um site cristão por Cristo e pelo Evangelho

Qual tradução da Bíblia devo usar?

Augustus Nicodemus fala sobre as traduções da Bíblia para o português, passando sobre os manuscritos originais (texto crítico, texto recebido, texto massorético, textus receptus, texto majoritário) e metodologias de tradução (equivalência formal, equivalência dinâmica). Qual versão usar? Almeida Revista e Corrigida (ARC), Almeida Corrigida e Fiel (ACF), Almeida Revista a Atualizada (ARA), Almeida Século XXI, Nova Versão Internacional (NVI), Nova Tradução na Linguagem de Hoje (NTLH), A Mensagem?

Por: Augustus Nicodemus Lopes. © Curso Fiel de Liderança. Website: cursofieldelideranca.com.br. Todos os Direitos Reservados.

Original: Augustus Nicodemus – Qual tradução da Bíblia devo usar? © Voltemos ao Evangelho. Website: voltemosaoevangelho.com.

88 Comentários
  1. Mariely Macedo Diz

    A almeida que ele  menciona ao final do vídeo é a revista e atualizada ou a Almeida séc. XXI?

  2. Mariely Macedo Diz

    A almeida que ele  menciona ao final do vídeo é a revista e atualizada ou a Almeida séc. XXI?

    1. Alan Cristie Diz

      Revista e Atualizada, Mariely.

  3. Gustavo Barreto Diz

    Depois que eu tomei conhecimento da Bíblia Judaica Completa, de David H. Stern,  e comecei a lê-la, todas as outras versões para mim se tornaram de certa forma obsoletas. Até hoje não pus a mão em uma Bíblia que tivesse uma tradução tão objetiva, bem dividida e contextualizada como essa. As versões de João Ferreira de Almeida tem um português muito arcaico e dificultam muito o entendimento contextualizado, a não ser que você seja um mestre ou doutor de língua portuguesa. NVI e NTLH são estranhas.

    1. Sandralice Diz

       Gustavo, onde posso adquirir a Bíblia Judaica Completa, mencionada? Obrigada. Sandra.

    2. Guilherme Zanini de Sá Diz

      Verdade irmão, parece eu falando, hehehehe…
      SHALOM

    3. Wagner Barbosa Diz

      Sem dúvida uma versão espetacular A BJC é de longe a melhor tradução!

    4. ANA Diz

      Gustavo, eu também uso a judaica, e sou apaixonada pela objetividade e certa segurança que a comunicação me passa a cerca da Palavra. ALguns amigos na Igreja, preferem a King James, você conhece? (segundo eles o numero de pessoas que revisaram-na passa segurança a cerca do conteúdo).

    5. KABIR VIDAL PIMENTA DA SILVA Diz

      Para mim essa tradução judaica completa, por se basear numa ótica de tradução dinâmica, peca na exegese. Vejam um exemplo, ao menos na tradução brasileira. Em Levítico 18.23 ela diz “com homem não se relacionará sexualmente, como se fosse mulher”. Ao passo que nas versões KJV NVI, estao escritas “Com homem não te deitarás, como quem deita com mulher”. Penso que a BJC não foi fiel em momento algum aos originais, tampouco se utilizou dá Midrash (técnica judaica de exegese) para traduzir para o português o sentido da norma. Pela análise de todas as bíblias que conheço, particularmente KJ americana, percebe-se claramente que a intenção de Deus é que o homem não goze com outro homen da mesma intimidade que ele goza com a mulher, ou seja, que o homem não coloque outro homem para cumprir o papel sexual dá mulher (ser penetrada, função dá fêmea), ou seja, Deus está dizendo ao homem para não se afeminar, porque isso viola a natureza da criação (é o que se percebe claramente dos adjetivos utilizados “mankind” e “womankind”, ou seja, do sexo masculino e do sexo feminino). Entretanto, pela leitura dá BJC pode levar a interpretações absurdas, que podem ser muito bem distorcidas por pessoas mal intencionadas. É claro que lendo a BJC completa nós iremos entender que a intenção do autor foi justamente de homem não se portar como mulher e querer ignorar que é macho (quem penetra) e passar a ser penetrado, mas novamente afirmo, ele não foi feliz em sua tradução, ao menos nesse ponto. É certo que o verbo no original é “deitar”, o qual, se utilizado num contexto de homem e mulher, realmente significa se relacionar sexualmente. Entretanto, em nenhum momento da Bíblia ele é utilizado com fins sexuais entre dois homens ou duas mulheres. Daí porque o correto é dizer “como alguém deita com mulher”, ou “deitar com…”, e não “se relacionar sexualmente”. Uma interpretação bem razoável é a da “Mensagem”, que utiliza apenas a expressão “com homem não se relacionará, como quem se relaciona com mulher” . Penso que essa foi mais fiel ao sentido original. Me ajudem aí se falei alguma besteira.

    6. Jorge Ferreira Kbsa Diz

      BJC é completamente a melhor tradução.

    7. Rodrigo Diz

      Devemos nos atentar que o objetivo do autor da BJC é mostrar através de uma tradução dinâmica ( que interpreta conforme a ótica dele), vários pontos que tendem claramente ao judaísmo messiânico e obscurecem outros importantes simbolismos ignorados por David Stern. Confiram o que esse conhecido pastor ( https://www.youtube.com/watch?v=oIBsSPR3Rck ) diz sobre a BJC.

