Próximo Voltemos Aos Clássicos: Graça Abundante, de John Bunyan

Você conhece John Bunyan, o famoso autor de O Peregrino, um dos livros mais vendidos depois da Bíblia?

Dando continuidade ao nosso “clube de leitura virtual”, Voltemos aos Clássicos, iremos ler a biografia de conversão deste servo de Deus, registrada no livro “Graça Abundantes para os Principais dos Pecadores“.

Graça Abundantes para os Principais dos Pecadores

Graca_Abundante_det

Uma autobiografia de John Bunyan, um grande pregador puritano batista, nascido na Inglaterra em 1628, que foi preso por pregar a Palavra de Deus, não sendo ordenado um ministro pela Igreja da Inglaterra. Publicado originalmente em 1666, o livro revela a peregrinação espiritual de Bunyan, que ficou preso por 12 anos, e descreve seu longo e dramático processo de conversão, suas lutas espirituais, suas tentações, seu crescimento na fé e compreensão da Palavra de Deus, e seu chamado para o ministério da pregação. Graça Abundante ao Principal dos Pecadores é uma obra emocionante e inspiradora, que ajudará o leitor a considerar sua própria jornada rumo à pátria celeste, e o encorajará a permanecer firme e perseverante, mesmo diante das dúvidas e lutas que surgirem na peregrinação cristã.

Sobre o autor:

John Bunyan (1628-1688) foi um pregador puritano batista, de origem muito pobre, nascido no vilarejo de Elstow, na Inglaterra. Após sua dramática conversão, Bunyan dedicou-se à tarefa de pregar o evangelho. Por não ser um ministro ordenado pela Igreja da Inglaterra, ele foi sucessivamente encarcerado por causa de sua atividade de pregação, tendo passado um total de 12 anos na prisão. Ele era dotado de uma imaginação vívida e poderosa e uma mente profundamente criativa, era também um grande pregador e um conhecedor exímio das Escrituras – dizia-se sobre ele que, se fosse cortado, seu sangue jorraria versículos bíblicos. Bunyan era um escritor nato e incansável, tendo escrito cerca de 60 livros. Sua principal obra literária, “O Peregrino”, foi produzida durante o período em que esteve preso. Este livro tornou-se um dos mais impressos e publicados em todo o mundo acima de qualquer outro, exceto a Bíblia.

8 Comentários
  1. Celi Campos Diz

    Já li sobre o autor e tenho seu livro O peregrino, quem não conhece leia vão gostar.

  2. Joao Rafael Diz

    Terça que vem está longe… :[

  3. Albaneide Rodrigues Oliveira Diz

    Comprei o livro "O Peregrino ", li duas vezes e até então tenho emprestado para alunos irmãos e familiares.

  4. Eberton de Souza Diz

    muito bom, parabéns!

  5. Leonora Tvardei Tvardei Diz

    Também já li "o Peregrino", na época meu sobrinho deveria ter um ano e meio mais ou menos e eu lia pra ele, ele se apaixonou pelo "Pelegrino", assim que ele falava e foi o primeiro livro que leu, assim que aprendeu ler….Deus Abençõe.

  6. Deilson Sobrinho Marques Diz

    tenho o dvd o peregrino uma benção maravilhosa.

  7. luiz Diz

    quem dera, nos dias de hoje, houvessem homens pregando a palavra de DEUS como os puritanos…

Comentários estão fechados.