Um blog do Ministério Fiel  Um blog do Ministério Fiel

Teologia da Prosperidade

No vídeo abaixo, John Piper explica porquê a Teologia da Prosperidade é tão nociva a Igreja de Cristo.

Saiba mais sobre os argumentos do vídeo lendo os 12 apelos aos pregadores da prosperidade que Piper faz no e-book abaixo.

  1. Não Tornem o Céu Mais Difícil
  2. Salvem as Pessoas do Suicídio
  3. Advirtam Contra Investimentos Fracos
  4. Desenvolvam Donatários Generosos
  5. Promovam a Fé em Deus
  6. Eliminem os Perigos de Asfixia
  1. Preservem o Sal e a Luz
  2. Não Escondam o Custo
  3. Encorajem o Valor do Sofrimento
  4. Ensine-os o Ide
  5. Separem-se dos Mercadores
  6. Recomendem Cristo como Lucro

Baixe e distribua livremente o e-book abaixo. Há uma versão para impressão caso você queria imprimir folhetos e entregar.

Por John Piper. © Desiring God. Website:desiringGod.org

Original: To Prosperity Preachers

Tradução : voltemosaoevangelho.com

Permissões: Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir este material em qualquer formato, desde que adicione as informações supracitadas, não altere o conteúdo original e não o utilize para fins comerciais.

Mais

 

 

FAQ – Perguntas Frequentes

Estamos abrindo essa seção para responder perguntas frequentes sobre este tópico. Se você tem alguma, por favor, poste um comentário e tentaremos respondê-la.

 1 - Devemos citar os nomes dos Pregadores da Prosperidade?

  • marcos

    a teologia da prosperidade vou dizer uma coisa ter bens materiais não é pecado estude trabalhe que Deus vai te abençoar o problema é que estao mais pregando as coisas dessas terra do que o reino de Deus estão esquecendo que somos peregrinos em terra estranha quando jesus disse não ajunteis tesouros nessa terra foi por causa do coraçao do homem pois onde esta o teu tesouro ai esta teu coração quero saber qual dos pregadores da prosperidade que venderia todos os seus bens e daria aos pobres vamos prega a cristo paulo disse se eu espera em cristo so nessa vida miseravel homem que sou

  • Raniele Pontes

    O crente do evangelho do Diabo se converte e fica alegre e diz: Me encontrei com meu Deus, tinha um carro velho e agora tenho dois novos; minha empresa tava falida, agora tenho quatro empresas; eu não saía para lazer, agora toda semana estou com minha família na casa de praia que comprei recentemente. O crente do evangelho de Cristo se converte e diz: Tinha dois carros, mas como eu podia viver só com um, vendi e distribuir com os necessitados da igreja; eu tinha uma empresa que me consumia todo o tempo da minha vida, então eu vendi parte das ações e agora meus sócios me ajudam e assim está ficando muito mais tempo livre para eu orar e trabalhar na obra de Deus; Eu gostava muito de lazer, mas agora como eu sei que Cristo está voltando e que a maior parte da humanidade está fora da arca, também estou usando este tempo pra vida devocional, pois Satanás não brinca de ser inimigo.

  • lael santos

    Dízimo para arcar com as despesas do templo? Onde está isto na Bíblia? Aliás, dízimo era uma ordenança para a nação de Israel e apenas os da Tribo de Levi tinham o direito de coletá-lo. Saiam do erro! Estamos na nova aliança; o nosso sumo-sacerdote é da Tribo deJudá. Nenhum dos apóstolos fez menção de dízimo…

  • Valdir Junior

    Eis uma discussão complicada. Eu penso que devemos imitar a Cristo, e Ele quando veio ao mundo: Nasceu em uma manjedoura; Foi reverenciado quando estava sobre um jumento emprestado e acabou sendo crucificado em uma cruz que não era sua. Eu penso que Deus não está se importando se nós teremos condições de andar de carro novo, ter uma casa nova para o nosso conforto ou se teremos “trocentos” pares de sapatos no armário. Afinal, com tanta gente faminta e desesperada, creio que Ele vá contemplar o nosso anseio de ajudar de alguma forma, seja com algumas marmitas para quem tem fome, ou com algumas roupas pra quem está com frio… Nós vivemos em um país capitalista, onde a onda do momento é preparar o evangelho pra ser o mais fácil possível: “Você tem que estudar, ter um emprego rentável, tem que casar, ter uma vida confortável e outras coisas mais. Lembro-me de um sermão onde o pastor da igreja Missão em Cariacica – ES falou que o padrão de crente vitorioso era o da Aline Barros. Achei um absurdo tal comparação! Principalmente porque a cada dia mais passo a admirar a igreja perseguida e sua forma de viver para Cristo mesmo nas situações mais dolorosas e difíceis. Diante da vida destes irmãos (igreja perseguida), me vejo cada vez mais longe do rótulo de cristão.
    ALGUÉM PARE ESSE MUNDO PORQUE EU QUERO DESCER!