  4. Jeferson Oliveira Diz

    Assim como o Gustavo Barreto, uso muito a BJC. Mas quando vou organizar aquilo que estou estudando, as versões que mais uso além da BJC é a NTLH, e a VIVA.
    A NTLH porque antes não gostava, mas depois que passei a fazer estudos aprofundados, percebi que ela é bem fiél ao sentido original de um texto. Por exemplo, em vez de usar a palavra “justificação”, ela usa “fomos aceitos por Deus”, o que abre o entendimento. Já a VIVA parece um poema e embeleza o texto sem tirar o sentido. Às vezes a Católica ajuda também. Mas gostei mesmo da BJC porque nos auxilia a entender o sentido IGREJA e nos impulsiona a conhecer o Plano Eterno e Verdadeiro de Deus, sem contar a tradução fiél ao sentido. Quem quiser comprar também o Comentário Judaico do Novo Testamento é ótimo e também é do David Stern. Mas aconselho a todos conhecer um pouco de todas as versões e sempre auxiliado pelo Espírito que vivifica! Um abraço.

  5. Welerson Diz

    Quando me converti a Cristo, comprei uma bíblia na linguagem de hoje. Na época foi bom.

    Pouco tempo depois, vi que um grande amigo e irmão meu usava a Bíblia de Jerusalem. Levei um susto e perguntei a ele “como ele tinha coragem de usar uma bíblia católica”?… 
    Ele a mostrou para mim e disse que era a melhor tradução que ele conhecia.
    À partir daí, passei a usar só essa versão.
    …isso já tem mais de 20 anos.
    Essa primeira já virou “pergaminho” e recentemente comprei outra. 
    Muitos irmãos gostam dela mas parece que ficam meio receosos de usa-la.
    Os apócrifos são apenas livros. Não me atrapalham em nada
    …apenas a deixam um pouco mais pesada.
    Um fortte abraço.

    1. Bruno Alves Diz

      Com certeza, Welerson. apesar de possuir bíblias em diversas traduções, aquela que mais tem me encantado e, sem dúvida alguma, a Bíblia de Jerusalém. Apesar desta ser um material de estudo originalmente destinado ao público católico, não vejo inconveniente algum caso nós, protestantes, desejemos utilizar esta bíblia.

  6. Marcellferreira Diz

    Muito Bom!

  7. MarcoTúlio Diz

    Gostava muita da NVI, só que hoje tenho a BJC, e posso dizer que é muito boa e recomendo à todos.

  8. Edilson Meirelles Diz

    ????????? ou sou muito tapado no entendimento ou alguem viajou na maionese…

    1. Paulinho Diz

      é que no final deste video aparecem outros no final ai apareceu um do nicodemos sobre a predestinaçao ai comentei tudo aquilo e quando vi era o video das traduçoes.hehehehe mas desculpa ai!

  9. Leo Umberto Diz

    Brother, leia mais um pouco os textos do Augustus Nicodemos e veja mais vídeos dele e vc verá que ele crê na predestinação, conforme diz as escrituras.  Outra coisa, vc cre na eleição mas nao cre que uma vez salvo, sempre salvo. Sendo assim vc acha q Deus fica mudando a eleição conforme nossas ações? Repense essas coisas…

    1. Paulinho Diz

         Concordo plenamente contigo irmão Leo, errei ali em cima,mas pesso perdão.
      Mas nao foi isso que eu queria dizer, se Deus nos elege e nos predestina,ele sempre nos trará ao caminho de novo. Mas como voce sabe que sera salvo? voce tem certeza que nao se desviara na sua vida cristã no futuro? Realmente nao sabemos,somente Deus,por isso como Pedro nos disse devemos fazer- Fazei firme vossa vocaçao e eleiçao,temos que dia após dia morrer para nós mesmos e tomar a nossa cruz, e buscar a santificaçao, retidão,piedade, e la no final quando os bodes serem separados das ovelhas saberemos quem foi escolhido,predestinado,elegido por Deus para ser salvo.Aí voce me dirá- entao voce esta dizendo que a salvaçao é pelas obras? certamente que nao,arrependimento e fé pela graça fazem parte da salvaçao, jesus  disse a nicodemos importa que voçe nasca de novo, e paulo nos diz que sem santificaçao nimguem vera ao senhor.Como alguem pode se dizer cristao e vive como incredulo? Deem frutos dignos de arrependimento e que esses frutos permanessam.
      Peço perdao novamente, sei que errei e ainda bem que voce me fez aquelas perguntas,me evitará de errar novamente, um abraço em Cristo meu irmão.

  10. Gleison Diz

    Paz irmãos!
    Tenho todas essas versões e sempre consulto as mesmas para um eventual estudo bíblico.
    Agora, a versão que me surpreendeu e que considero atualmente uma das melhores chama-se KJV (King James Revisada) em português. A KJV é uma das versões que mais tenho lido ultimamente. Recomendo-a a todos!

    1. Salim Dutra Loures Diz

      Mas Gleison,a KJV (King James Revisada, a não ser que existe a versão impressa, porque a que eu consultei no PC está assim em Rm 14:10 Mas, tu, por que julgas teu irmão? Ou tu,
      igualmente, por que desprezas teu irmão? Pois todos compareceremos
      diante do tribunal de Deus. enquanto que no texto grego diz trono de Cristo, a KJV (King James Revisada, usou trono de Deus, está errado, não traduziram de acordo com o grego.

    2. Thayane Diz

      Eu tbm amei essa tradução king James

  11. Jailson Ferreira de Oliveira Diz

    Quando aceitei Jesus em minha vida pouco me importava a tradução que lia, de uma coisa eu sabia que não poderia consultar a Bíblia Católica, devido ter mais alguns livros não aceitos. Bem, hoje tenho várias versões, mas a que me chama mais atenção e me prende a ler é a Nova Bíblia Viva, de origem americana, muito boa mesmo pode confiar, e tem uma versão a R$ 9,90. Tenho presenteado novos convertidos, quanto a pastores… e eles fazem grande uso da mesma. Recomendo!

  12. Jailson Ferreira de Oliveira Diz

    Vale salientar que a Bíblia Viva é muito boa para estudo!

  13. Thiago Alvim Diz

    Excelente !

