers 20, fala de sua prisão por correntes de ferro, por causa da esperança de Israel, Daquele (Jesus) que o povo ainda esperava.
    Veja a alienação destes judeus, dizendo nada ter recebido ou ouvido acerca de Paulo, a tal da “referência humana”, nada revelado pelo Espírito de Deus.

    No vers 22, por curiosidade resolvem ouvir Paulo, mas já afirmando q ouviam em tds os lugares falarem contra a seita a qual afirmaram pertencer Paulo.

    A resistência à Palavra da Salvação de Deus é real e forte. Mas Paulo, msm preso, vers 31, pregou o reino de Deus e ensinou o que era concernente ao Sr Jesus, com TODA LIBERDADE, SEM IMPEDIMENTO ALGUM. Creio que por isso, neste tempo ainda, o Senhor nos permitiu estar em Sua comunhão, qdo aceitamos a Cristo, pelo poder do Espírito Santo, vers 30, no Seu grandioso propósito.
    Mesmo em prisão domiciliar, Paulo experimentou a paz e o contentamento que somente vem de obedecer a vontade de Deus. Paulo levou a mensagem de salvação a pessoas necessitadas, sem se importar com as circunstâncias pelas quais ele atravessava. Isto que é importante, nossa vida é um exemplo para cadda um de nós, que demonstra a importância e os benefícios de perseverar no nosso relacionamento com Deus e  de compartilhar a nossa fé.

    A medida que nos aprofundamos nas águas profundas do Espírito Santo, conhecemos mais a Deus, aprendemos a confiar no Seu amor e poder, com bom ânimo e coragem para compartilhar com outras pessoas esse poder para recuperação. PODEMOS VIVER CADA NOVO DIA COM SERENIDADE E CORAGEM, como nosso amado irmão Paulo, no local, tempo e limites previamente estabelecidos pelo Nosso Pai. Atos 17:26

    FÉ MAIS FÉ, AMOR MAIS AMOR, isto temos recebido de Jesus, em mta paciência, até q tds cheguem ao pleno entendimento. O discernimento espiritual, somente pelo amor de Deus, pois o homem carnal julga, e vive planos seus, indeciso e amedrontado pelas circunstâncias em q vive, sem viver sua verdadeira história escrita por Deus, no viver diário, como igreja, esteja onde estiver neste mundo, refletindo a glória de Deus, . Salmo 139:16 – Mateus 18:20

    A QUESTÃO É E SEMPRE SERÁ, SEJA IGREJA, INTEGRE O CORPO DE CRISTO, esteja onde etiver, no amor a Deus sobre tds as coisas e ao próximo como Cristo nos amou. 

    Abçs fraternos,

    1. Batista Diz

      Estou passando por algo parecido. Sei que Deus me chamou para levar o Evangelho do Reino à todas as pessoas.Agora quando algum líder ensina algo que não está na Bíblia, eu pergunto onde mesmo está escrito na Santa Escritura tais afirmações então eles se enfurecem. Acredito que devemos ser como os Bereianos do capítulo 17 de Atos e conferir se o ensino é realmente bíblico. Me ajudem em oração por favor. Quando ensinamos a verdade somos considerados como rebeldes.

  23. Ev Crtani Diz

    Irmão, 
    isso tudo é religião resquício do romanismo, de Constantino as vezes parece que o homem precisa  sentir que está lutando contra algo, ainda que seja contra moinhos de vento.Neopentecostalismo, predeterminismo  fatalista, calvinismo, luteranismo, evangelicalismo, catolicismo, paganismo, tudo me parece a mesma coisa às vezes; religião embrulhada numa embalagem diferente, e o pior é que eu faço parte disso, acho que se o irmão não tem coragem de ser como João Batista e confrontar o pecado da liderança face a face é melhor sair, e deixar  que os eleitos ouçam por si mesmos a voz do bom pastor e o sigam.
    Vá atrás dos perdidos, deixa que os mortos enterrem seus mortos, prega o Reino, por q o resto é “moinho de vento”  (Cervantes, lembra?)

