Como o Espírito trabalha o verdadeiro arrependimento

Joel Beeke ensina como o Espírito trabalha o verdadeiro arrependimento em lamentarmos, confessarmos, abandoarmos o pecado e clamarmos por misericórdia

Versão para celular

em breve

Texto base: Salmo 51

Arrependimento é um assunto central e importante na Bíblia, no entanto tem sido tão negligenciado em nossos dias.

No NT a palavra principal para arrependimento é metanoia: disposição interior para mudar.

“Arrependimento para a vida é uma graça salvadora pela qual o pecador, tendo um verdadeiro sentimento do seu pecado e percepção da misericórdia de Deus em Cristo, se enche de tristeza e de horror pelos seus pecados, abandona-os e volta para Deus, inteiramente resolvido a prestar-lhe nova obediência.” (Breve Catecismo de Westminster, P. 87)

No Salmo 51, podemos ver 4 formas como o Espírito trabalha o verdadeiro arrependimento.

1) Abre nossos olhos para a necessidade de lamentarmos o nosso pecado.

A lamentação bíblica começa com um novo senso da pecaminosidade do pecado. Nos versículos 1-2, Davi usa três termos diferentes para falar de seu pecado: transgressões (rebelião contra a autoridade suprema de Deus), iniquidade (impiedade interior que perverte a nossa alma), pecado (errar o alvo de glorificar a Deus e servir o nosso próximo). O Espírito Santo já abriu seus olhos para lhe ver como você de fato é através do espelho da lei de Deus? Davi viu (veja o v. 4)

2) Move nossos corações para confessar pecados específicos

Crimes de sangue (v. 14) significavam pecados de sangue que mereciam a pena de morte (que incluía o pecado de adultério e assassinato). Davi confessou especificamente seus pecados e confessou toda a culpa de seus pecados. Ele não colocou a culpa nos outros ou nas circunstâncias. O verdadeiro arrependimento não esconde nada de Deus e entrega tudo a sua justiça.

3) Redireciona nossos pés para abandonar o pecado

O arrependimento contém emoções, mas se não passar de emoções não é verdadeiro arrependimento. Muitas pessoas podem lamentar as consequências do pecado, mas não estar verdadeiramente arrependimento.

Davi ora para que Deus o lave completamente do seu pecado (v. 2), não só uma lavagem exterior. O verdadeiro arrependimento não é algo rápido, mas uma dor sincera no coração que nos leva a modificar nossas vidas e redireciona a nossa vontade.

O arrependimento tem um lado negativo (afastar-se do pecado) e um positivo (olhar para Cristo e aproximar-se de Deus). Davi diz

4) Libera nossas línguas para clamarmos por misericórdia

A fé sempre está junta com o arrependimento verdadeiro e ela leva a pessoa arrependida a olhar para Cristo, a fim de que não caia em desespero. O verdadeiro arrependimento não é como o de Esaú, que buscou com lágrimas, mas não confiou em Deus. O arrependimento nunca se esconde de Deus, mas, como Davi, confia na graça: “coração compungido e contrito, não o desprezarás, ó Deus” (v. 17).

O arrependimento trabalhado pelo Espírito é sempre a restauração trabalhada pelo Espírito por causa de Jesus Cristo.

Veja outros vídeos da Conferência Fiel Juntos 2014

Acompanhe às reprises da Conferência Fiel Juntos 2014, onde estamos estudando nas Escrituras “A Obra do Espírito Santo”.

Por: Joel Beeke. © 2014 Ministério Fiel. Original: Como o Espírito trabalha o verdadeiro arrependimento.

Gravado na Conferência Fiel Juntos 2014.

3 Comentários
  1. Rutilene Barreto Barreto Diz

    A misericordia sempre chega a Jesus Cruisto e de modo algum nos lançará fora. O Espirito quebtantado e com conraçao contrito chega ao compraz em deus e termina em Jesus. Jesus pagou por todos os nososs pecados !

  2. Carolina Almeida Diz

    Amei , me ajudou bastante na minha condição de pecadora redimida! , Deus tenha misericórdia the minha vida!

  3. #Lucas Diz

    Você pode considerar o erro, como algo á não se levar em consideração/á serio, ou utiliza-lo como o principio para mudanças.

Comentários estão fechados.