  14. Rogerwaters- Diz

    Qual é a Almeida que ele se refere no final do vídeo?

    1. Vinícius Musselman Pimentel Diz

      Revista e Atualizada

  15. Guilherme Ferreira Diz

    Tem também a Bíblia de Jerusalém, dizem que é uma das mais fiéis aos textos originais…fujo de linguagem de hoje…muda totalmente o texto… eu tinha uma Thompson…agora to com uma Genebra que ta me agradando…de vez enquando leio as versões que meu pai tem (um bocado) pra ver traduções diferentes quando quer entender o texto…e arrisco um pouco a (tentar) ler uma bíblia grego-portugues (osso).

  16. Everson Barbosa Vieira Diz

    zc

  17. Everson Barbosa Vieira Diz

    A melhor versão é a palavra de Deus.

    1. Vitória Moreira Diz

      Verdade

    2. Fernando FG8 Diz

      É isso mesmos

    3. luciano Diz

      Apelo em irmao

  18. Diogocc Diz

    Minha dificuldade em adotar uma tradução de equivalência dinâmica no lugar de uma no modelo formal é abrir mão da tarefa da exegese, que nesse caso seria confiada quase que exclusivamente aos tradutores.

  19. convidado Diz

    Amados, levem em consideração o que direi a respeito. Grande é o cuidado com a Palavra de Deus, e melhor dizendo as Escrituras. Com certeza os irmãos mais zelosos e cuidadosos já visualizaram e contestaram a tradução NVI, apesar de nos acomodar devido a linguagem fácil, ao contrário por exemplo das Almeida.
    O que quero dizer é: Pesquizem a respeito da NVI, foram retirados muitíssimos versículos, aduterados muitíssimos também, entre outros gravíssimos problemas, trata-se da Palavra de Deus. Vejam a tradução crítica é a veridica, mais verdadeira…  PESQUISEM!!! A NVI é muito falha, pesquisem no google e análise com as Escrituras, perderão todo o crédito atribuido a NVI. Eu por muito fui moderado, mas há muito o que se falar….OREM!

  20. Leonardo Vinícius Diz

    Não Fhelyp, ela não é traduzida palavra por palavra, ela tem umas notas que são bastante interessantes. Sim, ela muda algumas palavras; algumas não, várias! Mas é muito boa, Recomendo. Compre-a que não se arrependerá!!! Paz do Senhor!

    1. Deivid Diz

      Exatamente o que disse o Leonardo Vinícius, pois uma tradução equivalente formal seria palavra por palavra. O que a Bíblia de Jerusalém não é. Portanto, ela é uma tradução equivalente dinamica.

  21. Paulo Oliveira Marinho Diz

    Nao quero comentar sobre esse assunto, quero sim fazer uma pergunta sobre outro assunto. na criação de Deus, criou o animal com alma ou espirito (fôlego de vida).

    Paulo O. Marinho

    1. Guilherme Zanini Diz

      Watchman Nee dá a melhor explicação para isso

    2. Guy Leite Diz

      Amigo Paulo, a palavra alma vem do latim, “ánima”em português recebeu um “l”no final e assim ficou: animal. Em gêneses 2: 7, lemos: ” Fez o Senhor o homem do pó da terra, sopro-lhe fôlego em suas narinas e ele tornou-se alma vivente” Ora, corpo mais fôlego é igual a alma, isto é animal. Veja em Eclesiastes 3:19-21, o que Deus diz a respeito dos animais.
      Nós, não temos alma, nós, somos uma alma. fomos feitos corpo mais fôlego ,(Gen. 2:7 ) igual a alma.
      Quanto a questão do espirito, no homem é o CARATER , o PSIQUE,que na morte, Deus guarda para devolver-nos no dia da RESSURREICÀO, quando ganharmos um NOVO CORPO E UMA NOVA VIDA, E ESTAREMOS PARA SEMPRE COM O SENHOR.
      I Tessalonicenses 4: 16 e 17.
      Fico a disposição no e-mail: [email protected]

  22. flavio telles Diz

    Na verdade a maioria das versoes têm sua deficiencia,como por exemplo em mateus 26 voçê ver jesus entrando na casa de um leproso e saindo de la sem cura-lo e ali nós vemos dois erros graves, o primeiro é que segundo Levitico 14 um leproso era casa separada ele jamais poderia esta em betania e pior jesus ir ate a casa dele e naõ cura-lo, a explicaçaõ naõ está no grego mas sim no hebraico e aramaico, o tradutor por naõ conhecer os originais aramaico traduziu a palavra garba como garaba isso por que as linguas semiticas naõ tem vogais e ambas as palavras tem o mesmo radical GRB So que uma significa leproso e a outra significa fazedor de vasos foi daí que surgiu esse leproso em betania e nós naõ vemos nenhum tradutor corrigir isso . para mais informaçoes, entre em contato através de meu imail [email protected] .

  23. Guilherme Zanini Diz

    Eu amo a tradução da Bíblia Judaica Completa…corrigiu muitos erros das outras, inclusive retirou uns versículos que não existem no original, tais como o anjo do tanque de betesda que é uma lenda local, que o Copista achou no direito de adicionar, ou por exemplo que deve-se batizar em nome do Pai, filho e Espirito Santo, e no original é somente em nome de Jesus…ou aquele em I Pedro que diz que 3 coisas testificam aqui na Terra, a carne, o sangue e a água, outro versículo adicionado na Tradução de Jerusalem.. gosto muito da Judaica pois corrige, por exemplo, o versículo que diz que Jeremias falou sobre as 30 moedas de prata, enquanto foi Zacarias quem profetizou….Aconselho que leiem e não traduz os nomes originais, por exemplo, Maria é Myrian e Jesus é Yeshua…muito legal…outro ponto…quando se refere a SHALOM é diferente de simplismente traduzir por PAZ, então eles mantêm a SHALOM, pois é mais profundo…tem me ajudado muito…

    SHALOM A TODOS!

