um site cristão por Cristo e pelo Evangelho

David Platt – Porque “Aceite Jesus em Seu Coração” é Supersticioso e Anti-Bíblico

Estou convencido de que muitas pessoas em nossas igrejas estão simplesmente se esquecendo da vida de Cristo. Muito disso tem a ver com o que vendemos para eles como sendo o evangelho. “Faça esta oração, aceite a Jesus em seu coração, convide a Cristo para entrar em sua vida”. Não deveria nos preocupar que não existe tal oração supersticiosa no Novo Testamento? Não deveria nos preocupar que a Bíblia nunca usa as frases: “Aceite Jesus em seu coração” ou “Convide a Jesus para entrar em sua vida”? (David Platt)

Transcrição

Fazer discípulos é o transbordar natural, ou melhor, sobrenatural, de ser um discípulo. Proclamar o amor de Cristo é o transbordar de compartilhar da vida de Cristo.

Estou convencido de que muitas pessoas em nossas igrejas estão simplesmente se esquecendo da vida de Cristo. Muito disso tem a ver com o que vendemos para eles como sendo o evangelho. “Faça esta oração, aceite a Jesus em seu coração, convide a Cristo para entrar em sua vida”. Não deveria nos preocupar que não existe tal oração supersticiosa no Novo Testamento? Não deveria nos preocupar que a Bíblia nunca usa as frases: “Aceite Jesus em seu coração” ou “Convide a Jesus para entrar em sua vida”?

Não é o Evangelho que está sendo pregado. É um evangelismo moderno construído sobre areia movediça, que corre o risco de desiludir milhões de almas. É algo muito perigoso deixar que as pessoas pensem que são cristãs quando elas não responderam biblicamente ao Evangelho.

Se não tomarmos cuidado, nós vamos tirar o Evangelho que é o sangue do Cristianismo e colocar refresco no lugar para que seja mais agradável às multidões. Não é apenas perigoso, é condenável. Por causa disso, quando pensamos em fazer discípulos, pensamos apenas em sair e fazer com que as pessoas façam uma oração! Ou “espalhar isso”!

Não. Vamos lhes dar uma visão completa do Evangelho. Mostremos às pessoas a grandiosidade de Deus. Sim, ele é um Pai que nos ama! Ele é um Pai amoroso que nos salvará, mas Ele é também um Juiz enfurecido que nos pode nos condenar!

Por David Platt. © Copyright Verge Network 2012 , Todos os direitos Reservados. Original: Platt: why “accepting Jesus in your heart” is superstitious & unbiblical

Tradução: voltemosaoenvangelho.com. Original: David Platt – Porque “Aceite a Jesus em Seu Coração” é Supersticioso e Anti-Bíblico

Permissões: Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir este material em qualquer formato, desde que informe o autor, seu ministério e o tradutor, não altere o conteúdo original e não o utilize para fins comerciais.

51 Comentários
  1. Mariel Jordana Diz

    Glória a Deus!!

  2. Douglas Porto Diz

    Muito Bom!
    Sempre achei estranho esse fato de ter que “aceitar”, e hoje vejo como isso de fato, é algo anti-bíblico.

  3. Wilke Moreira Diz

    Em um reino, só quem aceita a entrada de uma pessoa é o rei. Jesus é Rei, e nos é quem devemos pedir para ser aceitos em seu Reino.

  4. George Diz

    A salvação do pecador vem a glorificar somente Deus, pois, quando o pecador é regenerado pela obra do Espírito Santo ele se arrepende e crê mediante a fé em Cristo Jesus, nascendo de novo pela graça de Deus Pai, passando a amar o que Deus ama, e a odiar o que Deus odeia, recebe em si mesmo a imputação da justiça de Jesus sendo declarado legalmente justo diante de Deus, gratuitamente, pela graça, a partir de então, o Espírito Santo passa a fazer nele a obra de santificação para que a cada dia mais ele seja mais como Jesus, logo, isso vem a glorificar somente o Deus Trino, e não ao homem. Isso é o Evangelho!

    Todavia, hoje temos visto um evangelho que traz glória ao homem, devemos declarar morte ao evangelicalismo moderno.

