um site cristão por Cristo e pelo Evangelho

5 erros que pastores cometem nas redes sociais

Não é justo, perdi meu emprego”, ouvi certa vez de um pastor.

“Os membros da minha igreja postam coisas muito piores do que eu nas redes sociais. É um peso, duas medidas.”

Sim, é um peso, duas medidas, mas é a realidade e com grande frequência mais pastores e líderes são tirados de seus ministérios por decorrência do comportamento em redes sociais como Facebook, Twitter e Blogs.

Aliás, as Igrejas nem sempre irão divulgar ao pastor o motivo de seu afastamento ou desligamento da congregação. Mas uma vez que estamos provocando os membros da Igreja através de publicações na internet, muitos irão ter motivos para desejar que os responsáveis pela polêmica online estejam longe.

Recentemente indiquei um pastor, que muito considero, a outra igreja. As pessoas que iriam avaliá-lo de fato ficaram entusiasmadas quando eu o recomendei. Fui contatado algumas semanas depois com o seguinte comentário: “Não podemos dar uma oportunidade a ele. Ele é muito desagradável e sarcástico nas redes sociais.”

Certamente este pastor não foi demitido. Porém nunca teve chance de ser considerado por outra igreja.

Então o que pastores têm postado em redes sociais que tem provocado a ira de seus membros? Tipicamente está relacionado com um ou mais dos cinco pontos abaixo:

Comentários agressivos e sarcásticos – Você conhece alguém que sempre parece estar debatendo nas redes sociais? É alguém que sempre tenta provar seu ponto de vista e ataca de forma pessoal a todos que discordarem dele. Existem alguns ex-pastores que se encaixam neste ponto.

Comentários Políticos – Se você fizer um comentário político na realidade em que vivemos você ofenderá alguém. As pessoas que você ofende podem ser as mesmas que irão te tirar da igreja.

Discutir com membros da Igreja – Eu fico incomodado quando vejo membros de igrejas publicando criticas contra o pastor ou outros líderes da igreja. Mas fico mais incomodado ainda quando o pastor resolve fazer o mesmo, expondo ambos em um fórum público de discussão.

Críticas a outras pessoas – Eu tenho um amigo que serviu como pastor em quatro igrejas. Ele tinha o prazer de criticar pastores famosos, celebridades, líderes cristãos, entre outros grupos nas redes sociais. Ele foi dispensado de sua última igreja sem ser informado do motivo. Eu acredito saber o motivo. Nos três anos seguintes ele não conseguiu nenhum lugar para pastorear.

Comentários Desagradáveis – Não há ganho algum em Um pastor ou líder de Igreja que faz comentários obscenos e desagradáveis nas redes sociais, mesmo que seja um comentário alusivo a algum filme ou outra pessoa. As consequências sempre serão negativas.

Este artigo não se trata de pastores perdendo sua voz profética. É sobre pastores e líderes perdendo seu ministério por não conseguirem controlar o que falam na internet.

“Se alguém supõe ser religioso, deixando de refrear a língua, antes, enganando o próprio coração, a sua religião é vã.” Tiago 1.26

“Ora, a língua é fogo; é mundo de iniqüidade; a língua está situada entre os membros de nosso corpo, e contamina o corpo inteiro, e não só põe em chamas toda a carreira da existência humana, como também é posta ela mesma em chamas pelo inferno.” Tiago 3.6

A mídia social não é o lugar para desabafar ou criar pequenas batalhas.

As consequências são consideravelmente grandes.

Por: Thom S. Rainer. © Thom Rainer. Traduzido com permissão. Fonte: FIVE REASONS WHY PASTORS ARE GETTING FIRED BECAUSE OF THEIR SOCIAL MEDIA POSTS

Original: 5 erros que pastores cometem nas redes sociais. © Ministério Fiel. Website: MinisterioFiel.com.br. Todos os direitos reservados. Tradução: Filipe Filgueiras Almeida. Revisão: Renata M Gandolfo.

3 Comentários
  1. Willians da Silva Borba Diz

    ótima reflexão

  2. Lenilson Diz

    Eu acho complicado essas coisas descritas neste artigo. Primeiro, os membros precisam primeiro conversar com a pessoa e não sair tirando do pastorado. Segundo, será que esses pastores, todos eles, faziam críticas sérias e foram demitidos? Não sabemos. O ponto é, precisamos evitar os extremos. Só criticas não ajuda, porém só elogios também não.

  3. […] E se você é Pastor – ou deseja ser – esse cuidado deve ser maior ainda. Vale a pena ler esse artigo que é mais enfático aos Pastores:  http://voltemosaoevangelho.com/blog/2017/04/5-erros-que-pastores-cometem-nas-redes-sociais/ […]

Comentários estão fechados.