    1. tulio Diz

      ai meu caro Guilheme zanini fica uma pergunta todos os que batiza em nome do pai do filho e do Espirito santo este batismo esta errado, por favor me responda baseado na Bíblia meu email e [email protected]

  24. Guilherme Zanini de Sá Diz

    Shalom, creio que o autor desse artigo esteja meio equivocado, e não tenha entendido o intuito do autor da Biblia Judaica Completa…acho que usou somente de falácias no artigo dele, inclusive eles usou um CODEX grego meio estranho, pelo pouco que estou estudando de grego, vejo que o não há nada de errado na tradução do Davih, muito pelo contrário, é muito excelente…inclusive as traduções atuais também são muito tendenciosas, quando por exemplo traduzem, o fim da lei é Cristo, quando na verdade é o sentido de a finalidade da lei é o Messias…essa é a tradução mais correta…então continuo crendo, ser uma das melhores traduções…vale lembrar também que a tradução deve ser como uma mãe para o povo…no qual eles possam entender completamente o que se lê, por exemplo em alguns lugares da África (onde se conhecem somente mandioca e não pão) a tradução poderia ser Jesus é a mandioca da vida, completamente viável para a cultura local…pois a palavra (Jesus) é vivo….
    Shalom, abraços..

  25. Marcelo Diz

    Este homem não crê na inspiração e na preservação da palavra de Deus e portanto é um herege.
    Também vale lembrar que quem faz piadinhas com textos da palavra de Deus é um profano.

    A Biblia deve ser traduzida palavra por palavra utilizando a equivalencia formal, pois, a equivalencia dinamica leva em consideração a interpretação humana e o cristão verdadeiro sabe realmente que o unico que pode dar ao homem o significado do texto sagrado é o Espirito Santo.

    Fujam das Biblias modernas e voltem-se para as mais antigas.

    1. Vinícius Musselman Pimentel Diz

      Marcelo, se ele não crê me explique este vídeo:
      http://www.youtube.com/watch?v=91QHD5EdCzM

    2. Lu Diz

      Na minha opinião, independente da versão utilizada, estando nós na presença do Espírito Santo, não haverá esquivoco algum, pois todas expressam em comum a Palavra de Deus, eu penso como na Torre de Bbel, Deus confundiu as línguas, as formas de comunicação verbal, então, o que vale é entender o querer de Deus.

    3. Fernando FG8 Diz

      A melhor resposta que vi até agora, e é exatamente isso. Todas as versões da Bíblia falam de Jesus como Senhor e Salvador, e é isso que devemos entender, pois a Bíblia do começo ao fim faz alusão ao Filho Unigênito de Deus. Deixemos essas coisas de lado meus irmãos vamos ser cristãos de coração, a Bíblia nos mostra O Caminho não vamos nos importar com que letra está escrito o Mapa e sim aonde Ele nos leva.

  26. Vitória Moreira Diz

    Eu gosto de usar pra estudos e devocionais a NVI pois a linguagem é mais clara mais explicativa,mas pra acompanhar pregações eu uso a ARA porque é mais formal e com palavras mais próximas com as do original (no sentido de tradução é exatamente do mesmo significado.)

  27. Gustavo Barreto Diz

    Eu acho engraçado as pessoas julgarem uma determinada tradução da bíblia sem antes lê-la. Eu falei dessas traduções porque eu as uso. E quero te dizer o seguinte: o meu maior embate teológico recentemente foi sobre a validade ou não da Torah. E adivinha só? Foram as epístolas de Gálatas e Hebreus da própria tradução de David Stern que me esclareceram sobre a invalidez da Torah. Coisa que na versão ARC eu não havia compreendido. Quero ressaltar também que, antes de comprar a BJC, li esse artigo que você indicou (e o considerei falacioso e tendencioso), e recebi recomendações do meu amigo Jeferson (cujo comentário está lá embaixo) que, além de usar aquelas três traduções que indicou (BJC, NTLH e VIVA), ainda usa mais outras duas ou três com finalidade de organizar estudos e comparar traduções. Nada melhor do que receber recomendação de uma pessoa que usa várias traduções diferentes para estudar. Então pra finalizar, peço que reveja sua opinião e dê uma oportunidade a essa bíblia, e leia antes de tirar conclusões.

    Graça e Paz.

    1. luciano Diz

      todas as traduções são válidas elas ajudam a aprimorar o entendimento do assunto.Eu amo a Genebra,coisa pessoal.

  28. T.SILVA Diz

    Tito 3;9 …

  29. Augusto Men Diz

    Eu não vejo problema em utilizar uma tradução dinâmica, caso ela seja feita moderadamente, e principalmente – com base num manuscrito com boa reputação – como é o Textus Receptus. Pelo que estudei, não confio muito no Texto Crítico, ou em suas traduções – mas não os descarto, pois ajudam no entendimento.

    Mas nesse sentido, a Bíblia é diferente no Tanakh ou do Quran, porque a Bíblia não foi escrita para permanecer no idioma dela, mas sim para que todos os povos a leiam e entendam. E por isso, como a linguagem muda, é impossível ler uma tradução da Bíblia do português de 1600. Logo, é necessário retraduzir sempre.

    O Rev. Augustus foi preciso em dizer que a “mensagem geral” da Bíblia não é perdida com algumas pequenas adaptações na tradução (e eu creio que isso sim é a preservação divina da sua Palavra), mas conforme você se aprofunda no estudo bíblico, é obrigado a ser mais purista e detalhista na tradução; se possível, aprender grego e hebraico e estudar as versões originais.

  30. Janes Janderson Diz

    Indescritivel!
    maravilha.

