um site cristão por Cristo e pelo Evangelho

A Ressureição (Exegese Visual)

Explicação da imagem

I Coríntios 15:31, “Visto que a morte veio por um homem, também por um homem veio a ressurreição dos mortos.”

A Ressurreição

Quando Paulo fala da ressurreição, ele tem em mente mais que mera ideia de ressurreição dos corpos dos crentes (como ele deixa claro nos versos 35-42, e mais ainda em Romanos 8: 18-25). Em última análise, a “ressurreição” implica a regeneração de toda a criação. Toda a realidade criada está agora em “forma de semente”, de acordo com I Coríntios 15:35. Isso certamente inclui os seres humanos, mas também árvores e estrelas e animais e planetas… Todas essas coisas são “sementes vazias” e todas elas designaram “corpos de ressurreição” que se correlacionam às suas formas atuais. Vivemos em um universo de sementes em vários estágios de semeadura (o que parece ser degradante neste estágio); está chegando o dia em que todos serão plantados e todos eles serão ressuscitados para uma vida nova, imperecível e espiritualmente sintonizada.

Em Cristo

Tudo o que quero considerar neste post é que isso não aconteceria fora de Cristo – à parte de Sua crucificação e posteriormente de sua ressurreição. Se o Filho de Deus não tivesse unido a realidade criada a Si mesmo, suportado sua morte, e ressuscitado em Si mesmo para Deus – se Cristo nunca tivesse existido, então a criação seria uma descendente interminável e imutável para a aniquilação. A morte seria a única realidade.

Mas porque Cristo é; porque Deus – desde antes de chamar as coisas à existência – ordenou que o Filho deveria eternamente e perfeitamente unir a realidade criada a Si mesmo, deveria experimentar em Si mesmo a plenitude da morte da criação (material e imaterial) deveria suportar na cruz não apenas uma realidade de não ser igual a Deus, mas também a obstinada oposição da humanidade a Deus e a ira pessoal de Deus contra tal oposição, e – tendo levado essas coisas aos seus infinitos limites (na verdade, tendo estabelecido seus limites em sua própria experiência), que Ele deveria então ser ressuscitado para uma nova vida, carregando tudo o que Ele uniu para si mesmo na vida imortal de Deus; porque Deus assim fez… Existe e haverá ressurreição dos mortos para todos os que estão em Cristo e, neles, para toda a criação.

Todo o padrão de realidade da morte para a vida – nascer e pôr do sol, semear e colher, comer, beber, dormir e acordar, o processo de reprodução, as experiências emocionais da vida humana, e assim por diante – O padrão existe apenas porque desde o início dos tempos, foi ordenado que o Filho de Deus fosse encarnado, morresse e ressuscitasse, declarando assim o Nome de Deus ao universo e propiciar a existência criada – com os humanos à frente – vida eterna com e em Deus.

Por: Chris Powers. © Full of Eyes. Website: fullofeyes.com. Traduzido com permissão. Fonte: The Resurrection.

Original: A Ressureição (Exegese Visual). © Voltemos ao Evangelho. Website: voltemosaoevangelho.com. Todos os direitos reservados. Tradução: Filipe Filgueiras. Revisão: Filipe Castelo Branco.

1 comentário
  1. Lucas Diz

    Obs: O versículo é o 21 e não o 31 de Coríntios.

Comentários estão fechados.