    Sola Scriptura / Soa Fide / Soa Gratia / Solus Christus / Soli Deo Gloria

    1. Lineu P. Nogueira Diz

      Caramba………

  5. Filipe Diz

    Bom, mas creio que esse é o primeiro passo para um discípulo de Jesus. Que seja, na bíblia realmente não tem “aceitar Jesus no coração”, mas tem acreditar Nele e se arrepender dos pecados. A partir desse momento a pessoa tem uma jornada a seguir, evangelizar não se resume a levar o cara a acreditar, mas a ajudá-lo e guiá-lo nessa jornada.

    Foi isso que aconteceu comigo pelo menos, eu aceitei, a partir desse momento tive vontade de saber mais e muitos me guiaram nisso.

  6. Magda Diz

    Tem que comer algum arroz com feijão pra ser um Paul Washer. Apesar da mensagem ser bíblica achei com um tom meio justiceiro, não adianta pregar a verdade bíblica sem amor, soa como um sino que retine, só faz barulho!

    1. prjohnn Diz

      Magda não se trata de ser “como” Paul Washer, mas sim de ser e falar como Cristo, basta a mensagem ser bíblica e isso já o suficiente.

    2. Magda Diz

      Realmente não se trata em ser como Paul ou fulano, ou siclano, só achei o conteúdo da mensagem muito semelhante e na hora me lembrei dele! Eu particularmente só tinha visto Paul criticar sobre as repetições de “aceitar a Cristo no coração” etc Sim a mensagem tem que ser a do Evangelho de Cristo fundamentada somente na bíblia e o Espírito Santo convence! Mas ainda assim sem amor soa como um sino que só faz barulho!

    3. Rodrigo Gomes Diz

      Realmente pode ter sido entendido desta forma, só que acredito que ali tenha sido um ensinamento para os seus. Agora, ninguém vai sair em via pública lavando roupa suja da igreja. Eu entenderia, mas acredito que muitas pessoas não entenderiam.

    4. Davi Diz

      Oi Magda, o fato dele falar insípido, e incisivo não quer dizer que lhe falta amor, nem em seu coração nem em suas palavras, quando nossa mãe e nosso pai nos exorta e nos repreende vemos eles como as piores pessoas do mundo, mas eles só querem nosso bem e estão fazendo dessa maneira porque nos ama, ele prega com amor, pois prega a palavra coerentemente, se ele não tivesse amor, ele pregava: “Jesus te ama” E “Deus é amor” etc. A verdade dói e é assim mesmo, é que não estamos acostumados a ouvir o que precisamos, mas não queremos, normal, vejamos o exemplo de João Batista, Jonas etc

    5. Magda Diz

      Davi, ta certo do teu ponto de vista, sobre como os pais corrigem e como isso é necessário! Mas o que eu quis dizer, e não soube expressar, la no 1° comentário é que (claro não conheço o coração dele para afirmar nada) é que quando a mesma mensagem é pregada pelo Paul não sinto esse tom nas palavras, só isso! ainda que sejam palavras duras todas as pregações dele sempre tive vontade de escutar mais, não me senti condenada mas atraída a me arrepender mais e mais! E ainda talvez não esteja conseguindo expressar corretamente o que quero dizer!! Essa é uma interpretação minha sobre o tom que ele falou essas palavras, é particular, não estou julgando o conteúdo delas!

    6. Flávia Diz

      é isso mesmo Davi…concordo plenamente com você. Eu ouço as palavras de Paul Washer, por que eu quero ser exortada e aprender a ser um cristão verdadeiro. O mundo já está cheio de pessoas que falam somente aquilo que as pessoas querem ouvir…e eu cansei de ouvir o que eu queria ouvir.

    7. Flávia Diz

      Se vc prestar atenção a palavra de DEUS é dura mesmo…ainda mais para nós que queremos ouvir o que queremos….Tem que ter muito amor, para falar como Paul Washer..muito amor

    8. Lecis Quemba Diz

      Me vejo na obrigação de concordar um pouco contigo. No fundo não consigo ver nele o homem de Deus a falar mas apenas alguem a tentar usar a capa de um homem de Deus e respirando fundo como se decorasse um sermão