  31. Deolinda Batalim Diz

    Obrigada

  32. Paulo Roberto Diehl Diz

    Shalom. Está aí uma explicação detalhada sobre quais as melhores versões bíblicas, por quem entende… Detalhe ao final ele indica como sua preferida a "ALMEIDA REVISTA E ATUALIZADA" que é a preferida no meio Apostólico, enfim por quem ENTENDE…Vale a pena assistir…

    1. Suede Santos Diz

      paulo e pedro e os 12 de Jesus? Só se for

  33. Ismael Roncolato Diz

    Maravilha

  34. Wagner Barbosa Diz

    Atualmente estou lendo a Bíblia Judaica Completa a obra é muito boa e apresenta uma listagem aonde mostra-se as profecias cumpridas em Yeshua ( Jesus Cristo) nosso Senhor e Salvador!

  35. Sérgio Diz

    A melhor bíblia a se usar é a que não esconde o nome de Deus, Jeová!

    1. edmilson Diz

      jeova é uma forma errada inventada o nome é JAVÉ

  36. Dioney Ramos Diz

    Respeito a opinião de todos, espero que respeitem a minha também: É fato que a maioria das traduções não somente afeta sim os assuntos mais importantes da Bíblia, como também adulteram e enxertam opiniões pessoais nas traduções, principalmente as traduções de João Ferreira de Almeida. O ideal, na minha opinião, é utilizarmos todas as versões disponíveis. Pra mim é fato que a Bíblia Hebraica (AT) e Nova Versão Internacional (NT) são as mais próximas da Verdade Original.

    1. Dioney Ramos Diz

      Lembrando que cada um é livre para acreditar no que quiser. (y)

  37. disqus_dZMppVidUn Diz

    olaa amigos a paz p todos, gostaria de ter uma biblbia destas king james em portugues,nao tenho condiçao de conpra-la . se auguem poder me presentear seria muito grato, sei qu existe muito gente mentiroso, mas so quero ter uma destas biblia.meu email, p quem poder me da é esse, [email protected], me emvie uma mensagem que mando o indereço p envio, que deus o abençoe.

  38. Joaquim Almeida Diz

    Discordo 100%, péssima tentativa.

  39. Alvaresto Tomir Diz

    Tenho, Graças a Deus, tido a oportunidade de conhecer várias versões tanto reformadas quanto católicas. O termo da minha pesquisa tem sido o cap.33:19 de Êxodo. Em geral e até aqui, as traduções reformadas tem trazido o termo "Bondade". E as católicas, os termos "Glória" ou "Esplendor". Num livro que li já faz algum tempo de autoria de um professor de linguas orientais em uma das Universidades da Itália, escrevendo sobre Moisés, ele usou o termo "majestade", quando traduziu o termo. Ora, bondade é abstrado não tem como se observar. Em Apocalípse, a visão que João teve do Filho de Deus foi de "Resplendor", de "Majestade", não de bondade ou amor. Eu gostaria de saber se algum dos que lerem aqui e conhecerem uma tradução reformada sobre o termo mais apropriada, diferenciada das traduções comuns ou derivadas de Almeida, por favor me informassem como eu poderia adquirir uma unidade, é claro em português de preferência.

  40. Pr. Jadir David Diz

    Em nossa igreja usamos a Versão Revista e Atualizada, mas eu tenho lido a Nova Bíblia Viva e tenho gostado, até recomendei para os professores do nosso departamento infantil, é uma linguagem muito prática.

    Pr. Jadir David / Igreja Cristã Nova Vida de Porto Seguro -BA

  41. Emerson Massoli Diz

    a paz! eu também a Almeida revista e atualizada, gosto de ler a n.v.i.

  42. Sérgio A. Machado Pires Diz

    Excelente e sucinta explanação acerca das traduções bíblicas em português.

  43. olga martins Diz

    A Almeida não é a correta pois designa Deus como Senhor, sendo q Senhor em hebraico é baal. A bíblia correta o Criador tem q estar como Eterno.

  44. Eribaldo Diz

    Me espanta vê gente herdeira da fé reformada rejeitando o texto bíblico do qual os reformadores tanto se utilizaram. Todos parecem tão felizes com o texto que não é o texto da reforma denominado texto receptus (recebido). Quase todos exultam-se no texto crítico de origem romana. As piores bíblias ao meu ver mais utiliazadas são as ARA e NVI. A única no Brasil que utiliza o texto da reforma ao qual pode se dignar-se de ser chamada de Almeida é a ACF. As demais são puro marketing, pois utilizam não o texto receptus, mas o texto crítico não utilizado originalmente por João Ferrreira de Almeida.

  45. Vívian Santiaggo Diz

    Alguém poderia me falar o nome de uma Bíblia que utilize os nomes Yah e Yehoshua, eu gostaria de comprar!!!!!!!! Eu ficaria mt grata se alguém pudesses me ajudar nisso!

  46. Alessandro E Paloma Diz

    Gosto muito da RC para estudo. Acho também muito útil a NTLH para discipulado em grupo e individual.

  47. Alessandro Andrade Diz

    Vivian Santiago Biblia king James Atualizada em portugues!Utilizo e recomendo!

  48. Émerson Oliveira Diz

    horrível esse vídeo, peço que peguem vários tipos de Bíblia e comparem os textos
    É GRITANTE A DIFERENÇA… ALMEIDA CORRIGIDA OU FIEL… não abro mão destas
    NVI foram retirados muitos textos

    Vamos percorrer o NT, através da NVI, comparando-a com a Bíblia FIEL ou com a REVISTA E CORRIGIDA.

    Alguns dos textos citados possuem um b minúsculo ou * na Bíblia NVI declarando no rodapé (final da página) que – “Alguns manuscritos antigos não trazem estes versículos” – para enganar o leitor. Então fique atento pois na NVI tem o b ou o * mais na FIEL ou na REVISTA E CORRIGIDA não pois não fizeram alterações nestas versões e elas são as que mais se aproximam da original.
    Tenha a NVI e a FIEL ou REVISTA E CORRIGIDA em mãos e compare os textos.