  24. Frederico Fiuza Diz

    Passo por situação idêntica, só difere o desvio doutrinário!
    Sou membro da Igreja Cristã Maranata, ela está sob investigação de desvio milhionário de dízimo pelos os líderes (http://g1.globo.com/espirito-santo/noticia/2012/03/mp-es-abre-inquerito-para-investigar-desvio-de-dizimo-na-igreja-maranata.html).
    O desvio de dízimo é o menor dos problemas, por mais grave que seja, nada supera o desvio doutrinário da mesma (http://www.cacp.org.br/movimentos/artigo.aspx?lng=PT-BR&article=2418&menu=12&submenu=7). O desvio é tanto que, implícitamente, nos é passado que somos a Obra do Espírito Santo, e que as outras denominações são apenas “religiões” e que não há salvação fora da “Obra”.
    Eu era um dos defensores da igreja, atacava outras denominações, zombava dos irmãos e das doutrinas deles, sempre me considerando “superior espiritualmente” por conhecer a “revelação na palavra”, até que a Palavra verdadeira penetrou em meu ser e toda a minha hipocrisia, zombaria a altivez foram derrubadas ante a cruz de Jesus. Comecei a estudar a Bíblia e a Graça me seduziu de forma tal que não tive outra opção a não ser reconhecer minha decadência e me render totalmente a Cristo me sentindo totalmente incapaz de obter a salvação por meus meios.
    Isso tudo era contrário ao que havia aprendido de alguns (não de todos, tem muitos homens de Deus nessa igreja), eu havia aprendido que deveria cumprir uma série de “revelações” atribuídas ao Espírito Santo, se não, não estaria na “obra” e consequentemente não seria salvo. Essas revelações iam desde dias na semana para ir para igreja orar as 6 AM, “Jejuns” todos os domingos, participar de um grupo de assistência dentre diversas outras. Isso me deixava sempre triste, pois por vezes furava em uma ou outra “revelação” e me sentia como se houvesse perdido da salvação.
    Como se não bastasse isso, cansei de ouvir do nosso líder e aseclas, diversas maldições sobre aqueles que pensavam contrário, ou que deixavam de frequentar a igreja. Pessoas que permaneciam em Cristo mas que foram para outras denominações eram vistas como caídos, e toda sorte de ameaça e maldição eram lançadas sobre esses. Os membros eram deliberadamente desencorajados a manter qualquer contato com esses, principalmente com aqueles que caíram de fato e precisavam de assistência. Sempre havia e ainda há um pastor ou outro que desobedece e vai em busca da ovelha, mas recebe muitas “pedradas” por conta disso.
    De uns anos para cá, meus olhos vem sendo abertos, e cada vez mais vou me sentido mal com tanto desvio doutrinário. Nesse ponto vocês estão se perguntando , porque não se manifestar com a liderança e expor a situação? Todo questionamento doutrinário é fortemente desencorajado, e se alguém ousar a levantar ao menos uma pergunta que sugira algo contrário ao ensinado é veementemente tolido, achincalhado e “marcado” como rebelde para o resto dos dias na igreja.
    Porém mediante a tudo eu resolvi falar, errei, errei em ter sido hipócrita por anos, e errei quando me dei conta disso e quis partir para o embate. Numa das mensagens que preguei,  sugeri que as tais revelãções que cumpríamos não nos dava o direito de ir para o céu, apenas a Graça, e não fui “perdoado” por isso, tive minhas funções removidas pois havia um sinal supostamente do Espírito Santo informando que quando eu preguei as pesssoas saiam da igreja pois tinha falado algo errado.
    Não tive como lutar contra isso, não tive defesa, fui chamado, repreendido e colocado de lado. Após alguns meses resolvi chamar um Pr acima do Pr que me disciplinou, expliquei a situação, o que falei, disse que não voltaria atrás, ele concordou comigo e “voltou tudo ao que era antes”.
    Após o ocorrido, perdi todo a vontade de ir aos cultos, as mensagens raríssimas vezes eram bíblicas, por vezes examinava tudo e não havia nada para reter de bom, os que seguiam a Palavra, e pregavam mensangens boas, bíblicas sem alegorias forçadas, estão sendo boicotados para pregar e isso tudo me desistimulou a voltar. Pra pior, na internet, fiz um comentário sobre o roubo de dízimo, e deixei claro que quem robou está errado, seja quem for, e que a imprensa não está perseguindo a Obra do Espírito Santo, que os irmãos do passados foram perseguidos por conta da verdade e não da mentira, e se tinha uma obra sendo perseguida, era a obra de Satanás(do engano e do roubo), e que essa precisa ser perseguida mesmo.
    Não sei como o Pr ficou sabendo e estou eu sem minha funções de novo. Não me preocupo com “status” de função, e apesar de tudo, gosto muito do Pr e o tenho como meu amigo, só sou veementemente contra algumas posturas adotadas por ele, inclusive essa censura ao meu comentário.
    Estou sem saber o que fazer, toda a minha família é de lá, estou sem ir e sem a menor a vontade de ir, todas as vezes que vou é um peso, um fardo. Da última vez orei para receber uma bênção no culto, e não ocorreu.
    Já cheguei ao ponto de orar a Deus para mudar minha personalidade crítica, que eu queria ser “tapado” novamente, afinal a “ignorância é uma dádiva” já diz o ditado, mas creio que não seja isso que Deus queira para mim.
    Peço desculpa por escrever tanto assim, mas preciso de ajuda, tenho lido a palavra, estudado obras de  reformadores, ouvindo mensagens de Ariovaldo Ramos, John Piper, Paul Washer, lendo livros, inclusive to lendo “Repintando a Igreja” de Rob Bell, examinando e retendo o bom, sou contra o universialismo que ele acredita, enfim, estou precisando de uma definição, e não sei o que fazer.