  7. Stephani Diz

    ***Apenas um comentário téctico, no 3º parágrafo, 3ª linha, não seia iludir, ao inves de desiludir?

  8. Gedielson Diz

    Bom, imagino que confessar Jesus como Senhor é o primeiro passo, como está em Romanos 10v9, “Se com a tua boca, confessares que Jesus é o Senhor, e creres em teu coração que Deus o ressuscitou dentre os mortos, serás salvo!” Contudo esse “creres em teu coração”, não se restringe ao centro das emoções e sentimentos, mas igualmente ao centro da razão e da vontade. Portanto como David Platt falou precisamos ensinar as pessoas a necessidade de responder Biblicamente ao Evangelho. Como está em II Pedro 1v1-11 que a autenticidade da nossa fé é confirmada na medida em que manifestamos as virtudes cristãs!!!

  9. Ana Paula Diz

    Passei 21 anos da minha vida sendo Catolica nao praticante, fui pra uma igreja evangelica e ali num grupo de jovens ouvi a Palavra de Deus, vi jovens dando testemunhos de suas vidas transformadas e no final dessa reuniao simples a pergunta em questao me foi feita: Vc quer que esse Jesus que te falamos venha mudar sua vida? Vc reconhece q Ele te ama e quer salvar vc? Quer deixar Ele entrar no seu coraçao? Nao pensei duas vezes, meu coraçao ja estava molinho pela Palavra q me convenceu que eu precisava mesmo viver a Vida de DEUS. Faz 9 anos isso e nunca mais fui a mesma. Eu nao discuto a forma que DEUS pode mudar uma vida, Ele usa quem quer e como quer… o importante eh q a pessoa ouça a Palavra e reflita se precisa de Jesus em sua vida.

    1. Isaías Diz

      Ana Paula, suas afeições, vontades, e o pecado que antes você amava você agora odeia?
      Você tem prazer em ouvir sobre a Cruz de Cristo, e atendeu a o chamado de negar a si mesmo e segui-lo? O evangelho de Jesus Cristo é uma realidade para você?
      Sabe, essas perguntas são interessantes. e respondê-las também. Se você ouviu sobre O Rei dos reis e Senhor dos senhores e arrependeu-se (e continua se arrependendo) e creu (e continua a crer até hoje), há evidencia que você é uma nova criatura. Agora veja: O método indicado “(Aceite Jesus em seu coração, faça uma oração)” não é bíblico. As pessoas podem confiar em uma oração que fizeram. e elas precisam largar o pecado e confiar nEle, em Cristo. Ele é tudo, única esperança. Então deveríamos fazer o quê?
      Mostrar Cristo, e trabalhar até que Ele (Cristo) seja formado nessa pessoa, você não é salva porque repeti uma oração, mas porque é o Espírito Santo que convence o pecador, e regenera, tornando-o uma nova criatura.

      Agora, gostaria de compartilhar isso com você:

      _________________________________________________________

      A BASE DA SEGURANÇA GENUÍNA:

      – Verdadeira conversão: Um verdadeiro cristão é uma nova criatura e viverá uma vida que reflita a obra radical de Deus na recriação de sua vida.

      Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo.
      2 Coríntios 5:17

      Por seus frutos os conhecereis. Porventura colhem-se uvas dos espinheiros, ou figos dos abrolhos?
      Mateus 7:16-17

      – A Garantia é baseada em autoexame à luz da Escritura.
      Examinai-vos a vós mesmos, se permaneceis na fé; provai-vos a vós mesmos. Ou não sabeis quanto a vós mesmos, que Jesus Cristo está em vós? Se não é que já estais reprovados.
      2 Coríntios 13:5

      Estas coisas vos escrevi a vós, os que credes no nome do Filho de Deus, para que saibais que tendes a vida eterna, e para que creiais no nome do Filho de Deus.
      1 João 5:13

      Deus abençoe.

    2. Jonas Diz

      Eu não acredito que uma oração feita em minha vida uma única vez possa me garantir que nunca mais me afastarei de Cristo, mas creio que, para começar a caminhar no único caminho verdadeiro para se chegar à Deus (Jo 14.6), é necessário dar o primeiro passo. E entendo que este 1º passo é feito quando eu creio em meu coração que Jesus é Senhor e Salvador e o confesso publicamente (Rm 10.9) sem se envergonhar desta declaração de amor (Rm 1.16). Logo, creio que este convite a fazer esta oração não seja errado. Não entendo que o problema esteja no convite em si, mas na acomodação de que aquela única oração seja mais do que suficiente. O mais difícil não é fazer esta oração de um ou dois minutos, mas crescer no conhecimento e na graça de Deus dia-a-dia (2 Pe 3.18; Os 6.3).