  • Paulo Cesar

    Até a vinda de Jesus Cristo as Escrituras mencionavam o acúmulo de riquezas e bens materiais.

    Cristo veio para nos ensinar o completo desapego em relação as riquezas temporais. O Novo Testamento está repleto de passagens nesse sentido.

    A teologia da prosperidade, abraçada e ensinada pelos neo-pentecostais, é uma mentira que conduz à perdição. Entretanto, a ganância e o egoísmo pessoais não são menos danosos do que o que se ensina naquela teologia.

    Muitas vezes o conforto e a riqueza são fruto de trapaças e de avareza.

    Vocês protestantes podem alcançar a salvação retornando para a verdadeira Igreja de Cristo, qual seja, a Igreja Católica. Não caiam na armadilha de Lutero, Calvino e demais hereges.

    Convertam-se ao catolicismo, a Igreja que lhes deu as Escrituras.

    Fiquem na paz de Nosso Senhor Jesus Cristo, com as bençãos de Nossa Senhora.

  • Wesley Ferreira

    DISCORDO.

    Eu vejo esse homem como um grande homem de Deus, porem ao mesmo tempo que ele fala a verdade em grande parte do vídeo ele também a omite. Creio que isso não é por que ele seja mal caráter e sim pela simples falta de conhecimento sobre a teologia da prosperidade em algumas igrejas. Temos que entender que desde que o mundo é mundo as pessoas tem uma visão diferente de Deus, pois Deus se manifesta diferentemente entre ambas as pessoas. Exemplo disso são os dois cegos que foram curados por Ele. Um recebeu cuspe e lodo nos olhos e foi curado, o outro simplesmente recebeu uma palavra e também foi. Se fosse nos dias de hoje e se esses dois cegos se encontrassem provavelmente eles teriam discutido. Pois um iria questionar o Jesus do outro. Afinal um somente recebeu a palavra e outro recebeu lodo e cuspe. O Nosso Deus é grande e Ele se manifesta em varias Igrejas de forma diferente, assim aconteceu durante todos os séculos é só olhar a vida de: Lutero, Calvino, Jhon Wesley, William Seymour etc. O Que realmente temos que entender para saber julgar se uma denominação é de Deus ou não é o centro da mensagem, ou seja….O FAMOSO vá e não peques mais. A Verdadeira Igreja de Deus tem como base o reconhecimento do pecado e a luta contra Ele para uma vida separada para glória de Deus e quem esta em uma linha teológica errada provavelmente ira aceitar o pecado e apoiá-lo. Muitas Igrejas que pregam a teologia da prosperidade, são extremista e herege. Porem muitas outras também são santas e equilibradas. Muitas só querem enriquecer, outras realmente investem em AJUDAR e SALVAR muitas almas e estão em muitos lugares que muitas famosas Igrejas tradicionais não estão. Muitos líderes não visitam mendigos na rua e nem pregam para enfermos nos hospitais. Mas muitas Igrejas estão sempre lado a lado com essas pessoas e isso é inegável. Creio que não podemos julgar o movimento da teologia da prosperidade por alguns ou pela maioria como dizem algumas pessoas. Pois se assim fizermos vamos julgar o Cristianismo como um verdadeiro câncer em nossa sociedade, afinal muitos Cristão fizeram muita porcaria ao longo dos anos e continuam fazendo. É Por isso que o Ap. Paulo, inspirado pelo Espirito Santo nos orienta…

    Mas tu, por que julgas teu irmão? Ou tu, também, por que desprezas teu irmão? Pois todos havemos de comparecer ante o tribunal de Cristo.

    Porque está escrito:Como eu vivo, diz o Senhor, que todo o joelho se dobrará a mim,E toda a língua confessará a Deus. De maneira que cada um de nós dará conta de si mesmo a Deus. Assim que não nos julguemos mais uns aos outros; antes seja o vosso propósito não pôr tropeço ou escândalo ao irmão. Eu sei, e estou certo no Senhor Jesus, que nenhuma coisa é de si mesma imunda, a não ser para aquele que a tem por imunda; para esse é imunda.

    Romanos 14:10-14

  • Luiz Duarte

    Buscai o reino de Deus, e as demais coisas vos serão acrescentadas. A teologia da prosperidade faz tu seguir o deus da barganha dar para receber, Deus tem principios Ele não muda.

  • Luiz Duarte

    Chegar ao céu, requer obediencia a Deus e não sacrificio material ou financeiro, senão estariamos invalidando o sacrificio da cruz.