    Ps.: É bem provável que alguém leia esse comentário e mando para o meu Pr novamente e eu sofra mais uma vez uma reprimenda por expor minhas opiniões, mas já estou sem função, e preciso de ajuda, então uma reprimenda é um risco pequeno a se correr por uma grande ajuda que pode vir

    1. João E Dayse Almeida Diz

      Entrarei em contato contigo.

    2. Altair souza reis Diz

      espero que as coisas estejam no lugares certos na tua vida e no teu ministério pos pude sentir sinceridade nas tuas palavras o apastolo Paulo escreve 2 corintios cap12 ,v15assim Eu de boa vontade gastarei,e me deixarei gastar pelas vossas almas.Se mais abundantemente vos amo,serei menos amado?

  25. REFORMA JA Diz

    Eu congrego na bola de neve. Tem pouco tempo. 
    Aprendi a amar e respeitar esta igreja, pois me acolheram bem, lá meto a mão na obra. Graças a Deus não tem teologia da prosperidade, pois se tivesse, sairia na mesma hora! Mas tb vejo que quero ser um divisor de águas na minha igreja O que me deixa muito intrigada e mãos atadas, pq tudo que vc queira fazer para Deus, sugeri ministério, sugeri ações para que a igreja se envolva, TUDO É A VISÃO QUE DEUS DEU AO “APOSTOLO” RINA. Isso me incomoda profundamente!!! Outro dia, fui saber que somente os 4 primeiros livros do NT que podem ser pregados nos núcleos (onde pregamos na rua), isso me irritou.Mas pela graça de Deus, existem irmãos que olham além disso e falam o que Deus está mandando. E não o que a “DOUTRINA, VISÃO DA IGREJA QUE FOI DADA POR DEUS” para o Ap Rina.