      O ladrão ao lado de Cristo numa das cruzes reconheceu, creu e confessou a Jesus em seus últimos instantes de vida. Naquele momento ele alcançou a salvação, mas nada garante que, se ele tivesse continuado vivo, ele não poderia abandonar à Deus (apostatar sua fé) e voltar à sua vida pregressa.

      Portanto, particularmente, não “condeno” o convite, mas a acomodação que pode surgir após este.

      Abraços,
      Deus continue vos abençoando.

    3. Lecis Quemba Diz

      So para lhe informar: sua vida nunca mais ser a mesma não é evidência de ser/estar arrependida. Conheço muitos que desde o dia em que se mergulharam nas aguas baptismais suas vidas nunca mais foram as mesmas assim como, se nossa mãe ou pai morre, se ouvimos algo bom de alguem que não contavamos, etc, nossas vidas poderã nunca mais ser as mesmas. Existe muita coisa que faz nossa vida não ser a mesma. No entanto reflicta nas questões do amado Isaías e nisto. Shalon

  10. Lucas Santos Diz

    Pregar para crente é fácil, o duro é ministrar para pessoas que não estão nem aí para a Palavra de Deus. Pra mim esta pregação, como a maioria das pregações americanas, é a discussão da “repimboca da parafuseta”, não agrega em nada. Vou continuar pregando e fazendo apela para aqueles que não conhecem a Cristo aceitá-lo e deixar Ele transformar as suas vidas.

    1. Vinícius Musselman Pimentel Diz

      Lucas,

      Você não acha que seria sábio ver no que deu os EUA por falarem somente “faça essa oração e você será salvo”? Milhares de crentes nominais. E temos visto muito disso no Brasil.

      Mas a verdadeira pergunta que todos devemos fazer é: como a Bíblia nos ensina a anunciar o Evangelho e encorajar a resposta do pecador? Pouco importa se são os gringos ou os brasileiros. A pergunta é se é bíblic.

      Não acha?

      Paz

    2. Danilo Moraes Diz

      Realmente Lucas, este problema de crentes “nominais” esta presente tanto nas igrejas que fazem o “apelo” arminianas como nas que não fazem “calvinistas”. Entendo que o problema seja muito mais “embaixo” do que ficarmos discutindo em fazer apelo ou não. Se isso fosse a solução, só teríamos cristãos fervorosos e maduros nas igrejas que não fazem o tão discutido “apelo”, mas nitidamente este não é o caso.

  11. Otoniel Diz

    “Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, a saber, aos que creem no seu nome; os quais não nasceram do sangue nem da vontade da carne, nem da vontade do homem, mas de Deus”. (João 1:12-13)
    É claro que o evangelho dever ser pregado de forma bíblica e correta. O discipulado deve seguir com estudos bíblicos adequados e testemuho de vida prática do discipulador.
    A minha preocupação é com jogos de vocábulos para justificar problemas eclesiológicos que não se resolvem com fórmulas mágicas.

  12. Suzan Diz

    Sim, Deus utiliza várias formas para a salvação das pessoas. Mas é como o Paul Washer sempre comenta em suas pregações: “As pessoas não são salvas por causa do jeito que pregamos, mas apesar do jeito que pregamos.” é mais ou menos isso rs

  13. felipe Diz

    Irmãos , na verdade Deus me escolheu ou melhor nem eu sei como fui salvo rs; eu era ateu , eu blasfemava ;/ mas enfim morreu ! sabe… eu não queria , eu estava no encontro de jovens e falei pra mim mesmo , já que estou aqui mesmo , vou me entregar … tá bom. Fiquei … na igreja mais não era totalmente entregue estava namorando até que…
    o relacionamento ficou meio estranho e eu não sei porque aquele dia me deu uma vontade de ler a preciosa e maravilhosa PALAVRA DE DEUS , ai pessoal TUDO , mas TUDO mesmo foi deixado para trás , o machado da Justiça passou por mim , hoje sou uma pessoa totalmente diferente …

  14. Rodrigo Raul Diz

    Bom… Quando Paulo diz “se você crer você será salvo”, primeiro precisamos entender o contexto pelo o qual aquilo foi escrito. Naquele tempo, uma pessoa que professava sua fé em Cristo Jesus era totalmente perseguida, desprezada, sujeita a morte e não o que vemos hoje em nosso país. Então a pessoa que dizia crer ela realmente cria.

