um site cristão por Cristo e pelo Evangelho

Thomas Watson – Uma Exortação Para Amar a Deus [4/6]

O Voltemos ao Evangelho está traduzindo o livro Um Tônico Divino, do puritano Thomas Watson. Confira os capítulos já traduzidos:

  1. As melhores coisas cooperam para o bem [Parte 1 | Parte 2 | Parte 3 | Parte 4 | Parte 5]
  2. As piores coisas cooperam para o bem [Parte 1 | Parte 2 | Parte 3 | Parte 4 | Parte 5 | Parte 6 | Parte 7 | Parte 8]
  3. Por que todas as coisas cooperam para o bem do homem piedoso? [Parte 1 | Parte 2 | Parte 3]
  4. Sobre o Amor a Deus [Parte 1 | Parte 2 | Parte 3]
  5. Os Testes do Amor a Deus [Parte 1 | Parte 2 | Parte 3 | Parte 4 | Parte 5 | Parte 6]
  6. Uma Exortação Para Amar a Deus [Parte 1 | Parte 2 | Parte 3 | Parte 4 | Parte 5 | Parte 6]

1. Uma exortação (cont.)

(12) O relacionamento estabelecido entre nós e Deus demanda amor. Há íntima afinidade. “Porque o teu Criador é o teu marido” (Is 54.5). E acaso uma esposa não amará o seu marido? Ele é cheio de ternura: Sua esposa é para Ele como a menina de Seus olhos. Ele se regozija nela, como o noivo se alegra na noiva (Is 62.5). Ele ama o crente, assim como ama a Cristo (Jo 17.26). O mesmo amor em sua qualidade, embora não em igual medida. Por essa razão nós devemos amar a Deus, ou daremos ocasião para suspeitarmos de que ainda não estamos de fato unidos a Ele.

(13) O amor é a graça mais duradoura. Ela permanecerá conosco quando outras graças disserem adeus. Nos céus, nós não precisaremos de arrependimento, pois não teremos pecado. Nos céus, nós não precisaremos de paciência, pois não haverá aflição. Nos céus, nós não precisaremos de fé, pois a fé olha para as coisas que não se vêem (Hb 11.1). Porém, então, nós veremos a Deus face a face e, onde há visão, não há necessidade de fé. Todavia, quando as outras graças forem obsoletas, o amor continua; e, nesse sentido, o apóstolo diz que o amor é maior do que a fé, pois é mais duradouro. “O amor jamais acaba” (1Co 13.8). A fé é a bengala com a qual nós andamos nesta vida. “[Nós] andamos por fé” (2Co 5.7). Mas nós haveremos de deixar essa bengala na porta dos céus, e apenas o amor entrará. Assim, o amor prevalece sobre todas as outras graças. O amor é a graça de vida mais longa, é um botão de flor da eternidade. Como nós deveríamos nos esforçar para ser excelentes nessa graça, a qual sozinha há de estar conosco nos céus, e há de nos acompanhar na ceia das bodas do Cordeiro!

(14) O amor a Deus jamais deixará o pecado brotar no coração. Algumas espécies de plantas não brotam quando crescem juntas:o amor a Deus faz murchar o pecado. Embora o velho homem ainda viva, ele é um homem doente, fraco e quase sem fôlego. A flor do amor mata a erva daninha do pecado e, embora o pecado não morra completamente, ele morre diariamente. Como nós deveríamos trabalhar por essa graça que é o único corrosivo capaz de destruir o pecado!

(15) O amor a Deus é um excelente meio para o crescimento da graça. “Antes, crescei na graça” (2Pe 3.18). O crescimento na graça é muito prazeroso para Deus. Cristo aceita a graça que é genuína, mas elogia a graça que aumenta; e o que pode mais promover e aumentar a graça do que o amor a Deus? O amor é como a água que rega a raiz, fazendo a árvore crescer. Portanto, o apóstolo usa esta expressão ao orar: “Ora, o Senhor conduza o vosso coração ao amor de Deus” (2Ts 3.5). Ele sabia que essa graça de amor alimentaria e nutriria todas as graças.

(16) O maior de todos os benefícios caberá a nós, se amarmos a Deus. “Nem olhos viram, nem ouvidos ouviram, nem jamais penetrou em coração humano o que Deus tem preparado para aqueles que o amam” (1Co 2.9). O olho já teve raras visões, o ouvido já ouviu doce música; mas os olhos não viram, nem os ouvidos ouviram, nem pode o coração do homem conceber o que Deus tem preparado para aqueles que O amam! Tais gloriosas recompensas estão de tal modo guardadas que, como diz Agostinho, nem a própria fé é apta a concebê-las. Deus tem prometido uma coroa da vida para aqueles que o amam (Tg 1.12). Assim Deus irá nos atrair a Si por meio dessas recompensas.