    Mas como falei, creio que serei um dos filhos de Deus que serão divisores de águas! Lá pelo que eu saiba, NÃO SE TEM PROBLEMA SOBRE PREGAR A GRAÇA! Mas se tiver, não posso fazer nada!  Irei falar da graça!Pq não peço para sair! Fico lá ou me expulsam (pq sei que não fazem isso.Mas colocam de banco)

    Além que AINDA não posso pregar, pq não sou líder. Só quem prega é líder (não vejo a hora de me indicarem, pq aí… me segurem).

    Mas agradeço a Deus por estar me abençoando pela escolha QUE EU FIZ. Pq sei que lá farei de tudo para que ele seja mais honrado, mais glorificado!

  26. Carolina1346 Diz

    Ontem a noite fui dormir chorando pensando o que nós estamos fazendo com a igreja e o evangelho de Cristo. As pessoas vão dormir, enconstam a cabeça no travesseiro e não se perguntam: quantas pessoas eu slvei hoje? pra quantas pessoas eu falei do amor de Deus. Pelo contrario, o q tenho ouvido é de se apavorar. AH o irmão ñ quer ir mais na nossa igreja ñ?! q ótimo, menos um.   A coisa esta de mal a pior pq além disso os liderem q nos deveriam servir de exemplo parecem estar mais perdidos do q nós.

  27. Analia Diz

    Eu passei por situação semelhante alguns dias atrás.Amava muito minha igreja e meus irmãos ,mas comecei a enxergar coisas que não estavam de acordo com a palavra.Não posso escrever muito,não quero me expor nem expor meus irmãos,mas o fato é que comecei a esfriar,não achava certo sair,pensava que tinha que aguardar que o Senhor ia intervir e seguia orando…Mas a situação se arrastou e eu fiquei muito contaminada,já nem tinha vontade de ir aos cultos,um dia acordei e ví que eu ia cair logo logo e decidí que tinha que sair.Foi uma luta porque meu marido não queria,mas Deus  providenciou meios para que eu saísse numa boa,sem precisar expôr o real motivo.Enfim,cada caso é um caso,mas o que eu quero dizer com isso é:Examine a sí mesmo,para ver se o  problema não está em você,depois tente ver o que a liderança pensa sobre o que lhe incomoda numa boa e se ver que não vai haver mudança,saia!Eu estou em outra igreja da mesma denominação e estou feliz,sendo renovada.Além disso dia após dia percebo que estava com razão,mas isso não me impede de lamentar profundamente os rumos que a antiga igreja tomou,de ficar muito triste por tudo,pelo meus irmãos e tanta coisa mais …
    Graça e Paz!

  28. SUELYCARVALHO Diz

    TO EN PLANTOS,GLORIA A DEUS! EU TAVA EN UMA DENOMINAÇAO A 3 ANOS  E SENPRE ME FALTAVA ALGO UN DIA FUI A IGREJA PRESBITERIANA E  AQUELAS PALAVRAS ME ENCHERAO E ISSO Q EU QUERO SOMENTE EVANGELISAR CANSADA DE OUVIR DEUS VAI TE DAR ISSO SE TO FISER AQUILO SE TU NAO FISER VOÇE NAO VAE TER ,EU TAVA ME SENTINDO Q TAVA VAZIA AGORA O POR Q ,OBRIGADO SO CONFIRMOU O Q EU TAVA SENTINDO .

  29. Fábio Diz

    A igreja evangélica brasileira precisa se converter a Jesus. Parece piada né, mas é  apura realidade!