  15. John Alves Diz

    Essa dai é a famosa oração do pecador, o Espirito de Deus tem que contesta na sua vida…

  16. Evellyn Nunes Diz

    Achei muito superficial, não explicou minuciosamente o porque de ser anti-bíblico, o porque de ser “superticiosa” essa declaração. Vou pesquisar e volto para comentar novamente!

  17. Joao Ferraz Diz

    Estou engatinhando na Graça..li os comentários e ainda fico com dúvida sobre estes versiculos:
    A saber: Se com a tua boca confessares ao Senhor Jesus, e em teu coração creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, serás salvo.
    Visto que com o coração se crê para a justiça, e com a boca se faz confissão para a salvação.
    Romanos 10:9-10
    A salvação não depende de nós..ok, vamos supor que não tenha o pedido de quer “aceitar” Jesus em seu coração, mas e a parte de confessar com a boca onde entra isto? Não seria o primeiro passo? Ou quando ocorreria esta confissão?
    Um tempo atrás lembro de ter assistido o video Decisionismo x Regeneração , mas apesar de concordar com o video lembro de ter ficado em dúvida com este versiculos.
    Se alguém puder sanar minhas dúvidas agradeço.
    Fiquem na Paz!

    1. David Bezerra Diz

      Irmão, não adianta confessar se não cremos naquilo q confesarmos. Tem pessoas q creem e se entregam a Cristo e confessam logo Ele logo como salvador de suas vidas outras não, pois seus corações estão indurecidos e não querem abri mão das coisas mundanas. Enquanto sobre a salvação, ela é um presente de Deus para o homem, pois mesmo. sem merecer Ele nos amou e enviou Jesus para nos salvar. E como servos de Deus devemos amar, perdoar , fugir das coisas mundanas para agradar Aquele. q nos amou primeiro, mas estando siente q tudo isso não me fará merecedor da salvação, mas Deus em Cristo Jesus já nos consedeu.

  18. Noel Ferreira Diz

    Acho que muitos dos que comentaram não entenderam bem qual foi a real intenção da mensagem. Não é que o uso da frase seja pecaminosa, claro que não (desde que não tenha uma superstição envolvida na proclamação da frase). Mas a essência da mensagem foi: “Devemos anunciar a mensagem e dar condições para que quem ouve tenha plena ciência do que está acontecendo; que a evangelização não seja apenas para que alguém repita palavras ou simplesmente aceite, mas que seja uma oportunidade de que o individuo conheça a Deus em todos os seus aspectos e reconheça (de coração) que Ele é o único que o pode salvar.

  19. Rafael P Abreu Rosa Diz

    “Se com tua boca confessares, e com coração creres…” Li alguns comentários dos amigos. Acredito que alguns não entenderam o que está sendo pregado. A confissão faz parte da conversão. A superstição é querer levar as pessoas a confessar, mas não a crer! Sei que muitas pessoas piedosas se converteram a Cristo porque ouviram um “aceite Jesus no seu coração”. Não é a expressão que condenamos. O centro da pregação é arrependimento e fé (arrependei-vos e crede no evangelho). O processo de massificação das igrejas (queremos ganhar o mundo) não pode ser feito a qualquer custo. Não temos permissão de atestar conversão sem fé. Muitas pessoas são enganadas porque não creem em Cristo e sua palavra mas se consideram salvas porque um dia fizeram uma oração ou levantaram a mão. A pregação de Cristo era “Arrependei-vos”. A pregação dos apóstolos era “Arrependei-vos”. O trabalho do Espírito Santo é convencer que somos pecadores, por que? Por que não cremos em Deus. Levar alguém a crer é muito mais difícil que levar alguém a repetir uma oração. A fé vem pelo ouvir a Palavra de Deus. É necessário pregar a palavra de Deus na esperança que nasça a fé. A fé sem obras é morta, é necessário que vivamos pela fé e transmitir uma fé viva (porque vida gera vida). Eu fui ensinado a levar pessoas a orar. Fiz evangelismos assim, até hoje creio que não fiz bem. Sair apressadamente de uma conversa honesta para alcançar mais e mais pessoas. e o resultado? Quem creu? Quem é seguidor de Cristo hoje? Se tivesse levado pessoas a fé em Cristo, o resultado seria outro. Que Deus tenha misericórdia de mim. Abraços!