    Mateus 1:25 – Substituição da expressão “Seu filho, o Primogênito” por “um filho”. Ou seja, passa a ser um filho qualquer.
    MT. 9:13 – Subtração (retirada) de duas palavras “ao arrependimento”.
    MT.16:2-3 – A NVI coloca em dúvida a veracidade dos versículos com esta explicação, que será repetida dezenas de vezes: “Alguns manuscritos antigos não trazem estes versículos” (*).
    Acontece que esses “manuscritos antigos” são os textos católicos Sinaiticus (Aleph) e Vaticanus (B), o primeiro encontrado no lixo do Mosteiro de Santa Catarina, no Monte Sinai, por um incrédulo“catador de lixo” chamado Tischendorf.
    MT.17:21 – Substituição da expressão “casta de demônios” por uma simples palavra, “espécie”.
    MT. 18:11 – Possuem o * ou b na versão da NVI.
    MT. 21:44 – Possuem o * ou b na versão da NVI.
    MT. 23:14 – Possuem o * ou b na versão da NVI.

    Marcos 2:17 – Subtração da expressão “ao arrependimento”.
    MC.. 7:16 – Possuem o * ou b na versão da NVI.
    MC.16:9-20 – Possuem o * ou b na versão da NVI. Isso, obviamente, para colocar em dúvida a Ressurreição e Ascensão do Senhor Jesus Cristo.

    Lucas 4:4 – Subtração da expressão: “… mas de toda a palavra de Deus”.
    LC. 23:34 – Possuem o * ou b na versão da NVI.
    LC. 23:42 – Substituição da palavra “Senhor” por “Jesus”, bem ao gosto das TJs e dos espíritas, que não crêem na divindade de Cristo.

    João 3:13 – Subtração da expressão “que está no céu”, depois de “o Filho do homem”.
    JO.3:15 – Subtração da expressão “não pereça, mas”, antes de “tenha a vida eterna”.
    JO.5:4 – Substituição da palavra “Porquanto” pela expressão “De vez em quando”.
    JO. 6:47 – Subtração da expressão “crê em mim”, obviamente para deixar somente “Crê”, pois os espíritas, novaerenses, TJs e Mórmons também “crêem”, só que não na divindade de Cristo.

    Atos 8:37 – Possuem o * ou b na versão da NVI. Pior é a BLH, cuja edição, com o imprimatur da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, de 04/01/1975, OMITE esse versículo, a fim de negar a divindade do Senhor Jesus Cristo. 10:30 – Subtração da expressão “em jejum”, antes de“orando”.

    Romanos 8:1 – Subtração da expressão “Que não andam segundo a carne, mas segundo o Espírito”. Isso facilita a prática do pecado.
    RM. 9:5-6 – Substituição da expressão “segundo a carne” por “linhagem humana” e acréscimo (v. 6) da palavra “pensemos”. Deus proíbe acréscimos à sua Palavra e os editores da NVI são especialistas em cometer esse PECADO.
    RM. 14:10 – Substituição da palavra “Cristo” por “Deus”, negando, assim, que todos nós comparecemos diante do Tribunal de Cristo, conforme a 2 Coríntios 5:10.

    1 Coríntios 3:15 – Acréscimo da palavra “esse”, deturpando completamente a significação do verso e dando margem à crença na existência do purgatório.
    1 CO. 5:7 – Subtração da expressão “por nós”, em seguida a “foi sacrificado”, a fim de negar o sacrifício vicário de Cristo em nosso favor.
    1 CO. 6:20 – Subtração da expressão final “… e no vosso espírito, os quais pertencem a Deus”.

    Colossenses 1:14 – Subtração da expressão “pelo seu sangue”, depois da palavra“redenção”. Mais uma tentativa diabólica de negação do valor salvífico do sangue do Senhor Jesus Cristo.

    2 Tessalonicenses 2:8 – Substituição da palavra “iníquo” por “perverso”, que é mais leve. Perversos e pervertedores são os traficantes de drogas e aqueles que “pervertem” a Palavra de Deus, enquanto que “iníquo”, isto é, capaz das piores atrocidades espirituais, será o Anticristo.

    1 Timóteo 3:16 – Substituição da expressão “na carne”, pela expressão “em corpo”, bem ao gosto dos espíritas e novaerenses.

    1 Pedro 2:2 – Substituição da expressão “vades crescendo” (obviamente na salvação) por “cresçam para a salvação”, dando margem às boas obras do Catolicismo Romano, necessárias à salvação.

    I PE. 4:1 – Substituição da expressão “na carne” pela palavra “corporalmente”, bem ao gosto dos espíritas e novaerenses.

    1 João 4:3 – Subtração da expressão ”que Jesus Cristo veio em carne” pela simples palavra “Jesus”, diluindo a divindade do Senhor.

    1 JO. 5:7-8 – Aqui a NVI dá uma boa “colher de chá” para todos os hereges, que se auto-intitulam “evangélicos”, negando a Trindade. Em vez de dizer no verso 7, como a BKJ “and these three are one” e no verso 8 “these three agreed in one”, a NVI subtraiu a parte final do verso 7 e no verso 8 usou a expressão “os três são unânimes”, em vez de “estes três concordam num”, como também lemos na FIEL E REVISTA E CORRIGIDA. Ela ainda põe em dúvida a veracidade desses dois versos, com a clássica afirmação de que parte do mesmo não consta nos manuscritos, antes do século 12, etc. O crente novo, com o aval dos pastores ambiciosos, vai se alimentando de “leite poluído” e, em vez de crescer, acaba adoecendo gravemente e, muitas vezes, até morrendo de desnutrição espiritual.
    I JO. 5:16-17 – A linguagem está rebuscada demais, a fim de confundir os leigos. Esse método é sempre usado pelo Cardeal Ratzinger, líder atual da Inquisição Católica, a fim de que o leigo fique boiando no assunto e só entenda o que convenha aos editores…

