A simbologia da água do batismo na história da redenção

Eu penso que, quando as pessoas olham para o batismo, elas têm um entendimento superficial de por que Jesus ordenou que batizássemos os seus discípulos. A maioria das pessoas provavelmente associa a água à purificação, o que é uma conexão apropriada, dada a mensagem do profeta Ezequiel de que Deus iria aspergir água sobre o seu povo (Ezequiel 36.25). Purificação do pecado, contudo, é apenas um elemento no significado e importância do batismo.

Em vez de estar centrado no indivíduo, Deus usa a água em conexão com o contexto mais amplo da história da redenção. Ao longo de toda a Escritura, água e Espírito aparecem em contextos que desvelam o cenário da nova criação. O Espírito Santo pairava sobre a criação (Gênesis 1.2). Noé enviou uma pomba (a imagem do Novo Testamento para o Espírito) sobre as águas minguantes do dilúvio (Gênesis 8.8-12; Mateus 3.16). Quando Israel foi batizado no Mar Vermelho, Deus pôs o seu Espírito, o qual ele assemelhou a uma águia pairando, no meio de Israel (Êxodo 14.21-22; Deuteronômio 32.10-12; Isaías 63.11-14; 1Coríntios 10.1-4). Quando Jesus foi batizado, o Espírito desceu sobre ele na forma de uma pomba (Mateus 3.16). Deus utilizou água, juntamente com a obra do Espírito, para efetuar novas criações, seja a primeira criação, a terra recriada após o dilúvio, a criação de Israel como nação ou a pedra angular da nova criação por meio de Jesus, o último Adão (1Coríntios 15.45).

Deus estava enviando uma mensagem de que ele tornaria os novos céus e a nova terra, em última instância, uma obra do Deus trino por meio da obra do seu Filho pela água e pela obra do Espírito Santo. Essa promessa aparece, por exemplo, no profeta Joel: “E acontecerá, depois, que derramarei o meu Espírito sobre toda a carne” (2.28). Essa era a promessa que João tinha em mente ao afirmar às multidões no deserto: “Eu vos tenho batizado com água; ele, porém, vos batizará com o Espírito Santo” (Marcos 1.8). E essa é a promessa que Cristo cumpriu no Pentecostes.

[dt_call_to_action content_size=”normal” text_align=”left” background=”fancy” line=”true” style=”2″ animation=”right”]

Artigo Completo

Veja o restante do desenvolvimento do texto lendo o artigo completo:

Clique aqui para ler o artigo completo[/dt_call_to_action]

Por: J.V. Fesko. © 2014 Ligonier Ministries. Original: Baptizing Them.

Este artigo faz parte da edição de Abril de 2014 da revista Tabletalk.

Tradução: Vinícius Silva Pimentel.  © 2014 Ministério Fiel. Todos os direitos reservados. Website: MinisterioFiel.com.br. Original: O Significado do Batismo na Grande Comissão.

Veja mais artigos desta revista