  20. Dalvan Diz

    Nenhum ser humano em sua natureza caída pode aceitar Jesus Cristo como seu unico e suficiente Salvador porque o homem está separado de Deus, dominado pelo pecado e controlado por Satanas. Por isso, ele precisa da intervenção divina para salva-lo. É Deus quem nos aceita e não nós quem o aceitamos; é Ele quem nos chama, que nos busca e não o contrario; foi Ele quem nos escolheu e não nós a Ele, aliás, tal escolha foi feita antes da fundação do mundo. A natureza caída do ser humano é incapaz de, por livre e espontanea vontade aceitar Jesus. Não é em vão a existencia dos cinco pontos do Calvinismo; não é em vão os debates que ocorreram ao longo da historia da igreja como Pelagio e Agostinho / Erasmo e Lutero / Calvinistas e Arminianos.
    Jesus havia dito [Marcos 1:17-18] que ensinaria Simão e André a pescarem gente. Imaginemos como um pescador pesca um peixe para entendermos estas palavras de Jesus: um peixe não quer saír do mar porque lá é o seu habitat natural, é necessario que o pescador tire o peixe do mar; nós não queremos sair de nossa vida de pecado porque faz parte de nossa natureza ser assim, por isso é necessário que alguém nos pesque, nos tire do mar, do mundo, ou seja, nos livre da morte (separação de Deus) e do controle do pecado e Satanas.
    Toda gloria da salvação pertence a Deus, nós não contribuimos com nada para a obra salvifica, pois não existe salvação por porcentagem/percentual: “Deus faz a parte Dele e eu a minha.” Ela é unico e exclusivamente trabalho de Deus, que não recebe nenhuma influencia humana para tomar suas já planejadas decisões.

  21. Felipe Angioni Diz

    Mateus 7
    22 Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, não profetizamos nós em teu nome? e em teu nome não expulsamos demônios? e em teu nome não fizemos muitas maravilhas?
    23 E então lhes direi abertamente: Nunca vos conheci; apartai-vos de mim, vós que praticais a iniqüidade . *Como podemos aceitar a Jesus? ele que tem que nos aceitar,e nos conhecer,leia primeiro joao e veja a GRANDEZA de Jesus,nao tem base bíblica dizer que ele tem que ser aceito,quando ele foi pregado em atos as pessoas perguntavam desesperadas,e agora o que faremos?,e suplicavam misericordia,Ele tem que nos aceitar! leia o livro de Jonas e vejam o que as pessoas fizeram depois que ouviram o profeta,nós merecemos o inferno,e como entao poderemos aceitar a Jesus? ELE deveria nos amaldiçoar e gritar,apartaivos de mim malditos,mais pela sua misericordia ele nos resgatou da maldiçao,só amamos a ELE porque ele nos amou primeiro,nao tem sentido dizer que o aceitamos

  22. helcio Diz

    Ap. 3:20 ” Eis que estou a porta, e bato: se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa, e cearei com ele, e ele comigo”. Isto não é um convite de Jesus para ser convidado?
    Se eu der ouvidos a teólogos e suas teologias, eu abandono a fé em menos um mês, quer dizer então: pelo fato de eu ter vindo para Cristo, “aceitando Ele no meu coração ou convidando Ele para entrar na minha vida” não é bíblico porque não esta escrito, então a minha conversão não é real, o meu batismo também, quem me libertou de vários vícios e curou as feridas da minha alma não foi o Espírito Santo! Mais humildade e oração e menos estudos para reinventar a roda e criar “novas teologias” para perturbar os cristãos. prefiro ficar com as palavras de Cristo: MATEUS (cap. 11)·
    25 Naquele tempo falou Jesus, dizendo: Graças te dou, ó Pai, Senhor do céu e da terra, porque ocultaste estas coisas aos sábios e entendidos, e as revelaste aos pequeninos.