  30. ANDRÉ DE MORAES Diz

    FUI MEMBRO DA UNIVERSAL E TBM ME SENTIA ASSIM. ATÉ O MOMENTO EM Q EU OREI A DEUS PRA SABER SE A UNIVERSAL ERA DE DEUS OU NÃO. SE FOSSE OU NÃO Q ELE ME DESSE PROVAS, E ELE ME ABRIU OS OLHOS E ENTENDIMENTO E COMECEI A ENTENDER AS SAGRADAS ESCRITURAS COMO NUNCA E TIVE CERTEZA DE Q A UNIVERSAL NÃO É DE DEUS E SIM UMA SEITA COM INTUITO DE LUCRAR EM CIMA DO POVO.
    QNDO COMECEI A FALAR PARA OS MEMBROS DE LÁ A VERDADE FUI AMEAÇADO DE LINCHAMENTO POR BISPOS E PASTORES E EXPULSO!

  31. cassaino Diz

    Me encontro numa situação como essa, me sinto angustiado, pois eles me chamam pra ajuda-los justamente nas coisas que não alegram meu coração, e não sei como mostrar a eles o que realmente estão fazendo.

  32. Guest Diz

    sabe o q é pior em todos estes depoimentos ?é ver o descaso dos pastores em relaçao as ovelhas do SR…acho q nao poderá andar dois se nao houver concordancia ,como diz a palavra …lamentavel é q existe casos (como o meu) é vc está disposta a fazer a obra para o devido crescimento a qual DEUS se agrada e ser impedida pelo homen ..neste caso é melhor sair e fazer em outro lugar…

  33. ricardo Diz

    quando um irmão coloca uma pedra no caminho do outro irmão, e esse irmão acaba se desviando do caminho de Deus , oque acontece com , fofoqueiro ? ouvir dizer que se paga preço de sangue !!! alguém pode me responder?

  34. ricardo Diz

    quando um irmão coloca uma pedra no caminho do outro irmão, e esse irmão acaba se desviando do caminho de Deus , oque acontece com , fofoqueiro ? ouvir dizer que se paga preço de sangue !!! alguém pode me responder?

    1. Vinícius Musselman Pimentel Diz

      Todo pecado pode ser perdoado se houver arrependimento.

  35. Heldo Menezes Diz

    Importa obedecer a Deus do que aos homens, pregue as doutrinas da graça, esponha os erros teológicos, Deus te abençoe!

  36. CáBruno Pederiva Diz

    LI UM LIVRO QUE EXPLANA TUDO O QUE ACONTECE HOJE EM DIA NO MUNDO E NA IGREJA, NÃO SEI SOBRE A AUTENTICIDADE DO LIVRO MAS MUITAS COISAS BATEM.
    O NOME DO LIVRO É:
    Os Protocolos dos Sabios de Siao

  37. Vieira Diz

    Esses textos que não respondem diretamente a pergunta que faz o titulo, mal consigo prever seus movimentos.

  38. Daniel Leite Diz

    meu deus coisa linda aprendi muito com isso.

  39. James Santana Diz

    Maravilhoso,estou passando algo semelhante em nossa congregação e por incrível que Deus é eu estava pensando em fazer essa pergunta ontem,caiu como uma luva…muito obrigado….não parem amigos,precisamos uns dos outros…Que a paz seja convosco..

  40. Solange Paludo Diz

    Sabe hj pela manha me senti adversaria de deus pq critiquei minha igreja por causa de ações erradas de algumas pessoas da igreja ao meu filho, dai percebi o meu erro, senti dor em minha alma e afastei mais meu filho de deus, por minha culpa, senhor orei e esta mensagem a pareceu e sou grata por deus ter misericórdia de mim, obrigada

  41. Maria Jorge Bressanini Diz

    eu estava com muitas duvidas tudo o que foi dito foi direcionado a mim obrigada aprendi muito paz

  42. George Alexandre Gomes Diz

    Lamentavelmente, a Igreja instituição passa por um momento ruim, abraçou a fama, e busca se manter sob os aplausos da mídia, busca o reconhecimento do mundo, e se esqueça de gloriar-se na Cruz como disse o Apostolo Paulo, mas podemos louvar ao Senhor da Igreja pois a Igreja instituída por ele permanece lutando para ser fiel.