(17) O amor a Deus é uma armadura poderosa contra o erro. Pela falta de corações cheios de amor, os homens têm as cabeças cheias de erro; opiniões profanas existem pela falta de afeições santas. Por que os homens são entregues a enganos terríveis? É porque eles “porque não acolheram o amor da verdade” (2Ts 2.10). Quanto mais nós amamos a Deus, mais odiamos aquelas opiniões heterodoxas que nos arrancariam de Deus para a libertinagem.

(18) Se nós amamos a Deus, nós temos todos os ventos soprando em nosso favor, todas as coisas no mundo hão de conspirar para o nosso bem. Nós não sabemos as ardentes provações com as quais podemos nos deparar, mas para aqueles que amam a Deus todas as coisas hão de cooperar para o bem. Aquelas coisas que operam contra eles hão de cooperar em favor deles; a sua cruz preparará o caminho para uma coroa; todo vendo há de guiá-los ao porto celestial.

(19) A falta de amor a Deus é o terreno da apostasia. A semente da parábola que não tinha raiz secou-se. Aquele que não tem o amor a Deus enraizado em seu coração irá secar no período da tentação. Aquele que ama a Deus se apegará a Ele, assim como Rute a Noemi. ” aonde quer que fores, irei eu e, onde quer que pousares, ali pousarei eu” (Rt 1.16-17). Mas aquele que carece de amor a Deus fará como Orfa à sua sogra; ela a beijou, disse adeus e se foi. Aquele soldado que não tem amor ao seu comandante irá deixá-lo na primeira oportunidade, correndo para o lado do inimigo. Aquele que não tem amor a Deus em seu coração, você pode contá-lo como um apóstata.

(20) O amor é a única coisa que nós podemos pagar a Deus com a mesma moeda. Se Deus se irar conosco, não devemos nos irar de volta; se Ele nos repreende, não devemos repreendê-Lo de volta; mas, se Deus nos ama, nós devemos amá-Lo de volta. Não há nada que nós possamos dar a Deus de volta, exceto o amor. Nós não devemos dar a Ele palavra por palavra, mas nós devemos dar-Lhe amor por amor.

Assim, nós vimos vinte motivos para despertar e inflamar o nosso amor a Deus.

Pergunta. O que nós devemos fazer para amar a Deus?

Resposta. Estudar Deus. Se nós O estudássemos mais, nós O amaríamos mais. Precisamos obter uma visão das Suas superlativas excelências, Sua santidade, Sua bondade incompreensível. Os anjos conhecem a Deus melhor do que nós, e claramente contemplam o esplendor da Sua majestade; por essa razão é que eles são tão profundamente apaixonados por Ele.

Trabalhar por um interesse em Deus. “Ó Deus, tu és o meu Deus” (Sl 63.1, ARC). O pronome “meu” é um doce ímã para o amor; o homem ama aquilo que é seu. Quanto mais nós cremos, mais nós amamos; a fé é a raiz, e o amor é a flor que cresce sobre ela. “A fé que atua pelo amor” (Gl 5.6).

Faça desta a sua mais fervorosa súplica a Deus: que Ele lhe dê um coração para amá-Lo. Essa é uma súplica aceitável, certamente Deus não a rejeitará. Quando o rei Salomão pediu sabedoria a Deus – “Dá, pois, ao teu servo coração compreensivo” (1Rs 3.9), “estas palavras agradaram ao Senhor” (v. 10). Sendo assim, quando você clama a Deus, “Senhor, dá-me um coração para Te amar. É a minha tristeza que eu não possa Te amar mais. Oh, manda esse fogo do céu sobre o altar do meu coração!”, certamente essa oração agrada ao Senhor, e Ele aspergirá sobre você do Seu Espírito, cujo azeite há de fazer brilhar ardentemente a lâmpada do seu amor.

Por Thomas Watson. Original: A Divine Cordial By Thomas Watson

Tradução: voltemosaoevangelho.com

Permissões: Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir este material em qualquer formato, desde que informe o autor, seu ministério e o tradutor, não altere o conteúdo original e não o utilize para fins comerciais.

5 Comentários
  1. Lucas Tito Diz

    Quando deve sair os posts finais deste livro? Deus abençoe!

    1. Vinícius S. Pimentel Diz

      Lucas, ainda temos 3 capítulos para postar, além deste que estamos terminando. Como nossa postagem do livro é semanal (mais ou menos), ainda deve demorar alguns meses…

    2. Lucas Tito Diz

      Que Deus abenços vocês com todo suprimento necessário à realização dessa empreitada

    3. Vinícius S. Pimentel Diz

      Amém! =]

  2. Karol Barreto Diz

    Aguardo ansiosamente o restante das postagens. Que o Senhor os abençoe.

Comentários estão fechados.