    Apocalipse 1:8 – Aqui a NVI saiu completamente do sério, ao omitir as palavras de Jesus: "Eu sou o Alfa e o Ômega, o primeiro e o derradeiro” na NVI está entre aspas, a fim de negar a divindade do nosso Senhor Jesus Cristo, agradando, assim, a gregos e troianos, e podendo faturar milhões às custas dos pastores (muitos deles, semi-analfabetos bíblicos) e dos leigos incautos, que preferem um bom filme na TV a uma santa excursão pela Bíblia FIEL da Trinitariana.
    AP; 8:13 – Aqui a NVI seguiu o mesmo caminho das outras versões novas e foi até o zoológico, a fim de lá conseguir uma “águia”, a qual saiu voando neste versículo, substituindo a “anjo” da BKJ e da FIEL.
    AP.11:17 – Omissão da expressão “e que hás de vir”, depois de “e que eras”, negando a volta de Jesus. Troca do verbo “reinaste” pela expressão “começaste a reinar”, cujo significado é bem diferente.
    Estes são apenas ALGUNS dos milhares de erros doutrinários observados na Bíblia NVI, cuja linguagem é linda demais… Contudo, leiam a 2 Coríntios 11:14 e fiquem atentos!!!

    "Porque nós não somos como muitos, falsificadores da palavra de Deus…" 2Cor. 2:17

  49. Jorge Ferreira Lima Santos Diz

    Biblia Judaica completa o Tanakh e a B'rit Hadashah. Tradução do original para o inglês David H. Stern e do inglês para o português por Rogerio Portela.

  50. Vox Populi Non Vox Dei Diz

    Você repete essa fonte como se fosse um papagaio (nesse caso não falando, mas postando), mas, você mesmo já comparou sua ”santa bíblia evangélica” com os manuscritos originais e depois fez a mesma coisa com a Judaica Completa, para ver qual das duas se aproxima mais dos originais? Ou você simplesmente fica caçando opiniões de terceiros, opiniões estas que massageiam sua forma de pensar já estabelecida?

    Você pega um miniestudo, uma minicrítica de um blogzinho reformado e toma como verdade absoluta e ainda assina como opinião sua? Nossa, como você é fraco nos quesitos -> identidade e opinião própria.

    Por que você mesmo não pega os códices, visite locais do Oriente Médio e da Europa que tenham os manuscritos e não confere você mesmo? Qual o seu medo? Aliás, qual o medo de todos os cristãos do meio protestante? Adoram demonizar a bíblia católica e falar de seus livros apócrifos, mas, agora que a verdade tem chegado e a coisa ficou feia para a mentirosa bíblia evangélica, seus versículos acrescentados/apócrifos e suas traduções nada idôneas, vocês dão um jeito de desconversar e chamam de ”seita” todo mundo que tem a coragem de desmascarar a bíblia cristã.

    Outra coisa, você não percebe que a ladainha dos reformados é sempre a mesma? É óbvio que eles vão tentar denegrir tudo que é judaico (embora o dono do blog diga não ser antissemita), afinal, cristãos protestantes tem um grande histórico de antissemitismo.

    Pense por você mesmo! Julgue as coisas você mesmo! Não tenha medo de questionar suas crenças, sua fé. Vocês ficam desesperados quando mentiras como a ”santíssima trindade” (que tem apoio exatamente nesses versículos fajutas acrescentados posteriormente) e outras doutrinas humanas ridículas são desmascaradas.

  51. Vox Populi Non Vox Dei Diz

    Lucas,

    Você repete essa fonte do ”sola scriptura” como se fosse um papagaio (nesse caso não falando, mas postando), mas, você mesmo já comparou sua ”santa bíblia evangélica” com os manuscritos originais e depois fez a mesma coisa com a Judaica Completa, para ver qual das duas se aproxima mais dos originais? Ou você simplesmente fica caçando opiniões de terceiros, opiniões estas que massageiam sua forma de pensar já estabelecida?

    Você pega um miniestudo, uma minicrítica de um blogzinho reformado e toma como verdade absoluta e ainda assina como opinião sua? Nossa, como você é fraco nos quesitos -> identidade e opinião própria.

    Por que você mesmo não pega os códices, visite locais do Oriente Médio e da Europa que tenham os manuscritos e não confere você mesmo? Qual o seu medo? Aliás, qual o medo de todos os cristãos do meio protestante? Adoram demonizar a bíblia católica e falar de seus livros apócrifos, mas, agora que a verdade tem chegado e a coisa ficou feia para a mentirosa bíblia evangélica, seus versículos acrescentados/apócrifos e suas traduções nada idôneas, vocês dão um jeito de desconversar e chamam de ”seita” e de ”judaizante” todo mundo que tem a coragem de desmascarar a bíblia cristã.

    Outra coisa, você não percebe que a ladainha dos reformados é sempre a mesma? É óbvio que eles vão tentar denegrir tudo que é judaico (embora o dono do blog diz não ser antissemita), afinal, cristãos protestantes tem um grande histórico de antissemitismo.

    Vocês ficam desesperados quando mentiras como a santíssima trindade (que tem apoio exatamente nesses versículos fajutas acrescentados posteriormente), imortalidade da alma, inferno, novo casamento, morte de Jesus numa sexta-feira e outras doutrinas humanas ridículas são desmascaradas.

    Pense por você mesmo! Julgue as coisas você mesmo! Não tenha medo de questionar suas crenças, sua fé, sua religião e igreja. Mas quando fizer isso, como eu disse, faça você mesmo e não com o auxílio deficiente e duvidoso de terceiros.