  43. Lucas Eduardo Diz

    Boa tarde irmãos!
    preciso da vossa ajuda!
    sou pastor auxiliar na igreja….. que mais cresce no brasil, já que é publico nao quero citar nomes.
    sou muito jovem nem cheguei aos 23 ainda, sou pastor auxiliar nesta igreja já a 4 anos.
    de um ano para cá venho ouvindo as pregaçoes do pr lucinho, pr Neil do Rio de janeiro.
    e vi que muita coisa estava errada….
    primeiramente dentro de mim…
    1 lutava contra a pornografia e nao conseguie vencer.
    2 inconstancia na oração
    3 no jejum.
    4 manifestação de um coração que aceitou a cristo e muitas outras coisas.
    vivia de aparecencia…
    porém neste um ano acompanhando essas pregações toda minha vida mudou.
    minha carne nao me domina mais, aprendi a ser disciplinado em relação a oração leitura biblia, aprendi a dar mais do que receber, agradecer mais do que pedir.
    creio que Deus pode me usar para mudar muitas coisas nesta igreja.. porém….
    ta cada vez mais dificil, quando mais bebo desta fonte mais me revolto contra oque vejo.
    e fico pensando : eles não vão aceitar este meu jeito.. com toda esta pouca idade tenho muita vontade de abondanar tudo e seguir no altar em outro ministerio mas antes começar tudo denovo como ovelha..
    mas ao mesmo tempo sinto que devo continuar e que Deus vai me usar para mudar muitas coisas e que muitas pessoas precisam de mim etc… mais isto tudo tem me deixado maluco, não sei que decisão tomar..
    eu prego uma coisa ai depois vem outro e prega outra totalmente diferente.. e por eu ser solteiro e o outro casado e mais velho as pessoas muitas das vezes não me ouvem..
    devo sair e seguir um novo rumo?
    ou permaneço aguento o tranco?
    seja como for O QUE ACHEI NINGUÉM ME TIRA MAIS.

  44. Taty Diz

    Vivi tudo isso q o irmão está passando,orei a Deus pedi direção hj estou congregando em outra igreja onde o alvo é a salvação,continuo orando pela outra congregação para q Deus possa abrir o entendimento deles.Hj vivo feliz com Cristo…

  45. Katia Leandro Diz

    tal qual essa pessoa eu tbm estou assim como um peixe fora d´água mas através desse disto pude renovar minhas forças e entender o propósito de Deus em minha vida

  46. servo indeciso Diz

    fiquei dez anos em um ministerio e sai e fui pra outro so que nao me sinto bem la cada vez que vou ao culto volto pesado sem vontade de trabalhar e cansado oque faço?

  47. jacuno de jesus Diz

    Estou muito confuso A minha igreja esta passando momentos de luta meu pastor não vejo amais de 4 meses na igreja e a minha pastora não fala a verdade do que esta acontecendo Estou orando para Deus fazer aparecer a verdade a igreja esta ficando vazia eu tenho muito amor e carinho por eles mas estou enfraquecendo na fe por causa desta situação

    1. Rogerio Diz

      Estou na mesma situação, o pastor e fundador da igreja, homem muito usado, mas que de alguns tempos pra cá estourou uma boma de coisas que ele andava fazendo, e muitos sairam da igreja, mais de 80% da igreja saiu se não for mais….as estruturas se abalaram, muitas pessoas machucadas, depressivas e desviadas, e tudo isso tem me deixado triste, e tem abalado minha fé logo num momento que precisava de mais ajuda espiritual porque estou pra casar com um serva de outra denominação e temos passados muitas lutas….preciso de oração orem por nos rogerio de souza e Gladyane pereira….Que a graça e a paz do senhor estejam com todos..

  48. Daisy Fernandes Diz

    E complicado ficar numa igreja onde os ensinos nao e o que eu acredito….parece que sou um estranho no ninho. Ate as conversas nao combinam. Me sinto perdida as vezes.