    1. Vinícius Musselman Pimentel Diz

      Helcio,

      Jesus em Apocalipse 3 está falando para incrédulos ou para igrejas? Qual o contexto desse texto?

      Outra, não estamos negando que pessoas foram salvas. Mas não o foram por causa do método, mas apesar dele, pela graça de Deus.

      O que está sendo combatido aqui é a noção de que se você simplesmente repetir uma oração então você está salvo.

      Aliás, o apelo que é nova teologia. Nunca existiu isso na história da igreja ;D

      Paz

    2. Leandro José Diz

      Concordo plenamente com você. Deus não está interessado em nossas palavras ou em um mero cumprimento ritualístico.

  23. thais Diz

    Essa questão de fazer esta oração gera muita discussão, mas creio que não existe nenhum mal em faze-la. Nós confessamos Jesus publicamente sempre, isso é muito fácil. Sabe quando Pedro nega Jesus 3 vezes? No meu entendimento é disso que Romanos 10-9.10 está falando! O confessar com a sua boca é o que Pedro deveria ter feito e não fez. Um exemplo: Sabemos que Paulo perseguia os cristãos antes de se converter, agora imagina nós dessemos de cara com Paulo (que era Saulo) e ele dissesse nega a Jesus ou morre, o que vc faria? confessaria Jesus com a sua boca ou o negaria com sua boca? Essa é a minha visão.

  24. Rafael GJ Pereira Diz

    Essa oração não tem fim em si mesma, mas como um marco para a nossa vida que é consumada no batismo. É um passo de fé dessa corrida que só acaba quando Ele nos aceita, plenamente, em Seu Reino!

  25. Andre Luiz Diz

    Creio que o espirito santo opera de várias formas. O problema é que as pessoas gostam de monopolizar o evangelho, tem que ser do jeito deles. O apóstolo João não queria que um homem pregasse sobre Jesus só porque não seguia Jesus “com eles”. Ou seja, ele seguia Jesus, mas não com eles. Então o Senhor corrigiu o discipulo, e disse que não era pra proibi-lo, mas pra deixar, porque ninguém pode fazer um milagre em nome de Jesus e logo em seguida falar mal de Cristo.

    Sobre este método utilizado, realmente as frases utilizadas não são biblicas, a frase literalmente não existe, porém, a letra é fraca. Não podemos ir além do que está escrito, mas a palavra de Deus mostra a necessidade de deixar Jesus (a palavra de Deus) entrar em nossos corações, vejamos:

    “Jesus
    respondeu, e disse-lhe: Se alguém me ama, guardará a minha palavra, e
    meu Pai o amará, e viremos para ele, e faremos nele morada.”

    João 14:23

    “Eis que estou à porta, e bato; se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa, e com ele cearei, e ele comigo.” Apocalipse 3:20

    O que é abrir a porta? Não basta só ouvir a palavra, é preciso abrir a porta. Agora vejamos a operação de Deus:

    “E uma certa mulher, chamada Lídia, vendedora de púrpura, da cidade de Tiatira, e que servia a Deus, nos ouvia, e o Senhor lhe abriu o coração para que estivesse atenta ao que Paulo dizia.” Atos 16:14

    É precisou ouvir, mas também é preciso abrir o coração para que Jesus (a palavra de Deus) possa entrar. Então, não vejo nada de mais em se dizer a uma pessoa pra que ela aceite Jesus em seu coração, pois esta necessidade é biblica, está na palavra de Deus.

    A história dos discipulos a caminho de Emaús também fala sobre isso. Quando a noite se aproximava, eles convidaram Jesus pra entrar em suas casas. Jesus entrou, ceou com eles e os seus olhos se abriram, Jesus foi revelado e eles testemunharam que seus corações ardiam quando Jesus falava.