  52. Vox Populi Non Vox Dei Diz

    Roschelyh, a mesma coisa que falei ao Lucas vale para você…

    Você expõe essa fonte do ”sola scriptura” como se fosse um papagaio (nesse caso não falando, mas postando), mas, você mesmo já comparou sua ”santa bíblia evangélica” com os manuscritos originais e depois fez a mesma coisa com a Judaica Completa, para ver qual das duas se aproxima mais dos originais? Ou você simplesmente fica caçando opiniões de terceiros, opiniões estas que massageiam sua forma de pensar já estabelecida?

    Você pega um miniestudo, uma minicrítica de um blogzinho reformado e toma como verdade absoluta e ainda assina como opinião sua? Nossa, como você é fraco nos quesitos -> identidade e opinião própria.

    Por que você mesmo não pega os códices, visite locais do Oriente Médio e da Europa que tenham os manuscritos e não confere você mesmo? Qual o seu medo? Aliás, qual o medo de todos os cristãos do meio protestante? Adoram demonizar a bíblia católica e falar de seus livros apócrifos, mas, agora que a verdade tem chegado e a coisa ficou feia para a mentirosa bíblia evangélica, seus versículos acrescentados/apócrifos e suas traduções nada idôneas, vocês dão um jeito de desconversar e chamam de ”seita” e de ”judaizante” todo mundo que tem a coragem de desmascarar a bíblia cristã.

    Outra coisa, você não percebe que a ladainha dos reformados é sempre a mesma? É óbvio que eles vão tentar denegrir tudo que é judaico (embora o dono do blog diz não ser antissemita), afinal, cristãos protestantes tem um grande histórico de antissemitismo.

    Vocês ficam desesperados quando mentiras como a santíssima trindade (que tem apoio exatamente nesses versículos fajutas acrescentados posteriormente), imortalidade da alma, inferno, novo casamento, morte de Jesus numa sexta-feira e outras doutrinas humanas ridículas são desmascaradas.

    Pense por você mesmo! Julgue as coisas você mesmo! Não tenha medo de questionar suas crenças, sua fé, sua religião e igreja. Mas quando fizer isso, como eu disse, faça você mesmo e não com o auxílio deficiente e duvidoso de terceiros

  53. Vívian Santiaggo Diz

    Alguém poderia me falar o nome de uma Bíblia que utilize os nomes Yah e Yehoshua, eu gostaria de comprar!!!!!!!! Eu ficaria mt grata se alguém pudesses me ajudar nisso!

  54. Antonio Fernandes Diz

    Baixei a Bíblia Viva que é uma versão paráfrase muito apreciada nas igrejas e fiquei horrorizado, simplesmente condensaram os dois primeiros versículos do Evangelho de João num único verso, mutilando pontos sobre a divindade de Cristo tão caros à cristandade, sobretudo aos novos na fé. Onde estamos acostumados a ler que "No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo ERA Deus" simplificaram para "Antes de existir qualquer coisa, Cristo já existia, e estava com Deus", nenhuma menção direta à divindade do Senhor Jesus. Então, todo cuidado é pouco e se quiser ler uma destas versões populares como a Viva ou Linguagem de Hoje, faça-o apenas como apoio à leitura de uma versão tradicional e literal, de preferência a Almeida Corrigida-Fiel, a melhor.

  55. fernando Diz

    A teologia da subistuiçao,de Israel pela Igreja,Gostaria de saber qual sua opiniao.

    1. Rosângela Diz

      A igreja não substitui Israel de forma alguma. Somos como diz a BIblia ” fomos como que enchertados na figueira”. Há um tempo programado por Deus para a igreja e outro para as profecias para Israel se cumprirem. De Israel serão levantados os 144.000 que trarão o povo para o arrependimento. Eu abençoou a Israel e amo de coração e mente este povo.

  56. Cássio Sousa de Assis Diz

    Pessoal… eu assumo que uso a Bíblia Católica Jerusalém… Todas as vezes que tenho dúvidas entre a Jfa a Mvi e as mais modernas e penso e pesquiso na mais rica tradução, cheio a uma conclusão que depois confiro com essa jerusalém e bate direitinho. O português dele é Bem mais rebuscado e rico e ela também eh bem mais cara que as outras. Pesquisei e vi que eh por causa do trabalho de tradução que que foi bem mais complexo e custoso.

  57. Salim Dutra Loures Diz

    Parabéns
    Émerson Oliveira, pela sua exposição eu não entendo tanto de Grego, mas aprendi a ler, e o pouco que aprendi tem me ajudado muito a ver como que temos necessidade de uma versão confiável, uma das passagens que você Rm 14:10> συ δε τι κρινεις τον αδελφον σου η και συ τι εξουθενεις τον αδελφον σου παντες γαρ παραστησομεθα τω βηματι του χριστου Romanos 14:10, traduzir tribunal de Cristo, por tribunal de Deus, isto não é tradução?, a gente perde a credibilidade na dita versão que faz isso.

  58. Deivid Diz

    Fhelyp Guimarães, a Bíblia de Jerusalém é uma tradução equivalente dinamica

  59. Diego Lucas Diz

    Bom primeiramente gostaria de dizer que admiro muito o trabalho Rev. Nicodemos, seu livro “apóstolos” é uma obra prima. Agora sobre a questão das traduções bíblicas é uma vergonha que uma igreja histórica como a igreja presbiteriana, que denomina-se ser uma igreja reformada, rejeita os textos que os reformadores utilizaram pra traduzir suas bíblias e utiliza uma bíblia liberal que coloca em xeque tanto a doutrina da preservação das escrituras, quanto um dos pontos fundamentais da reforma o “sola scriptura”. Ainda ter que ouvir um homem como o Rev. Augusto Nicodemos distorcendo a questão verdadeira sobre o texto receptiva e o texto critico.

Comentários estão fechados.