  49. CoF89 Diz

    Estou numa situação parecida…não sei o que fazer. Tenho orado e pedido muito a Deus.

  50. José Jocélio Diz

    É verdade, muitas igrejas estão esquecendo de qual foi a real missão de Deus aqui na terra, Jesus disse buscai primeiro o reino de Deus, e as demais coisas vos serão acrescentadas. Riquezas, bens materiais, isso não tem importância, o importante é ser salvo em Cristo Jesus.

  51. ANONIMO Diz

    Li a maioria dos depoimentos e conselhos; não costumo apoiar Lutero, pelo que ele fez depois, com seu ódio aos judeus; também não gostei de alguém citar Karl Max, precursor do comunismo, elevou o comunismo ao nível que conhecemos hoje (ditadores no poder perpetuamente); ateu confesso, odiava DEUS e sabia que sua alma estava destinada ao inferno.
    Uma coisa é certa, estamos vivendo dias maus e os irmãos que estão passando por isso, deveriam se alegrar porque DEUS Lhes permitiu acordarem, assim como foi comigo; também não peguei nenhum cargo na igreja, estou em fase de luta, interna e externa.
    oração e ajuda de outro irmão de fora que nem me conhece tem sido um consolo. (Este é o lado bom da internet)
    Estou só em minha igreja, não recebo apoio e ninguém quer tocar no assunto, me evitam de todas a formas.
    Alegrai-vos quando vos perseguirem e disserem todo mal a respeito de vós.
    Por amor a CRISTO, isso é louvável a DEUS; vale a pena sofrer por CRISTO, pela defesa do Evangelho.
    Irmãos, cada depoimento que li, foi um consolo saber que tantas pessoas não estão mais aceitando esse “evangelho mesclado”; foi um alívio saber que muitos acordaram, que estão deslocados; embora muitos tenham dúvida se ficam e lutam ou se saem; tenhamos em mente que é melhor obedecer a DEUS que a homens.
    A igreja sempre teve apostasia; numa passagem, Paulo fala que é até preferível ter heresia para que OS SINCEROS SE MANIFESTEM; ora, nós que já manifestamos, que viramos objeto de desafeto entre os irmãos, que temos fama de grosseiros sem tato, por defender a sã doutrina, realmente só nos resta dobrar mais os joelhos, buscar mais a DEUS em oração, confiar nEle, pois ELE mesmo disse que nunca nos abandonaria; confiemos nEle irmãos, pois a resposta virá, nem que tarda um pouco; no meu caso caso cansei de falar, esgotei os recursos e como Daisy disse, até as conversas não combinam mais.
    Não podemos andar juntos se não concordamos, fácil como a BÍBLIA nos ensina.
    Somos teimosos, ficamos tentando e tentando, buscando desculpas para um jugo desigual, porque amamos nossos irmãos mas, o primeiro mandamento é: AMAR A DEUS SOBRE TODAS AS COISAS.
    Voltemos ao Evangelho; vamos nos alegrar porque DEUS nos abriu os olhos.
    Estamos perdidos para o mundo mesmo, não para DEUS, ELE é o nosso consolo em meio as dores. LOUVADO SEJA NOSSO DEUS EM CRISTO JESUS!

  52. Guest Diz

    Era da Sara Nossa Terra, preciso nem comentar ( visão de um “homem de Deus” papa gospel do ministério, teologia da prosperidade, revisão de vidas, quebra de maldições, abuso de autoridade de lideres, atendimento quase confessional, pregações que parecem palestras motivacionais, domínio psicológico,assumem claramente preferir novos convertidos sem conhecimento da palavra e sem contar o “Se fizer isso é maldição”).
    Era um dos lideres e arregimentava 50 pessoas sempre achei muita coisa estranha, mas deixe-me cegar por ver a igreja cheia achando que pelo “fruto” era certo. Mas Deus me fortaleceu e permitiu minha cegueira momentânea para meu crescimento. Por ter espaço na igreja, sempre pregava sobre a graça, sobre a cruz, sobre o amor, sobre não barganhar com Deus, sobre a soberania de Deus. Fui perseguido e sempre oro pela igreja, em oração vi que não era mais o meu lugar.