  26. Regiane Fernandes Diz

    em relaçao a mensagem acima .acredito que ele fez uma exortaçao a sua igreja.nao podemos em hipotese alguma aceitar a Cristo porque a biblia fala que antes de nascermos de novo somos mortos(pessoas mortas).Efesios 2:4 Mas Deus, sendo rico em misericórdia, pelo seu muito amor com que nos amou,
    5-estando nós ainda mortos em nossos delitos, nos vivificou juntamente com Cristo (pela graça sois salvos),e nos ressuscitou juntamente com ele, e com ele nos fez sentar nas regiões celestes em Cristo Jesus,para mostrar nos séculos vindouros a suprema riqueza da sua graça, pela sua bondade para conosco em Cristo Jesus..Portanto,achar que o Paul é mais ou que David é mais ou menos,de nada vale.Como Magda mencionou.Acredito eu que nós nao devemos achar nada e sim viver pela graça.

  27. Adriana Diz

    Acho muito relativo… Depende muito da pessoa, realmente isso não diz no movo testamento, pelo menos não que tenha lido, mais se for pra iniciar uma caminhada com Cristo e depois a pessoa entender o significado de tudo acho que sim, esse tipo de “oração” é valida. Penso eu…

  28. William Diz

    O primeiro passo é sempre dado por Deus, o ser humano não é capaz de escolher a Cristo, a não ser que o Espírito Santo o mova a fazer. Nossas iniciativas em direção a Deus são promovidas por ele mesmo, existe um engano em se achar que o homem nasce com o livre arbítrio, o homem natural é escravo do pecado e por isso prisioneiro, sendo assim não tem liberdade para escolher (principalmente a Deus), “Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus. Não vem das obras, para que ninguém se glorie;” Efésios 2:8 e 9. Sendo assim, não foi você que aceitou a Jesus, mas foi Jesus que te escolheu antes da fundação do mundo e te salvou.

  29. Willyamy Diz

    Romanos 10:9-10
    9 – A saber: Se com a tua boca confessares ao Senhor Jesus, e em teu coração creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, serás salvo.
    10 – Visto que com o coração se crê para a justiça, e com a boca se faz confissão para a salvação.

    Mateus 10:32-33
    32 – Portanto, qualquer que me confessar diante dos homens, eu o confessarei diante de meu Pai, que está nos céus.
    33 – Mas qualquer que me negar diante dos homens, eu o negarei também diante de meu Pai, que está nos céus.

    Gálatas 5:19-21
    19 – Porque as obras da carne são manifestas, as quais são: adultério, prostituição, impureza, lascívia,
    20 – Idolatria, feitiçaria, inimizades, porfias, emulações, iras, pelejas, dissensões, heresias,
    21 – Invejas, homicídios, bebedices, glutonarias, e coisas semelhantes a estas, acerca das quais vos declaro, como já antes vos disse, que os que cometem tais coisas não herdarão o reino de Deus.

    I Corintios 6:9-10
    9 – Não sabeis que os injustos não hão de herdar o reino de Deus? Não erreis: nem os devassos, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os efeminados, nem os sodomitas,
    10 – nem os ladrões, nem os avarentos, nem os bêbados, nem os maldizentes, nem os roubadores herdarão o reino de Deus.

    Gálatas 5:22-23
    22 – Mas o fruto do Espírito é: amor, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança.
    23 – Contra estas coisas não há lei.

    APENAS LEIA E MEDITE!!!

  30. Leandro José Diz

    O que está em pauta aqui é que esta oração em si está sendo difundida como o meio para alcançar a salvação. Agora, se a pessoa ouviu a Palavra, creu e se arrependeu e orou, ela não é salva? A oração foi a confissão. O cerne da questão é se houve arrependimento genuíno motivado pelo Espírito Santo ou não ao fazer esta oração, a motivação real.

  31. Juan demolinari Diz

    Tanta coisa para nos preocuparmos como igreja que não está cumprindo o que deveríamos e esse pastor está preocupado como uma frase! OK, não existe essa frase na bíblia mas existe a pergunta: crês de coração que Cristo é o filho de Deus? como por exemplo na passagem de Felipe com Eunuco. Há tanta diferença entre as duas frases para que possamos nos preocupar? Creio que deveríamos nos preocupar em ensinar ao povo que o crer é mais do que falar, o crer é mais que o acreditar, o crer é VIVER! Vi nessa pregação simplesmente um jovem buscando algo com o que se revoltar, porém sem muito fundamento…

  32. Valquiria Val Diz

    concordo em genero, numero e grau, Deus é Fiel….

  33. Dadino Hortencio Sul Diz

    Amen..Gloria a DEUS..

Comentários estão fechados.