  53. Paulo Cesar Diz

    AS VEZES LEIO A BIBLIA E ASSISTO FILMES EVANGELIO PARA KI EU POSSA INTENDER MELHOR AS VEZES MI PEGO EM COISAS SOBRE IGREJAS POIS PRA MIM DEVERIA SER TEMPLO ONDI SERIA NOSSOS CORAÇOES ONDI NOS LEVARIA EM LUGARES ABERTOS SIMPLES NAO FEITA DI PEDRA FEITOS POR GOVERNANTES ONDI SI TORNA UM MEIO DI RENDAS ONDI 90 % DAS RENDAS PROPOE SEUS PROPRIOS LUXOS…SEGUNDO O EVANGELIO QUANDO JESUS SI ENFURECEU COM O MERCADO K ESTAVA A CASA DE DEUS DISAFIANDO OS SACERDOTES K DERRUBASSEM O TEMPLO DI DEUS E KI ELE ERGUERIA EM 3 DIAS , FALAVA DE SI O (TEMPLO) E QUANTO O REI K QUANTO MAIS ERGUIA A TORRE DI BABEL DIZENDO O REI KI ERA PARA DEUS…MAIS APROVEITAVA DAS PESSOAS, ONDE DEUS SI ENFURECEU COM ISSO….INTAO RESUMINDO CORTE UM PEDAÇO DE MADEIRA EU ESTAREI LA , ERGA UMA PEDRA E ME ENCONTRARA…JESUS PREGAVA MUINTAS DAS VEZES EM ESPAÇO ABERTOS PRA MUINTAS GENTE SEM TECNOLOGIA DI AUDIOS E ETC , PESSOA SEGUIAN EM BUSCA DA FE´E PELA FE´ ONDI SEUS UNICOS CONFORTOS E SATISFATORIOS ERAM AS (PALAVRAS ) I NAO ACENTOS CONFORTAVEIS E AUDUIOS ELETRO PARA PARECER SER PRECISO TOCAR SEU CORAÇAO….BOM PRECISO DI AJUDA NESSE MEU MODO DI PENSAR DEUS OS ABENÇOE!

  54. Ev ROBERTO LUIZ DOS SANTOS Diz

    O Senhor disse aos discipulos que ele enviou,se nao quiserem dar ouvidos as vossas palavras sacode o po das sandalias e vao para outra aldeia, se tu quiser ficar corre o risco de ficar igual a eles,e tambem pode ser ferido por eles,rejeitados por eles, perseguidos por eles, tem um ditado quediz passaros da mesma plumagem voam juntos,voce nunca vai ver urubu voando com pombas,corvo voando com canarinhos,espirituais andam com espirituais,e liberal anda com liberal,porque os assuntos sao diferentes,amado,eu ja passei por isso esperava que JESUS me falace alguma coisa,ele nao falou sabe porque ele so nos revela algo que nos nao sabemos,se voce esta vendo a apostasia entrando dentro da sua igreja procure outra igreja que ande na doutrina e o senhor te abençoara,voce nao vai conseguir mudar,pode ate fazer a diferença,mas mudar nao,o povo de israel pecou tanto que chegou uma hora que o SENHOR se virou para os gentios. GLORIAS A DEUS. Paz do senhor

  55. Marcos Taloni Diz

    Minha opinião é que se vc está em um lugar que não estão pregando a Palavra de Deus e pelo mesmo tentando vivê-la, limpa a poeira dos seus pés e cai fora. Onde não tem a presença e a pregação da Palavra de Deus, este não é o lugar para se cultuar ao Senhor…

Comentários estão fechados.